Show simple item record

dc.contributor.authorSchaffer, Maria Aparecida Bezerra Soarespt_BR
dc.contributor.otherAraújo, Luize Bueno dept_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor Litoral. Curso de Especialização em Gênero e Diversidade na Escolapt_BR
dc.date.accessioned2020-06-26T16:18:32Z
dc.date.available2020-06-26T16:18:32Z
dc.date.issued2016pt_BR
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/1884/51955
dc.descriptionOrientadora : Luize Bueno de Araujopt_BR
dc.descriptionMonografia (especialização) - Universidade Federal do Paraná, Setor Litoral, Curso de Especialização em Gênero e Diversidade na Escolapt_BR
dc.descriptionInclui referênciaspt_BR
dc.description.abstractResumo : As crianças vivem em mundos sociais: casa, escola, comunidade, onde presenciam, vivenciam e compartilham uma grande diversidade de experiências cotidianas que por sua vez, colaboram em sua aprendizagem e desenvolvimento e que consequentemente são expressas em novas interações, linguagens e brincadeiras. Desta maneira pude observar que nas situações lúdicas ocorridas dentro da escola de educação infantil em que trabalho, algumas crianças reproduzem durante as interações com outras crianças, personagens e comportamentos estereotipados dos gêneros masculino e feminino. Neste sentido o presente artigo buscará justificativas teóricas para fundamentar estas observações e validar as prováveis causas para este comportamento apresentado por meninos e meninas, em uma Escola de Educação Infantil situado na zona leste de São Paulo.pt_BR
dc.format.extent11 p.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.subjectJogos - Educação infantilpt_BR
dc.subjectInfancia - Comportamento sexualpt_BR
dc.subjectEngenharia socialpt_BR
dc.titleBrincadeiras de meninas e brincadeiras de meninos?pt_BR
dc.typeMonografia Especialização Digitalpt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record