Show simple item record

dc.contributor.authorBez, Beatriz Maria Moro Zetolapt_BR
dc.contributor.otherErthal, Cecilia Inêspt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Educação. Programa de Pós-Graduação em Educaçãopt_BR
dc.date.accessioned2020-08-19T01:14:56Z
dc.date.available2020-08-19T01:14:56Z
dc.date.issued1992pt_BR
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/1884/68217
dc.descriptionOrientadora: Cecilia Erthalpt_BR
dc.descriptionDissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Educaçãopt_BR
dc.description.abstractResumo: O presente estudo analisa o processo de elaboração, implantação e grau de penetração da proposta pedagógica do Currículo Básico para a Escola Pública do Estado do Paraná/90, no trabalho escolar do professor de inglês de 5a a 8a séries, a partir do depoimento que os professores de inglês de uma determinada região de Curitiba concebem sobre esses aspectos. O Currículo Básico, elaborado e divulgado pela Secretaria de Estado de Educação do Paraná, no período de 1987 a 1990, apresenta-se como um instrumento teórico de intervenção na prática escolar, o que vem provar, mesmo que contraditoriamente, o seu comprometimento com a democratização da sociedade e da escola. A pesquisa demonstrou que o grau de apreensão e incorporação das concepções norteadoras da proposta pedagógica como um todo, e especificamente referente à língua estrangeira, ainda está num estágio embrionário, dando-se muitas vezes de maneira eclética, ou até, confusa. Se por um lado, a interpretação, a aplicação e a relação ingênua da teoria educacional à prática pedagógica têm levado muitos professores de inglês a graves e irrecuperáveis equívocos, por outro lado, os têm forçado ao cumprimento de desagradáveis papéis: o de incoerentes ou demagogos, por defender teorias que não conseguem implementar; ou de ultrapassados e obsoletos, na medida em que não as acatam. Uma vez identificado que a dicotomia teoria/prática presente no trabalho do professor de inglês leva-o a uma prática repetitiva e alienada, entende-se que uma das formas de superação desse problema seja o acesso desse ao conhecimento pedagógico (e linguístico, quando necessário), o qual o levará a refletir de modo articulado e totalizante sobre o seu trabalho. Entretanto, esse conhecimento deve ser assegurado e difundido pelo Estado ao professor da rede pública estadual através de cursos de assessoramentos e capacitação docente, garantindo assim uma permanente qualificação profissional. Paralelamente a essa condição básica, outras duas se apresentam fundamentais para se chegar à unidade da teoria e da prática no trabalho do professor de língua inglesa, bem como de outras áreas de conhecimento: as condições materiais que levem a melhoria na organização da escola e, principalmente, no trabalho do professor. Apesar do processo de implementação da proposta pedagógica estar no seu início, por ocasião da pesquisa, os dados coletados indicaram limitações no nível de compreensão dos professores em relação à proposta, bem como quanto à seleção de material didático adequado à nova abordagem; também foram apontadas limitações por parte do Estado quanto aos cursos de desenvolvimento profissional. O estudo demonstrou, ainda, que um dos maiores problemas para os professores de língua estrangeira (inglês) tem sido a pouca valorização dessa disciplina como componente curricular, e por extensão do profissional da área, o que vêm prejudicando no avanço do processo de ensino-aprendizagem.pt_BR
dc.description.abstractAbstract: This study analyzes the process of elaboration, implementation and also the level of comprehension of the new pedagogical proposal - entitled Curriculum Guidelines/90 - in the work of teachers of English at Secondary State Schools. The analysis is based on a survey carried out among teachers of English in a limited area of Curitiba. The Curriculum Guidelines proposal, which was elaborated and published by Paraná State Department of Education from 1987 to 1990, is seen as a theoretical instrument of intervention into academic work. This way, it becomes a proof of its implication in society and school, though contradictory it may seem to be. The research demonstrated that the level of comprehension and assimilation of the main conceptions presented in the pedagogical proposal, and specifically those of the foreign language, are still in an embryonic stage, which seems to be sometimes eclectic or misleading. On the one hand, if the naive relation of educational theory and pedagogical practice has led many teachers of English to make serious mistakes, on the other hand, it has made them play such unpleasant roles of false and contradictory teachers, as when they defend theories they are not prepared to implement; or outdated and obsolete teachers, when they do not follow the theories proposed. The dichotomy of theory and practice was identified in the teachers work what leads them to an abstracted and repetitive practice. Then it is suggested as a way of overcoming such a problem the access of the teachers of English to the pedagogical knowledge, which would enable them to think deeply and totally about their academic work. However, this knowledge should be assumed and diffused by the State to all the teachers who work at state public schools, through courses that might guarantee the teachers' qualification. Closely to this basic condition, there are two others also essential to combine theory and practice in the work of foreign language teachers: the material conditions for a better organized school and mainly for the teachers' work itself. Although the implementation process of the pedagogical proposal is at its beginning, the collected data indicated limitations regarding the teachers' participation in the elaboration of the proposal, and limitations in instructional material such, as adequating textbooks to the new approach and limitations in the courses of professional development sponsored by the State. The study also revealed that the main problem faced by the teachers of English has been the little attention given to this discipline as a curricular component, and consequently to the teachers, which has been harmful to the development of the teaching-learning process.pt_BR
dc.format.extentxi, 210, [16] f. ; 28 cm.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.subjectPratica de ensinopt_BR
dc.subjectLíngua inglesa - Estudo e ensinopt_BR
dc.subjectEnsino - Paranápt_BR
dc.subjectDissertações - Educaçãopt_BR
dc.subjectEducaçãopt_BR
dc.titleA relação teoria e prática no trabalho pedagógico do professor de inglês : um estudo na rede estadual de ensino do Paranápt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record