Show simple item record

dc.contributor.authorMagierski, Marluz Augusto
dc.contributor.otherArenhart, Sérgio Cruz
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciências Jurídicas. Curso de Graduação em Direito.
dc.date.accessioned2016-01-18T14:21:19Z
dc.date.available2016-01-18T14:21:19Z
dc.date.issued2001
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/1884/41119
dc.descriptionOrientador: Sérgio Cruz Arenhart
dc.descriptionMonografia (graduação) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências Jurídicas, Curso de Graduação em Direito
dc.description.abstractEsta monografia tem como finalidade abordar alguns pontos importantes surgidos com o advento da Lei nº 9.079/95, que introduziu na nossa legislação, a ação monitória,integrada ao Livro IV,Título I do Código de Processo Civil. Da leitura mais apurada dos artigos 1.102a,1.102b e 1.102c,do Código de Processo Civil inseridos pela aludida Lei, surgem muitas dúvidas,as quais,se não forem devidamente percebidas e esclarecidas,farão com que esse novo procedimento fatalmente caia em desuso,por não conseguir alcançar se escopo:o de ser um meio rápido de obtenção do título executivo, atingindo, assim, a efetividade processual. Em síntese, será apresentada a definição do que seja ação monitória,modalidades de citações possíveis de serem realizadas,natureza dos embargos,e ,por fim, a fase executiva do procedimento monitório. Conquanto,será demonstrado também,dentro do possível, posições doutrinárias e jurisprudênciais sobre as questões abordadas neste trabalho.
dc.format.extent55 f.
dc.format.mimetypeapplication/pdf
dc.languagePortuguês
dc.subjectAção monitória - Brasil
dc.subjectProcesso civil - Brasil
dc.titleA ação monitória no direito brasileiro (Lei nº 7.079/95)
dc.typeMonografia Graduação


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record