Show simple item record

dc.contributor.advisorGodoy, Elenilton Vieira, 1973-pt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Educação. Programa de Pós-Graduação em Educaçãopt_BR
dc.creatorSantos, Aline Fernandes dospt_BR
dc.date.accessioned2023-12-22T12:52:00Z
dc.date.available2023-12-22T12:52:00Z
dc.date.issued2023pt_BR
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/1884/85197
dc.descriptionOrientador: Elenilton Vieira Godoypt_BR
dc.descriptionTese (doutorado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Educação, Programa de Pós-Graduação em Educação. Defesa : Curitiba, 28/07/2023pt_BR
dc.descriptionInclui referênciaspt_BR
dc.description.abstractResumo: Esta pesquisa firma um diálogo literário com Alice para falar de criança, infância, Educação Infantil, currículo e docilização, a partir da seguinte pergunta: como o dispositivo "currículo disciplinar" Currículo Base da Educação Infantil (CBEI) de Chapecó opera na docilização da criança na Educação Infantil? A tese discute as relações de poder que permeiam o currículo disciplinar. Quando tratamos de poder não estamos nos referindo ao poder habitual, que reprime, cala e oprime, mas àquele que atravessa o currículo de maneira tímida, nas ações cotidianas. O poder intrínseco ao currículo disciplinar da Educação Infantil em seu aspecto de fabricação do sujeito infantil moderno que inconscientemente é docilizado pelas ações desenvolvidas dentro dos Centros de Educação Infantil (CEI). Do ponto de vista teórico, a pesquisa se fundamenta nos estudos foucaultianos, problematizando novas perspectivas na organização atual da Educação Infantil engendrada no processo institucional responsável pela docilização das crianças. Metodologicamente, será utilizado estudos históricos com características genealógicas, revisão bibliográfica e análise do Currículo de Chapecó por meio de estudos foucaultianos. Através de um estudo histórico com características genealógicas, realizamos uma descrição da história de muitas interpretações que nos são contadas e impostas em relação à criança e à infância construídas ao longo do percurso em que a Educação Infantil se constitui como a primeira etapa da Educação Básica. A partir de uma revisão bibliográfica, compreendemos como a Educação Infantil, a criança, a infância e o currículo foram colocados em pauta em teses e dissertações (produzidas no período compreendido de 1996 a 2022) desenvolvidas desde a perspectiva foucaultiana. No percurso final da tese, apresentamos a narrativa de um documento docilizador do CBEI de Chapecó de 2019 com base nos sentidos produzidos durante a revisão bibliográfica de teses e dissertações. Partindo da perspectiva teórica adotada, a intenção não foi produzir respostas únicas e definitivas, mas, sim, problematizá-las em torno do currículo do CBEI, visto que o documento apresenta a ideia de uma criança universal, propondo um percurso de conhecimento que tem a intenção de formar corpos dóceis e obedientes dentro do cotidiano das instituições.pt_BR
dc.description.abstractAbstract: This research establishes a literary dialogue with Alice to talk about children, childhood, Early Childhood Education, curriculum and docility. From the question: how does the "disciplinary curriculum" Currículo Base da Educação Infantil (CBEI) de Chapecó operate in making docile children in Early Childhood Education? The thesis discusses the power relations that permeate the disciplinary curriculum. When we talk about power, we are not referring to the usual power, which represses, silences and oppresses, but the one that crosses the curriculum in a timid way, in everyday actions. The intrinsic power of the Early Childhood Education curriculum in its manufacturing aspect of the modern child who is unconsciously made docile by the actions developed within the Early Childhood Education Centers (CEI). From a theoretical point of view, the research is based on Foucault studies, problematizing new perspectives on the current organization of Early Childhood Education engendered in the institutional process responsible for the docility of children. Methodologically, the investigation starts from the concerns of ITeacher- Researcher, who experiences in practice situations that act in the daily life of Early Childhood Education as trainers of docile bodies, seeking from the curriculum to form an ideal of a child. Through a historical study with genealogical characteristics, we performed a description of the history of many interpretations that are told and imposed on us in relation to the child and childhood built along the path in which Early Childhood Education is constituted as the first stage of Basic Education. From a bibliographical review, we understand how Early Childhood Education, the child, childhood and the curriculum were highlighted in theses and dissertations (produced in the period from 1996 to 2022) developed from Foucault perspective. In the final section of the thesis, we present the narrative of a docile document from the CBEI of Chapecó in 2019 based on the meanings produced during the bibliographic review of theses and dissertations. Based on the adopted theoretical perspective, the intention was not to produce unique and definitive answers, but rather to problematize them in concern to the CBEI curriculum, since the document presents the idea of a universal child, proposing a path of knowledge that intends to form docile and obedient bodies within the daily life of institutions.pt_BR
dc.format.extent1 recurso online : PDF.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.subjectEducação - Estudo e ensinopt_BR
dc.subjectEducação infantilpt_BR
dc.subjectEducação de crianças - Currículospt_BR
dc.subjectEducação e Estadopt_BR
dc.subjectEnsino - Currículospt_BR
dc.subjectEducaçãopt_BR
dc.titleCurrículo : um dispositivo de docilização de crianças e infânciaspt_BR
dc.typeTese Digitalpt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record