Show simple item record

dc.contributor.advisorAlmeida, Lucia Massutti de, 1951-pt_BR
dc.contributor.authorGrossi, Paschoal Coelhopt_BR
dc.contributor.otherVas de Mello, Fernando Zagurypt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciências Biológicas. Programa de Pós-Graduação em Ciências Biológicas (Entomologia).pt_BR
dc.date.accessioned2017-08-03T20:04:14Z
dc.date.available2017-08-03T20:04:14Z
dc.date.issued2011pt_BR
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/1884/48431
dc.descriptionOrientadora : Profa. Dra. Lúcia Massutti de Almeidapt_BR
dc.descriptionCo-orientador : Prof. Dr. Fernando Zagury Vas de Mellopt_BR
dc.descriptionTese (doutorado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências Biológicas, Programa de Pós-Graduação em Ciencias Biológicas (Entomologia). Defesa: Curitiba, 21/02/2011pt_BR
dc.descriptionBibliografia: fls. 144-148pt_BR
dc.descriptionÁrea de concentração: Entomologiapt_BR
dc.description.abstractResumo: O presente trabalho é um estudo de Sclerostomini (Coleoptera: Lucanidae: Lucaninae) pertencente à subfamilia Lucaninae. Este estudo inclui por meio de análises filogenéticas com representantes da tribo e demais gêneros de Lucaninae da América do Sul e região Australiana de Lucaninae, excluindo-se os pertencentes à Chiasognathini, Casignetini e Brasilucanini. Com as análises foi possível definir quais táxons permaneceriam em Sclerostomini como um grupo monofilético. Os gêneros excluídos foram provisoriamente mantidos em Lucaninae incertae sedis e Macrocrates Burmeister transferido para Lucanini. Posteriormente foi realizada uma sinopse da tribo com chave para os gêneros, descrição dos mesmos, lista das espécies e material examinado. Dos 11 gêneros incluídos na tribo, seis são descritos como novos. Lectótipos, paralectótipos e um neótipo são designados, novos status para dois subgêneros de Sclerostomus Burmeister são propostos e novas combinações para 12 espécies são feitas. Scortizus Westwood é revisado e três das quatro espécies incluídas são transferidas para um gênero novo e é apresentada uma chave de identificação para as mesmas. Este gênero é provisoriamente alocado em Lucaninae incertae sedis e possui afinidades com outros táxons da região Andina.pt_BR
dc.description.abstractAbstract: This is a study of the tribe Sclerostomini (Coleoptera: Lucanidae) which belongs to Lucaninae. A phylogenetic analysis with the representatives of the tribe and all Lucaninae genera from South America and Australia region was performed, excluding that of Chiasognathini, Casignatini and Brasilucanini. It was possible to define Sclerostomini as a monophyletic group and the genera which belong to the tribe. The genera excluded were leave provisionally in Lucaninae incertae sedis and Macrocrates was transferred to Lucanini. A synopsis of Sclerostomini was made with key for the genera, descriptions, species list and examined material. From the 11 genera, six were described as new. Lectotypes, paralectotypes and on neotype are designated, to subgenera reeived genera status, new status and 12 new combinations are presented. The genus Scortizus is revised, and three of the four species included in it are transferred to a new genus and a key for them is included. This new genus is provisory maintened in as Lucaninae incertae sedis and shares some characters with other Andean genera that are dicussed.pt_BR
dc.format.extent154f. : il. [algumas color.], grafs.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.relationDisponível em formato digitalpt_BR
dc.subjectTesespt_BR
dc.subjectColeopteropt_BR
dc.subjectInseto - Filogeniapt_BR
dc.subjectTaxonomia numericapt_BR
dc.subjectEntomologia e malacologia de parasitas e vetorespt_BR
dc.titleRevisão taxonômica e filogenia de Sclerostomini Benesh, 1955 (Coleoptera, Lucanidae, Lucaninae).pt_BR
dc.typeTesept_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record