Show simple item record

dc.contributor.advisorSegatto, Andrea Paulapt_BR
dc.contributor.authorSousa, Indira Gandhi Bezerra dept_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciências Sociais Aplicadas. Programa de Pós-Graduação em Administraçãopt_BR
dc.date.accessioned2018-03-22T18:50:36Z
dc.date.available2018-03-22T18:50:36Z
dc.date.issued2017pt_BR
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/1884/53991
dc.descriptionOrientadora : Drª. Andréa Paula Segattopt_BR
dc.descriptionDissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências Sociais Aplicadas, Programa de Pós-Graduação em Administração. Defesa: Curitiba, 05/12/2017pt_BR
dc.descriptionInclui referências : f.209-221pt_BR
dc.description.abstractResumo: As inovações sociais podem ser desenvolvidas a partir de um produto, serviço ou atividade no intento de atender uma necessidade social. Essas inovações podem estar associadas a ações de iniciativas privadas, de governo, de comunidades, de organizações não-governamentais, de grupos específicos e até de indivíduos. Portanto, nota-se que não há uma restrição quanto ao ambiente no qual a inovação social pode ser desenvolvida ou ao ator responsável por sua disseminação. De forma específica, as iniciativas aqui estudadas são representadas por negócios de impacto. A literatura sinaliza que fundos de investimento de impacto possuem preferência por esses negócios que são propulsores de inovações sociais. Diante disso, essa pesquisa buscou, como objetivo geral, analisar como se configura a participação dos fundos de investimento de impacto nas fases do processo de inovações sociais. Para tanto, o estudo possui abordagem qualitativa, com estudo de casos múltiplos como estratégia de pesquisa. Foram selecionados três fundos de investimento de impacto e três investidas de cada fundo. Os dados foram coletados entre maio e setembro de 2017, por meio de entrevistas semiestruturadas, documentos e observações diretas. Foram realizadas 33 entrevistas com 27 participantes, entre colaboradores, gestores e fundadores dos fundos e das investidas pesquisadas. Os dados foram analisados por meio da técnica de análise de conteúdo, realizada em três etapas: pré-análise; exploração do material e tratamento dos dados; e interpretação. Os resultados sinalizam que as participações dos fundos de investimento de impacto se configuram de maneiras distintas em alguns casos, porém um padrão de participação pode ser auferido no estudo com as três gestoras de fundos: capital financeiro (rodadas de investimentos e busca de novos investidores), aspectos administrativos e financeiros (controle do movimento dos ativos, planejamento financeiro e estratégico, controle dos riscos, questões contábeis, análise dos resultados financeiros, participação no conselho de administração, assessoria de aspectos legais, mudanças estruturais, e estruturação do modelo de negócio), capital humano (recrutamento, seleção, políticas de gestão de pessoas), aspectos comerciais (novos parceiros, mercados, aproximação dos beneficiários da inovação social, redes de contato, maior contato com os stakeholders), aspectos sociais (alinhamento do impacto social, mensuração do impacto social, identidade coletiva, valores comuns e de confiança, visão social, redes sociais). As diferenças podem ser reflexo do grau de maturidade e estratégias de cada fundo, além do que os negócios investidos possuem especificidades, como o segmento de atuação e o estágio de desenvolvimento de sua inovação social. Ao final, identificou-se a complementação em uma das fases propostas por Bhatt e Altinay (2013), ou seja, um período de restruturação incorporada na fase de desenvolvimento o que permitiu conduzir a criação de uma proposta de modelo do processo de inovação social, assim como, das distintas formas de participação dos fundos. Palavras-chave: Inovação social. Fundos de investimento de impacto. Processo de inovação social. Estudo de casos múltiplos.pt_BR
dc.description.abstractAbstract: Social innovations can be developed from a product, service or activity in an attempt to meet a social need. These innovations may be associated with actions of private initiatives, government, communities, nongovernmental organizations, specific groups and even individuals. Therefore, it should be noted that there is no restriction on the environment in which social innovation can be developed or the actor responsible for its dissemination. Specifically, the initiatives studied here are represented by impact businesses. The literature indicates that impact investment funds have a preference for these businesses that drive social innovation. In view of this, this research sought, as a general objective, to analyze how the participation of investment funds of impact in the phases of the process of social innovations is configured. Therefore, the study has a qualitative approach, with multiple case studies as a research strategy. Three impact investment funds and three investees of each fund were selected. Data were collected between May and September 2017, through semi-structured interviews, documents and direct observations. A total of 33 interviews were conducted with 27 participants, among employees, managers and founders of the funds and investees surveyed. The data were analyzed through the technique of content analysis, performed in three stages: pre-analysis; exploitation of the material and processing of data; and interpretation. The results indicate that the participation of the investment funds of impact are configured in different ways in some cases, but a pattern of participation can be obtained in the study with the three fund managers: financial capital (investment rounds and search for new investors) , administrative and financial aspects (control of the movement of assets, financial and strategic planning, control of risks, accounting issues, analysis of financial results, participation in the board of directors, advice on legal aspects, structural changes and structuring of the business model) (recruitment, selection, people management policies), commercial aspects (new partners, markets, approximation of beneficiaries of social innovation, contact networks, greater contact with stakeholders), social aspects (alignment of social impact, measurement social impact, collective identity, common values and trust, social vision, social networks). The differences can be a reflection of the degree of maturity and strategies of each fund, in addition to which the invested businesses have specificities, such as the segment of performance and the stage of development of its social innovation. Finally, it was identified the complementation in one of the phases proposed by Bhatt and Altinay (2013), that is to say, a period of restructuring incorporated in the development phase which allowed to lead to the creation of a proposal of model of the process of social innovation, as well as the different forms of participation of the funds. Keywords: Social innovation. Impact investment funds. Process of social innovation. Multiple case study.pt_BR
dc.format.extent260 f. : il.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.relationDisponível em formato digitalpt_BR
dc.subjectAdministraçãopt_BR
dc.subjectFundos de investimentopt_BR
dc.subjectSustentabilidadept_BR
dc.subjectInovações sociaispt_BR
dc.titleO processo de desenvolvimento da inovação social com a participação dos fundos de investimento de impacto : um estudo de casos múltiplospt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record