Mostrar registro simples

dc.contributor.advisorCortiano Junior, Eroulthspt_BR
dc.contributor.authorRamos, André Luiz Arntpt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciências Jurídicas. Curso de Graduação em Direitopt_BR
dc.date.accessioned2015-04-13T22:56:10Z
dc.date.available2015-04-13T22:56:10Z
dc.date.issued2014pt_BR
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/1884/37518
dc.descriptionOrientador: Eroulths Cortiano Juniorpt_BR
dc.descriptionMonografia (graduação) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências Jurídicas, Curso de Graduação em Direitopt_BR
dc.description.abstractResumo: A fluidificação das fronteiras nacionais, a massificação das relações interpessoais, a valorização, pelos ordenamentos jurídicos em geral, de interesses até então solenemente ignorados e o crescente paternalismo que marca as sociedades contemporâneas põem em xeque o estudo e a dinâmica tradicional da responsabilidade civil. Seus vetustos pressupostos ou filtros ruem diante do fenômeno da expansão quantitativa e qualitativa das demandas reparatórias, há muito represadas. A culpa, outrora protagonista da responsabilidade civil, hoje desempenha papel coadjuvante - não raro, de figurante. O nexo de causalidade, diluído em inúmeras teorias explicativas, não logrou êxito em preencher os espaços que o ocaso da culpa deixou. Resta, portanto, como última fronteira do juízo de reparação, o dano indenizável, que não vem recebendo a devida atenção por parte da comunidade jurídica brasileira. Este estudo pretende, de maneira muito singela e a partir do poderoso instrumental disponibilizado pela ciência do direito comparado, especialmente a partir do consagrado problem-solving approach, cotejar os critérios de seleção e definição dos danos reparáveis nos sistemas de responsabilidade civil alemão e brasileiro, que, malgrado integrantes de uma mesma família jurídica, opõem-se quanto à estrutura normativa de seleção dos interesses merecedores de tutelapt_BR
dc.format.extent75 p.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.subjectResponsabilidade (Direito)pt_BR
dc.subjectResponsabilidade (Direito) - Alemanhapt_BR
dc.subjectResponsabilidade (Direito) - Brasilpt_BR
dc.titleO dano reparável na tradição continental : uma análise comparada dos sistemas de responsabilidade civil alemão e brasileiropt_BR
dc.typeMonografia Graduaçãopt_BR


Arquivos deste item

Thumbnail

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Mostrar registro simples