Show simple item record

dc.contributor.advisorPinto, Magda Nanuck de Godoy Ribas, 1961-pt_BR
dc.contributor.authorJunges, Alessandra Parreirapt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciências da Saúde. Curso de Especialização em Atenção Básicapt_BR
dc.date.accessioned2022-03-09T18:19:31Z
dc.date.available2022-03-09T18:19:31Z
dc.date.issued2021pt_BR
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/1884/73808
dc.descriptionOrientador : Prof. Ma. Magda Nanuck de Godoypt_BR
dc.descriptionMonografia (especialização) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências da Saúde, Curso de Especialização em Atenção Básicapt_BR
dc.descriptionInclui referênciaspt_BR
dc.description.abstractResumo: De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), a hipertensão, comumente conhecida como pressão alta, afeta cerca de 1 bilhão de pessoas em todo o mundo. É um importante fator de risco para doenças cardiovasculares, como infarto agudo do miocárdio e acidente vascular cerebral. Segundo dados do Ministério da Saúde, cerca de 35% da população brasileira sofre da doença, mas metade nem sabe. A hipertensão arterial sistêmica (HAS) retrata fator de risco de mortalidade cardiovascular para doença arterial coronariana, insuficiência cardíaca e insuficiência renal crônica. Objetivo desse trabalho foi o de promover práticas educativas sobre a importância da mudança no estilo de vida, dieta saudável nos pacientes com diagnostico de hipertensão arterial sistêmica. O público-alvo da intervenção se compôs de 20 hipertensos cadastrados na UBS Sede do município Colombo, tanto pacientes tratados que não conseguem alcançar a meta pressórica quanto em pacientes com abandono de tratamento e não tratados. O período de estudo do de janeiro a maio de 2021. Para a implantação da intervenção, optou-se por visitas domiciliares e agendamento de consultas, para tal atividade participaram a equipe multidisciplinar (médico, enfermeiro, técnico de enfermagem, agentes comunitários de saúde e nutricionista). Como estratégia dividimos a intervenção em três fases: fase1: foi realizado definição do tema, Fase 2: visita domiciliar com as ACS, Fase 3: consulta médica; Fase 4: consulta com a nutricionista. Em todas as fases da intervenção o enfoque principal foi educação em saúde, utilizado folder ilustrativo, com enfoque em alimentação saudável, atividade física, tratamento medicamentoso e acompanhamento periódico. Sabe-se que, a educação em saúde é uma das estratégias de saúde para fornecer conhecimento aos pacientes com hipertensão arterial, contribuindo para melhorar as condições de saúde. E provou também ser uma ferramenta de grande valia para controle da hipertensão, pois é uma forma de interação entre profissionais e usuários; a relevância da visita domiciliar como um diálogo educativo, assim também como a distribuição de folders educacionais; a consulta médica como facilitador da adesão e vínculo, indispensáveis no tratamento, uso correto da medicação. A relevância do especialista em nutrição na adequação da dieta individualizada com base na acessibilidade e situação econômica do paciente. A intervenção trouxe melhoria na atenção dos pacientes hipertensos através desse trabalho de intervenção, além de construir um conhecimento compartilhado para uma assistência mais adequada e uma comunidade com mais conhecimento, consciente e comprometido com seu processo saúde/doença.pt_BR
dc.format.extent1 recurso online : PDF.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.subjectHipertensãopt_BR
dc.subjectMedicamentospt_BR
dc.subjectAlimentospt_BR
dc.subjectSaúdept_BR
dc.titleHipertensão arterial sistêmica um projeto de intervenção para redução da incidência e prevalência da hipertensão arterial na população do município de Colombo - PRpt_BR
dc.typeMonografia Especialização Digitalpt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record