Show simple item record

dc.contributor.advisorSouza-Lima, José Edmilson dept_BR
dc.contributor.authorBarros Filho, Fernando do Regopt_BR
dc.contributor.otherAndersen, Sigrid de Mendonçapt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação. Programa de Pós-Graduação em Meio Ambiente e Desenvolvimentopt_BR
dc.date.accessioned2022-02-08T15:20:18Z
dc.date.available2022-02-08T15:20:18Z
dc.date.issued2020pt_BR
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/1884/69751
dc.descriptionOrientador: Prof. Dr. José Edmilson de Souza-Limapt_BR
dc.descriptionCoorientadora: Profª Drª Sigrid de Mendonça Andersenpt_BR
dc.descriptionTese (doutorado) - Universidade Federal do Paraná, Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação, Programa de Pós-Graduação em Meio Ambiente e Desenvolvimento. Defesa : Curitiba, 29/04/2020pt_BR
dc.descriptionInclui referências: p. 168-186pt_BR
dc.description.abstractResumo: A partir da verificação do papel da energia no desenvolvimento social e econômico e a formação de uma racionalidade econômica de aproveitamento de recursos naturais, a pesquisa se propõe a confirmar a tese de que o sistema jurídico e institucional brasileiro de geração de energia, criado a partir de um ideal de exploração de combustíveis fósseis e grande projetos hidrelétricos, representa um obstáculo para o pleno desenvolvimento de alternatividades em energia, opções renováveis que se contrapõem ao formato tradicional pelos menores impactos, maior descentralização e menor escala de geração. Observados os limites da racionalidade econômica de geração de energia na matriz energética nacional e estadual, voltada à combustíveis fósseis e hidrelétricas, buscou-se analisar o sistema jurídico de geração de energia e as ações estatais direcionadas às políticas públicas energéticas com o objetivo de confirmar a tese. Verificou-se que o sistema jurídico de geração de energia representa uma racionalidade instrumental para uma ação social econômica direcionada à busca das fontes mais baratas e abundantes possíveis, o que acarreta a proteção de um sistema voltado à combustíveis fósseis e grandes projetos hidrelétricos, assim como relega alternatividades a um critério também econômico e de suporte às necessidades de aumento da oferta de energia. As ações estatais, especialmente a visão do Judiciário e dos demais Poderes acerca da política energética nacional e regional também foram analisadas a partir da jurimetria de decisões do Supremo Tribunal Federal, revisão das políticas regionais de geração de energia e comparativos com outros ordenamentos jurídicos, cujos resultados apontaram para um sistema centralizado, abstrato, que não privilegia ações regionais de política energética ou beneficia a diversidade de fontes geradoras, nem estimula as características especiais da energia renovável, especialmente a redistribuição geográfica de fontes. A partir da confirmação da hipótese, propôs-se a melhoria do sistema de competências federativas e alargamento da autonomia de estados-membros e municípios para determinação de políticas públicas de energia e estímulo às potencialidades energéticas regionais. Por fim, verificou-se a necessidade de afirmação de uma política de geração distribuída que leve em consideração a necessidade de desenvolvimento da diversidade de fontes em baixa escala e potencialize a dispersão geográfica na geração de energia. Palavras-chave: energia, meio ambiente, desenvolvimento, racionalidade, legislação.pt_BR
dc.description.abstractAbstract: Based on the energy's role in social and economic development, as its economic rationality for natural resources use, this research proposes to confirm the thesis that the Brazilian legal and institutional system of energy generation, created from fossil fuels and large hydroelectric projects exploration, represents an obstacle to the full development of energy alternatives as renewable options opposed to the traditional format of generation due to the smaller environmental impacts, greater decentralization and smaller generation scale. Observing the limits of the economic rationality of energy generation in the national and state energy matrix, focused on fossil and hydroelectric energy, the analysis of the legal system of energy generation sought state actions directed to public energy policies in order to confirm the thesis. It was found that the legal system of energy generation represents an instrumental rationality for an economic and social action directed to the search for the cheapest and most abundant energy sources possible, which comprises the protection of a fossil fossils and large hydroelectric projects, as it relegates alternative sources to an economical criterion and mere support for the increasing energy supply needs. State actions, especially the view of the Judiciary, Executive and Legislative related to national and regional energy policy were also analyzed from the Supreme Court's decision-making jurisdiction, regional public policies and direct comparison to other legal systems, whose results showed a centralized, abstract system that does not favor regional energy policy actions, nor benefits the generating sources diversity or geographical decentralization. Based on the thesis confirmation, it was proposed improving the system by reordering the federative system of competences expanding the autonomy of member states and municipalities to determine public energy policies and stimulate regional energy potential. Finally, there was a need to affirm a distributed generation policy that takes into account the need to develop diversity of sources and small-scale renewable projects to enhance geographic dispersion in energy generation. Keywords: energy, environment, development, rationality, legislation.pt_BR
dc.format.extent203 p. : il. (algumas color.).pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.subjectEnergia - Aspectos ambientaispt_BR
dc.subjectEnergia - Legislaçãopt_BR
dc.subjectDesenvolvimentopt_BR
dc.subjectRacionalidadept_BR
dc.subjectCiências Ambientaispt_BR
dc.titleRacionalidade da geração nacional de energia e as estratégias de estímulo às alternatividades no Estado do Paranápt_BR
dc.typeTese Digitalpt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record