Show simple item record

dc.contributor.advisorTiecher, Adilson Luizpt_BR
dc.contributor.authorSilva, Alexsandra Zaffari dapt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná.Setor de Educação. Curso de Especialização em Coordenação Pedagógicapt_BR
dc.date.accessioned2020-01-07T13:05:14Z
dc.date.available2020-01-07T13:05:14Z
dc.date.issued2016pt_BR
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/1884/53059
dc.descriptionOrientador : Professor Me. Adilson Luiz Tiecherpt_BR
dc.descriptionMonografia (especialização) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Educação, Curso de Especialização em Coordenação Pedagógicapt_BR
dc.descriptionInclui referênciaspt_BR
dc.description.abstractResumo : Esta reflexão se fundamenta nas discussões de caráter político dos trabalhadores do campo em busca da garantia de seus direitos sociais, como por exemplo, o direito a terra, à educação, se constituindo em um panorama de pretensões por compreensões teóricas inovadoras, ordenadas no cenário da luta política. Nesta produção textual, busca-se ressaltar a importância dos movimentos sociais na sociedade, uma vez que viabilizem que as categorias populares possam participar e transformar a sociedade vigente. Nessa concepção, merece destaque o Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), como sendo um dos precursores se constituindo em um dos movimentos populares mais intensos e renomados no Brasil e que induziu a metodologia da educação no e do campo para a esfera da discussão, diálogo e prática uma vez que se tratava do principal objetivo de seus ativistas. Dessa forma, no presente artigo, será abordado de forma mais expressiva o parecer educacional advindo do MST. Para cumprir este propósito será discorrido a respeito do MST, a sua peleja pela educação no e do campo enquanto um embate igualmente do Movimento, assim como o parecer educacional do Movimento. O objetivo geral deste texto consiste em aprofundar os conhecimentos a respeito da luta pela educação do e no campo, assim como proporcionar uma reflexão acerca dos artifícios metodológicos adotados pelos professores pertencentes ao MST, na sua práxis de ensino habitual e seu parecer educacional, almejando compreender a forma como isto irá possibilitar aos educandos das extensões de reforma agrária uma civilização e, por conseguinte, a formação de cidadãos críticos, para que sejam capacitados a se tornarem agentes de transformação da sociedade.pt_BR
dc.format.extent18 p.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.subjectEducação ruralpt_BR
dc.subjectMovimentos sociais ruraispt_BR
dc.titleOs movimentos sociais do campo em prol da educação do campopt_BR
dc.typeMonografia Especialização Digitalpt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record