Show simple item record

dc.contributor.advisorNogueira, Gilciano Saraivapt_BR
dc.contributor.authorSantos, Fabiano Lourenço dospt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciências Agrárias. Curso de Especialização em Negócios e Sustentabilidade da Produção Madeireirapt_BR
dc.date.accessioned2021-06-09T18:27:55Z
dc.date.available2021-06-09T18:27:55Z
dc.date.issued2014pt_BR
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/1884/49958
dc.descriptionOrientador: Dr. Gilciano Saraiva Nogueirapt_BR
dc.descriptionMonografia (especialização) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências Agrárias, Curso de Especialização em Negócios e Sustentabilidade da Produção Madeireirapt_BR
dc.descriptionInclui referênciaspt_BR
dc.description.abstractResumo: Neste trabalho estabelece-se uma rotina de otimização no processo de planejamento estratégico florestal de uma empresa, com base florestal própria. Com dados de uma área de 3.067 ha, composta por 7 projetos florestais em diferentes idades, foi realizada a modelagem e otimização do uso das florestas por meio de uma técnica de pesquisa operacional: a programação linear. Foram gerados 16 cenários, em função da variação dos níveis máximo e mínimo de produção de madeira demandada (70.000 m³ à 120.000 m³), taxa de desconto (9,4% e 12%), manejo (reforma ou reforma + talhadia) e idades mínima e máxima de corte (6 anos à 9 anos). Com dados provenientes de inventário e prognose florestal foram geradas 14 curvas de crescimento e produção, sendo duas para cada projeto, uma para 1ª e outra para 2ª rotação. Foram determinados quatro grupos de matrizes de transição, as quais determinavam quantas prescrições de manejo seriam geradas para cada cenário. Fazendo uso do software RPF (Regulação da Produção Florestal) foram gerados os modelos de programação linear para posterior resolução com utilização do software LINGO. Dos 16 cenários gerados, cinco apresentaram solução possível atendendo às restrições do problema, resultando em valores de VPL da ordem de R$ 2,0 milhões a R$ 7,8 milhões. A aplicação de metodologia estruturada para otimização de recursos foi satisfatória e conclui-se como uma ferramenta eficiente no auxílio à tomada de decisãopt_BR
dc.description.abstractAbstract: This paper establishes a routine optimization in the processes of strategic forest planning of a company with its own forest base. With data from an area of 3,067 ha, consisting of 7 forestry projects in different ages, modeling and optimization of the use of forests was performed using a technique of operations research: linear programming. Sixteen scenarios were generated, depending on the variation of minimum and maximum levels of demanded production of timber (70,000 m³ to 120,000 m³), deduction rate (9.4% and 12%), handling (reform or reform + coppice) and minimum and maximum cut off ages (6 years to 9 years). With data from forest inventory and prognosis, 14 production and growth curves were generated, two for each project, one for the first and the other for the second rotation. Were determined four groups of transition matrices, which determined how many handling prescriptions would be generated for each scenario. Making use of the RPF (Regulation of Forest Production), were generated the linear programming models for posterior resolution using LINGO software. Of the 16 scenarios generated, five had possible solution given the constraints of the problem, resulting in values of NPV of R$ 2.0 million to R$ 7.8 million. Applying a structured approach for resource optimization was satisfactory and it is concluded as an efficient tool to aid decision making.pt_BR
dc.format.extent1 arquivo (39 p.) : il.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.titleAplicação de programação linear à regulação da produção florestalpt_BR
dc.typeMonografia Especialização Digitalpt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record