Show simple item record

dc.contributor.authorBertacchini, Valmes Junior de Paivapt_BR
dc.contributor.otherMüntsch, Sandra Mara Alessi, 1962-pt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciências da Saúde. Curso de Especialização em Atenção Básicapt_BR
dc.date.accessioned2021-06-04T18:04:27Z
dc.date.available2021-06-04T18:04:27Z
dc.date.issued2019pt_BR
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/1884/70975
dc.descriptionOrientadora : Prof(ª) Dr(ª) Sandra Alessipt_BR
dc.descriptionMonografia (especialização) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências da Saúde, Curso de Especialização em Atenção Básicapt_BR
dc.descriptionInclui referênciaspt_BR
dc.description.abstractResumo : O estudo a seguir foi realizado a partir de um projeto de intervenção e pesquisa realizado na Unidade Básica de Saúde do distrito de São Silvestre, em Cruzeiro do Oeste - PR. Este trabalho é resultado do Curso de Especialização em Atenção Básica da UFPR, financiado pelo UNA-SUS. Esse trabalho apresenta as principais causas de doenças como dorsalgia e lombalgia, causadas principalmente pela atividade laboral e a falta de exercícios físicos. Entre as maiores queixas registradas na Unidade Básica de Saúde de São Silvestre, dor nas costas, tosse, dor de garganta e dor de cabeça. Diante disso, verificou-se a possibilidade de realização de um projeto de intervenção para incentivar à prática de exercícios físicos na comunidade para o combate à lombalgia.O objetivo é diminuir o número de consultas de usuários por dorsalgias por meio de ações preventivas como as atividades físicas na Unidade Básica de Saúde de São Silvestre. Esse estudo foi realizado a partir de uma pesquisa descritiva e exploratória A pesquisa de campo, tendo por objetivo apresentar o perfil dos pacientes atendidos na Unidade Básica de Saúde e a possibilidade de realizar um trabalho de prevenção através da prática de atividades físicas e acompanhamento médico na UBS. A realização dessa pesquisa se deve ao grande número de usuários atendidos na Unidade Básica de Saúde com os mesmos diagnósticos, por problemas causados pelo sedentarismo e atividade laboral repetitiva, o que provoca maiores queixas de dores nas costas e a necessidade de uma intervenção para prevenir essas doenças, além dos resultados obtidos na realização desse projeto.O trabalho promoveu estratégias de atendimento e prevenção à lombalgia e a maioria dos participantes apresentaram melhora nas dores intensas que sentiam, isso demonstrou à população a importância dos exercícios físicos para a saúde e bem-estar. Palavras-Chave: Atividades Físicas. Lombalgia. Unidade Básica de Saúde.pt_BR
dc.format.extent1 arquivo (18 p.) : il., color.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.subjectAssistência à saúdept_BR
dc.subjectDor lombarpt_BR
dc.subjectExercícios físicospt_BR
dc.titleProjeto de intervenção para a redução das consultas, prevenção e tratamento da dorsalgia através da atividade física em usuários da zona rural de Cruzeiro do Oeste - Paranápt_BR
dc.typeMonografia Especialização Digitalpt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record