Show simple item record

dc.contributor.authorCastelhano, Pedro Jablinski, 1986-pt_BR
dc.contributor.otherSluter, Claudia Robbi, 1960-pt_BR
dc.contributor.otherLima, Cristina de Araújo, 1955-pt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Tecnologia. Programa de Pós-Graduação em Planejamento Urbanopt_BR
dc.date.accessioned2021-05-17T20:24:24Z
dc.date.available2021-05-17T20:24:24Z
dc.date.issued2019pt_BR
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/1884/65960
dc.descriptionOrientadora: Profa. Dra.Claudia Robbi Sluterpt_BR
dc.descriptionCoorientadora: Profa. Dra. Cristina de Araújo Limapt_BR
dc.descriptionDissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Tecnologia, Programa de Pós-Graduação em Planejamento Urbano. Defesa : Curitiba, 23/05/2019pt_BR
dc.descriptionInclui referências: p. 191-196pt_BR
dc.description.abstractResumo: A dispersão urbana é o fenômeno caracterizado pelo crescimento urbano fragmentado, espraiado, com baixas densidades, permeado de vazios urbanos e que determina o padrão de crescimento das cidades do século XXI. Este estudo procura verificar a influência do instrumento urbanístico conhecido como zoneamento urbano na dispersão urbana. Para isto, a pesquisa utilizou como estudo de caso o município de São José dos Pinhais - PR e partiu de uma revisão bibliográfica acerca da cidade capitalista contemporânea. Identificou, dentre os métodos existentes para mensuração da dispersão urbana, qual o mais apropriado para a análise proposta. O método foi aperfeiçoado e aplicado no município no qual foi realizado o estudo de caso. Por meio da análise da sobreposição do mapa da distribuição da dispersão urbana no município, obtido com o método escolhido, com o mapa de zoneamento urbano municipal, chegou-se à conclusão de que o zoneamento urbano, ao contrário da retórica corrente que o classifica como o principal instrumento do Plano Diretor e, por conseguinte, de planejamento urbano, não é utilizado com instrumento de planejamento urbano, senão de gestão urbana e que, portanto, não pode ser entendido como um dos causadores da dispersão na cidade. Palavras-chave: Dispersão urbana. Zoneamento. Zoneamento urbano. Planejamento urbano. Gestão urbana. São José dos Pinhais.pt_BR
dc.description.abstractAbstract: The urban sprawl is the phenomenon characterized by the fragmented urban growth, spreaded, with low densities, permeated by urban voids and that determinate the pattern of urban growth in the XXI century cities. This research seeks to verify the influence of the urban tool known as urban zoning in the urban sprawl. To do this, the research used as case study the county of São José dos Pinhais - PR and left from a bibliographic revision about the capitalist contemporary city. Identified, between the existent methods for measuring urban sprawl, which one is the most appropriate for the proposed analysis. The method was improved and applied in the case study county. By the analisys of the overlap of the map of the distribution of the urban sprawl, obtained with the chosen method, with the urban zoning map in the case study county, it was concluded that the urban zoning, contrary to the current rhetoric that classifies it as the main instrument of the Master Plan and therefore of urban urban planning, is not used as an instrument of urban planning, but as an instrument of urban management and that, therefore, cannot be understood as one of the causes of the urban sprawl. Key-words: Urban sprawl. Zoning. Urban Zoning. Urban planning. Urban management. São José dos Pinhais.pt_BR
dc.format.extent204 p. : il. (algumas color.).pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.subjectZoneamentopt_BR
dc.subjectPlanejamento urbano - São José dos Pinhais (PR)pt_BR
dc.subjectPlanejamento Urbano e Regionalpt_BR
dc.titleAnálise da influência do zoneamento na dispersão urbanapt_BR
dc.typeDissertação Digitalpt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record