Show simple item record

dc.contributor.advisorBulgacov, Sergio, 1950-
dc.contributor.authorVerdu, Fabiane Cortez
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciências Sociais Aplicadas. Programa de Pós-Graduação em Administração
dc.date.accessioned2015-11-16T18:20:23Z
dc.date.available2015-11-16T18:20:23Z
dc.date.issued2010
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/1884/24454
dc.descriptionOrientador : Prof. Dr. Sergio Bulgacov
dc.descriptionTese(doutorado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências Sociais Aplicadas, Programa de Pós-Graduação em Administração. Defesa: Curitiba, 20/08/2010
dc.descriptionBibliografia: fls. 147-161
dc.descriptionÁrea de concentração: Estratégia e Organizações
dc.description.abstractResumo: Este estudo teve como objetivo principal descrever como as empresas exportadoras da cidade de Maringá (PR), por meio de redes de relacionamentos interorganizacionais, acessam os recursos que viabilizam a internacionalização. Esta pesquisa é descritiva, ex post factum, seccional (transversal) e combina procedimentos qualitativos e quantitativos. O nível de análise é o organizacional; a unidade de análise é a organização. Ela foi desenvolvida em duas etapas. A fase qualitativa visava coletar informações sobre o comércio internacional, em revistas, jornais e sítios de organizações da área, bem como sobre três empresas exportadoras, ZM Bombas, Semix e Apiário Diamante, portanto a estratégia de pesquisa utilizada foi o estudo de casos múltiplos. Foram realizadas entrevistas semi-estruturadas com os responsáveis pelo comércio exterior de cada empresa estudada, bem como observações não participantes. As informações coletadas na etapa qualitativa foram utilizadas para o desenvolvimento do formulário da fase quantitativa, na qual foram aplicados formulários em 31 empresas exportadoras, ou seja, em 66% da população. Os dados coletados na fase qualitativa foram analisados por meio de análise de conteúdo e os coletados na uantitativa foram analisados por meio de estatística paramétrica e não paramétrica, bem com por meio de análise de redes. Nas empresas estudadas foram identificadas características de ambos processos de internacionalização, gradual e desde o início das operações. A separação das empresas por tipo de processo de internacionalização parece ser mais difícil de realizar em locais nos quais o avanço da globalização tem sido mais gradual, e quando as empresas são micro, pequenas e médias, tal como ocorre na cidade de Maringá (PR). As redes parecem ser importantes em ambos processos de nternacionalização. Os recursos específicos da internacionalização, conhecimento de mercado e experiência internacional, tendem a ser obtidos por meio de relacionamentos. As empresas exportadoras mantem diferentes tipos de relacionamentos com organizações e instituições regionais. Todas as instituições regionais fornecem recursos que viabilizam a internacionalização.
dc.description.abstractAbstract: This study aimed to describe how exporting companies in Maringa (PR), through networks of interorganizational relationships, access resources that enable internationalization. This research is descriptive, ex post factum, sectional and combines qualitative and quantitative procedures. The level of analysis is the organizational; the unit of analysis is the organization. This research was developed in two stages. The qualitative phase aimed to collect data about international trade, in magazines, newspapers and websites of organizations of the area, as well as threeexporting companies, ZM Bombas, Semix e Apiario Diamante, therefore the research strategy used was a multiple case study. Were conducted semi-structured interviews with those responsible for foreign trade of each company studied, as well as non participant observations. The information collected in the qualitative phase was used to develop the form of quantitative phase, in which forms were applied in 31 exporting companies (66% of the population). The data collected in the qualitative phase were analyzed through content analyses procedures and the data collected in the quantitative were analyzed using statistical parametric and non parametric, as well as through network analysis. In the companies studied were identified characteristics of both processes of internationalization, gradual and since the inception of operations. The separation of companies by type of internationalization process seems to be more difficult in places where the advance of globalization has been more gradual, and when firms are micro, small and medium, as occurs in Maringa (PR). The networks seem to be important in both processes of internationalization. Specific resources of internationalization, market knowledge and international experience, tend to be obtained through relationships. Exporting companies maintain different types of relationships with organizations and regional institutions. All regional institutions provide resources that enable internationalization.
dc.format.extent18f. : il. [algumas color.], grafs., tabs.
dc.format.mimetypeapplication/pdf
dc.languagePortuguês
dc.relationDisponível em formato digital
dc.subjectTeses
dc.subjectGlobalização
dc.subjectRede de negócios
dc.subjectEmpresas comerciais exportadoras
dc.subjectAdministração
dc.subject.ddc658.406
dc.titleRede de relacionamentos interorganizacionais, recursos e internacionalização : um estudo na Cidade de Maringá (PR)
dc.typeTese


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record