Show simple item record

dc.contributor.advisorBevilaqua, Ciméa Barbato, 1965-pt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciências Humanas. Programa de Pós-Graduação em Antropologia e Arqueologiapt_BR
dc.creatorKohler, Rafaela Felipept_BR
dc.date.accessioned2023-12-06T17:47:14Z
dc.date.available2023-12-06T17:47:14Z
dc.date.issued2015pt_BR
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/1884/85459
dc.descriptionOrientadora: Dra Ciméa Barbato Bevilaquapt_BR
dc.descriptionDissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências Humanas, Programa de Pós-Graduação em Antropologia. Defesa : Curitiba, 13/11/2015pt_BR
dc.descriptionInclui referências: p. 135-139pt_BR
dc.description.abstractResumo: O presente trabalho visa descrever, através da etnografia do processo, a implementação do abrigo institucional de Brusque/SC, atendimento previsto pela Política Nacional de Assistência Social para atender a população em situação de rua, assim como a refração de conflitos que surgiram e se propagaram em diferentes planos em uma efetivação particularmente conflituosa. Ao mesmo tempo, como o processo de visibilidade dos "moradores de rua", decorrente da implantação de uma política pública especializada, provocou a produção específica de um perfil dessa alteridade descolado de maiores percepções conjunturais ou possibilidades do atendimento preconizado. A efetivação do serviço - investido de diversas expectativas - mostrou que a equação era ainda mais complexa, pois impunha uma série de revisões que diziam respeito especialmente às necessidades e usos feitos. Mas, também decorrentes da convivência de diferentes estratos sociais e perspectivas, que colocava gestores e servidores de um lado e usuários de outro, estando no primeiro polo a capacidade de decisão frente à suposta inabilidade social do segundo.pt_BR
dc.description.abstractAbstract: The present study intends to describe, through the ethnography of the process, the implementation of institutional shelter in Brusque/SC, fixed service to supply the homeless by the National Policy of Social Assistence. As well as the refractive conflicts that arose and spread in different planes in a particularly confrontational enforcement. At the same time, as the process of visibility of the "homeless" to do by the implementation of a specialized public policy led to the production of a specific profile. The achievement of the service - invested with different expectations - showed that the equation was further complicated because it imposed a series of reviews which related specifically to the needs and uses made. But also resulting from the coexistence of different social stratum and perspectives that put managers and public servers on the one hand, and users on the other, with the first pole ahead of decision making to the supposed social inability of the second.pt_BR
dc.format.extent1 recurso online : PDF.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.subjectPessoas desabrigadaspt_BR
dc.subjectAntropologiapt_BR
dc.subjectAssistência socialpt_BR
dc.subjectAntropologiapt_BR
dc.title"A casa da discórdia" : etnografia da implementação de uma política de atendimento a pessoas em situação de rua em Brusque/SCpt_BR
dc.typeDissertação Digitalpt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record