Show simple item record

dc.contributor.advisorAraki, Hideo, 1961-pt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciências da Terra. Curso de Graduação em Engenharia Cartográfica e de Agrimensurapt_BR
dc.creatorLange, Guilherme Belzpt_BR
dc.date.accessioned2023-04-18T19:03:15Z
dc.date.available2023-04-18T19:03:15Z
dc.date.issued2022pt_BR
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/1884/82106
dc.descriptionOrientador: Prof. Dr. Hideo Arakipt_BR
dc.descriptionMonografia (graduação) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências da Terra, Curso de Graduação em Engenharia Cartográfica e de Agrimensurapt_BR
dc.descriptionInclui referênciaspt_BR
dc.description.abstractResumo : Este trabalho teve como objetivo aplicar técnicas práticas de Engenharia Cartográfica e de Agrimensura como Sensoriamento Remoto e Sistemas de Informações Geográficas (SIG) a partir de problemas relacionados à chuva no meio urbano do município de Recife, capital do Estado de Pernambuco. Estas técnicas foram utilizadas inicialmente pela definição dos limites de estudo dada uma imagem orbital, desenvolvida a partir de métodos, como o de classificação por Árvore de Decisão, até a manipulação de dados geográficos, obtidos gratuitamente por órgãos públicos e privados. Foram definidas regiões críticas de risco para problemas pluviais no meio urbano a partir do seu território e das informações de áreas atingidas pelas fortes chuvas que atingiram o município no mês de maio e junho de 2022, desabrigando diversos moradores e causando muitas mortes na capital. A partir da análise deste fenômeno em específico pôde-se identificar as regiões atingidas e assim também compreender quais outros fatores contribuem para uma região ser atingida além da topografia da sua territorialidade. Por fim, buscou-se encontrar, a curto prazo, uma solução para as pessoas que se encontram desabrigadas, identificando por meio da malha urbana, regiões vazias para realocar essas pessoas por meio dos parâmetros de leis municipais, zoneamento e melhores condições para a população de baixa renda. Com o crescimento da densidade urbana nas cidades, será cada vez mais necessária a aplicação destas técnicas de gestão territorial, desenvolvendo da melhor forma o espaço e exigindo um grande volume de informações que deverão ser constantemente atualizadas. Sendo assim, o Sensoriamento Remoto pôde contribuir na elaboração de novas metodologias aplicando métodos urbanísticos de curto, médio ou longo prazo com vistas ao controle e caracterização da problemática de expansão territorial e seus fenômenos aplicados ao meio urbano.pt_BR
dc.format.extent1 recurso online : PDF.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.subjectSistemas de informação geográficapt_BR
dc.subjectSensoriamento remotopt_BR
dc.subjectPlanejamento urbanopt_BR
dc.subjectCatástrofes naturaispt_BR
dc.titleAnálises territoriais de áreas em risco e áreas atingidas por alagamentos, inundações e deslizamentos no perímetro urbano de Recife – Pernambucopt_BR
dc.typeTCC Graduação Digitalpt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record