Show simple item record

dc.contributor.advisorBruning, Camila, 1982-pt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciências Humanas. Programa de Pós-Graduação em Psicologiapt_BR
dc.creatorBastos, Celinapt_BR
dc.date.accessioned2022-11-03T13:15:08Z
dc.date.available2022-11-03T13:15:08Z
dc.date.issued2022pt_BR
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/1884/79030
dc.descriptionOrientadora: Profª Drª Camila Brüningpt_BR
dc.descriptionDissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências Humanas, Programa de Pós-Graduação em Psicologia. Defesa : Curitiba, 27/06/2022pt_BR
dc.descriptionInclui referências: p. 123-134pt_BR
dc.description.abstractResumo: O presente trabalho apresenta um estudo de caso sobre a gestão de saúde dos servidores da socioeducação do estado do Paraná, e tem como objetivo analisar como o Estado faz a gestão de saúde do trabalhador da socioeducação, que ações voltadas à promoção de saúde do trabalhador da socioeducação existem, e que efeitos produzem. Ao longo do trabalho são apresentados uma revisão sistemática de literatura sobre as pesquisas realizadas no Brasil que envolvem o grupo de trabalhadores em questão, uma revisão e histórico do conceito de saúde do trabalhador, além de um breve apanhado das concepções teóricas utilizadas na análise. Para a coleta de dados são utilizados métodos qualitativos de análise de documentos, entrevistas e observação participante. Como resultados são identificadas dez ações de saúde: (i) Controle de Atestados; (ii) SAS; (iii) Perícia Médica; (iv) Círculos de Conversa; (v) Residência Técnica em Gestão Pública; (vi) Projeto de Extensão de Psiquiatria UFPR; (vii) Projeto de Extensão Psicologia e Trabalho UFPR; (viii) Círculo de Cuidados; (ix) Fortalecendo Equipes e; (x) Medidas Covid-19. São identificados como características e efeitos das ações identificadas a (i) descontinuidade; (ii) desarticulação e (iii) descrenças das metodologias por parte dos servidores. Por fim são apresentadas as conclusões do trabalho e recomendações para pesquisas futuras.pt_BR
dc.description.abstractAbstract: The present work presents a case study with the health management of socio-education workers in the state of Paraná, and aims to analyze how the State manages the health of socioeducation workers, what actions aimed at promoting the health of workers in the socioeducation exist, and what effects they produce, based on the theoretical conceptions of Critical Theory, Psychosociology and Psychodynamics of Work. Throughout the work, a systematic review of the literature on research carried out in Brazil involving the group of workers in question is presented, a review and history of the concept of worker's health, in addition to a brief overview of the theoretical concepts used in the analysis. For data collection, qualitative methods of document analysis, interviews and participatory observation are used. As a result, nine health actions are identified: (i) Control of Certificates; (ii) SAS; (iii) Medical Expertise; (iv) Conversation Circles; (v) Technical Residency in Public Management; (vi) UFPR Psychiatry Extension Project; (vii) UFPR Psychology and Work Extension Project; (viii) Circle of Care; (ix) Strengthening Teams and; (x) Covid-19 Measures. The characteristics and effects of the identified actions are identified as (i) discontinuity; (ii) disarticulation and (iii) disbelief in the methodologies on the part of the servers. Finally, the conclusions of the work and hypotheses for future research are presented.pt_BR
dc.format.extent1 recurso online : PDF.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.subjectSaúde - Trabalhadorespt_BR
dc.subjectTrabalho - Aspectos psicológicospt_BR
dc.subjectPsicologiapt_BR
dc.titleSaúde do trabalhador : um estudo com servidores da socioeducação do Estado do Paranápt_BR
dc.typeDissertação Digitalpt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record