Show simple item record

dc.contributor.advisorBeninca, Wilson de Aguiar, 1984-pt_BR
dc.contributor.authorRibeiro, Bruno Aldo De Moura Nekel, 1997-pt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor Palotina. Curso de Graduação em Engenharia de Energiapt_BR
dc.date.accessioned2022-03-14T13:56:41Z
dc.date.available2022-03-14T13:56:41Z
dc.date.issued2021pt_BR
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/1884/73982
dc.descriptionOrientador : Wilson de Aguiar Benincapt_BR
dc.descriptionMonografia (graduação) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Palotina, Curso de Graduação em Engenharia de Energia.pt_BR
dc.descriptionInclui referênciaspt_BR
dc.description.abstractResumo : Os sistemas de resfriamento evaporativo são utilizados em vários processos industriais, dentre eles: resfriamento de água em torres evaporativas, condensadores evaporativos, resfriadores de líquidos, resfriamento em locais com aplicações de geração de calor além de resfriamento para conforto animal. Todavia, são pouco utilizados para conforto ou alívio térmico humano quando comparado à sistemas tradicionais de refrigeração. O processo de resfriamento evaporativo destinado a resfriamento para alívio ou conforto térmico humano se destaca por oferecer condição de resfriamento com o mínimo gasto energético e com a mínima agressão ao meio ambiente, que se embasa principalmente no fato de esses sistemas utilizarem fluidos naturais, como ar e água, que não emitem gases de efeito estufa, diferentemente de outros fluídos artificiais utilizados em sistemas tradicionais de refrigeração. Tal característica tem intensificado estudos no campo da engenharia térmica, com objetivo de reforçar a resposta pela crescente demanda de conforto térmico. Sendo assim, esse trabalho contribui de forma a avaliar um sistema de resfriamento evaporativo direto (RED) em relação à efetividade correlacionada às condições ambientes do local, bem como levantar o índice de aplicação de sistemas de resfriamento evaporativo na região de Palotina-PR, onde foram realizados os experimentos com o equipamento em operação. Dessa maneira, avaliou-se a capacidade efetiva de resfriamento do ar através de um resfriador com capacidade máxima de vazão de 23.000 m³/h de ar. Os experimentos foram realizados durante 05 dias da primavera de 2021 na cidade de Palotina-PR, Brasil. Como parâmetros essenciais na análise de efetividade de resfriamento do ar, avaliou-se a variação de temperatura proporcionada pelo resfriador em vazões médias de ar, bem como umidade relativa do ambiente na entrada do resfriador. De acordo com a análise, se concluiu que condições do ar na entrada com maior temperatura e menor umidade favoreceram de forma direta o aumento da efetividade de resfriamento, entretanto os pontos médios maiores de 66% foram considerados baixos, concluindo-se que o resfriador possui uma efetividade baixa. Para mais, foi avaliado a variação de consumo de água do equipamento de maneira direta, com leitura manual. A vazão máxima encontrada via medição direta foi de 37,3 ± 1,3 l/h.pt_BR
dc.format.extent1 recurso online : PDF.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.subjectTermodinâmicapt_BR
dc.subjectEngenharia termicapt_BR
dc.subjectConforto termicopt_BR
dc.titleAvaliação termodinâmica experimental de um sistema de resfriamento evaporativo do tipo direto.pt_BR
dc.typeMonografia Graduação Digitalpt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record