Show simple item record

dc.contributor.authorPereira, Sissi Valente, 1984-pt_BR
dc.contributor.otherKaminski, Rosane, 1967-pt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciências Humanas. Programa de Pós-Graduação em Históriapt_BR
dc.date.accessioned2019-11-19T16:28:03Z
dc.date.available2019-11-19T16:28:03Z
dc.date.issued2019pt_BR
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/1884/64526
dc.descriptionOrientador: Prof.a Dr.a Rosane Kaminskipt_BR
dc.descriptionTese (doutorado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências Humanas, Programa de Pós-Graduação em História. Defesa : Curitiba, 30/08/2019pt_BR
dc.descriptionInclui referências: p. 227-231pt_BR
dc.description.abstractResumo: Esta tese tem como tema a ideia de marginalidade elaborada por Ozualdo Candeias em duas de suas principais obras cinematográficas, os filmes A Margem (1967) e Aopção, ou as rosas da estrada (1981). Tais filmes, produzidos sob o recorte temporal da ditadura militar brasileira, discutem a posição de indivíduos marginalizados no âmbito diegético, em confluência com o contexto histórico de sujeições e dissociação de indivíduos no âmbito social das grandes cidades brasileiras, com enfoque em São Paulo. Considerando que Candeias estabeleceu perspectivas diversas de entendimento da realidade, por meio da imagem, proponho o conceito de imagem marginal para a definição das formas e aspectos pelos quais este autor ressignifica a pobreza e a marginalidade a partir de suas escolhas estéticas. A obra deste cineasta é entendida aqui, como de extrema relevância no contexto do cinema nacional, por apresentar, de forma autoral, a reelaboração de procedimentos narrativos cinematográficos com vistas à proposição de personagens deslocados e ausentes de perspectivas, cujos ecos podem ser encontrados na realidade de sujeições pelas quais subsistiram indivíduos apartados do meio social no Brasil da segunda metade do século XX. Serão analisados, portanto, além dos recursos estéticos presentes nos filmes e que moldam a marginalidade dos personagens, alguns indícios de dissociação de indivíduos efetuados no meio social contemporâneo às obras, como as políticas de remoção de favelados, o contexto social de migrações e desenvolvimentismo, bem como o abismo social das grandes cidades brasileiras (com enfoque em São Paulo), deflagrados em decorrência de tais fenômenos. Para tanto, o conceito de realismo marginal, que compõe a ideia de imagem marginal de Candeias que quero propor, foi também elaborado, com vistas a traçar uma linha transversal entre os universos marginais diegéticos e a realidade de exclusões do contexto social. As ideias de marginalidade, exceção, exclusão e desfiliação perpassarão esta análise e serão apoiadas em autores como Giorgio Agamben, Robert Castel, Serge Paugam, Hanna Arendt, Lúcio Kowarick, entre outros. As análises do contexto cinematográfico brasileiro, bem como das obras de Ozualdo Candeias apresentadas nesta tese serão debatidas com o apoio de Fábio Uchôa, Angela Teles, Alessandro Gamo, Ismail Xavier, entre outros. Sobre as características da narrativa cinematográfica no contexto do Cinema Moderno, foram buscadas também considerações em Gilles Deleuze, Edward Branigan, entre outros. Outras fontes primárias encontram-se nesta análise e serão contrapostas aos filmes, para o estabelecimento de paralelos entre os indivíduos marginalizados do meio social e aqueles marginalizados no âmbito diegético. São elas: registros de jornais de grande circulação, como a Folha de São Paulo, O Estado de São Paulo e o jornal Notícias Populares. Palavras-chave: marginalidade; Ozualdo Candeias; desfiliação; cinema marginal.pt_BR
dc.description.abstractAbstract: This thesis has as its theme the idea of marginality elaborated by Ozualdo Candeias in two of his main cinematographic works, the films A Margem (1967) and Aopção, ou as rosas da estrada (1981). Such films, produced under the time frame of the Brazilian military dictatorship, discuss the position of marginalized individuals in the diegetic context, in confluence with the historical context of subjection and dissociation of individuals in the social scope of large Brazilian cities, focusing on São Paulo. Considering that Candeias has established diverse perspectives of understanding reality through the image, I propose the concept of marginal image to define the ways and aspects by which this author reframes poverty and marginality from his aesthetic choices. This filmmaker's work is understood here as extremely relevant in the context of national cinema, as it presents, in an authoritative way, the re-elaboration of narrative procedures with a view to the proposition of displaced and absent perspectives characters, whose echoes can be found in reality of subjection by which subsisted individuals from the social environment in Brazil of the second half of the twentieth century. Therefore, in addition to the aesthetic resources present in the films that shape the marginality of the characters, some evidence of the dissociation of individuals made in the contemporary social environment to the works will be analyzed, such as the policies of slum removal, the social context of migrations and developmentalism, as well as the social gulf of large Brazilian cities (focusing on São Paulo), triggered as a result of such phenomena. To this end, the concept of marginal realism, which makes up the idea of Candeias' marginal image that I want to propose, was also elaborated in order to draw a transverse line between the diegetic marginal universes and the reality of social context exclusions. The ideas of marginality, exception, exclusion and disaffiliation will permeate this analysis and will be supported by authors such as Giorgio Agamben, Robert Castel, Serge Paugam, Hanna Arendt, Lucio Kowarick, among others. The analyzes of the Brazilian cinematic context, as well as the works of Ozualdo Candeias presented in this thesis will be debated with the support of Fabio Uchôa, Angela Teles, Alessandro Gamo, Ismail Xavier, among others. Regarding the characteristics of cinematic narrative in the context of Modern Cinema, considerations were also sought in Gilles Deleuze, Edward Branigan, among others. Other primary sources are to be found in this analysis and will be opposed to films for the establishment of parallels between marginalized individuals in the social environment and those marginalized in the diegetic realm. They are: records of major newspapers, such as Folha de São Paulo, O Estado de São Paulo and the newspaper Notícias Populares. Keywords: marginality; Ozualdo Candeias; defiliation; marginal cinema.pt_BR
dc.format.extent231 p. : il. (algumas color.).pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.subjectCandêias, Ozualdo Ribeiro, 1922-2005pt_BR
dc.subjectMarginalidade socialpt_BR
dc.subjectHistóriapt_BR
dc.titleA imagem marginal de Candeias : lirismo, morte e desilusão nos filmes "A margem" (1967) e "Aopção, ou as rosas da estrada" (1981)pt_BR
dc.typeTese Digitalpt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record