Show simple item record

dc.contributor.advisorNikkel, Walter, 1946-pt_BR
dc.contributor.authorAmaral Junior, Renato Saenspt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Tecnologia. Curso de Especialização em Engenharia de Produçãopt_BR
dc.date.accessioned2020-05-13T01:40:41Z
dc.date.available2020-05-13T01:40:41Z
dc.date.issued2012pt_BR
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/1884/44853
dc.descriptionOrientador : Walter Nikkelpt_BR
dc.descriptionMonografia (especialização) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Tecnologia, Curso de Especialização em Engenharia de Produção.pt_BR
dc.descriptionInclui referênciaspt_BR
dc.description.abstractResumo : Impulsionadas por um mercado cada vez mais exigente e competitivo, as indústrias vem buscando constantemente se adaptar a estas novas tendências trazendo inovação, melhoria da qualidade e redução dos custos. Para possibilitar isso, tornase essencial a redução dos custos de produção e, uma política de manutenção bem definida acaba sendo extremamente importante nesta busca por maior qualidade e menores custos. Com este foco, a manutenção autônoma, traz uma maior integração entre operação, equipe de manutenção. Ambos passam a zelar pelo equipamento, realizando manutenções adequadas ao seu nível de conhecimento com foco no aumento da disponibilidade e produtividade do equipamento, bem como, da qualidade das peças a serem produzidas nele. Com a implantação da manutenção autônoma, tornou-se perceptível a redução da quantidade de paradas do equipamento para manutenção corretiva. Além disso, o constante monitoramento do equipamento possibilitou um aumento no tempo médio entre falhas e uma redução no tempo médio de reparo. Isto porque, as possíveis falhas são visualizadas com antecedência; possibilitando assim, que a intervenção de manutenção venha a ser realizada de forma mais precisa, uma vez que o tempo de planejamento para a manutenção é maior do que em uma manutenção corretiva não planejada.pt_BR
dc.description.abstractAbstract : Driven by an increasingly demanding and competitive market, the industry is constantly adapting to these new trends, driving innovation, improving quality and reducing prices. To enable it, a reduced production cost and a maintenance policy well-defined is essential to enable a high quality with lower costs. With this focus, the autonomous maintenance brings a greater integration between operators and maintenance team. Now, both are responsible to ensure good conditions to the equipment, performing maintenance actions, according to their level of knowledge, focusing on increasing the availability and productivity of the equipment, as well as, on increasing the quality of the parts produced in this equipment. With the implementation of autonomous maintenance, the reduction in the amount of downtime for corrective maintenance of equipment has become a noticeable. Moreover, the constant monitoring of the equipment allowed an increase in the mean time between failures and a reduction in the meantime to repair. It is possible because the failures chances are shown with advance, thus enabling the maintenance intervention occurs with more accurately, since the planning time for maintenance is greater than in a corrective maintenance non-planned.pt_BR
dc.format.extent53 f. : fig., graf.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.subjectManutenção produtiva totalpt_BR
dc.subjectManutenção industrialpt_BR
dc.titleImplantação do pilar manutenção autônoma em equipamento de carga de gás de uma indústria de bens de consumopt_BR
dc.typeMonografia Especialização Digitalpt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record