Show simple item record

dc.contributor.advisorSilva, Ivan Crespopt_BR
dc.contributor.authorNepomuceno, Aline Nikoshelipt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciencias Agrárias. Programa de Pós-Graduaçao em Engenharia Florestalpt_BR
dc.date.accessioned2013-06-25T15:46:27Z
dc.date.available2013-06-25T15:46:27Z
dc.date.issued2013-06-25
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/1884/15817
dc.description.abstractOs sistemas silvipastoris são sistemas agroflorestais caracterizados pela associação de cultivos arbóreos, pastagens e animais, constituindo um meio eficiente de promover o uso sustentável da terra. A região noroeste do Paraná apresenta um desenvolvimento econômico baseado em atividades agropecuárias, acumulando assim, processos de degradação ambiental. A implantação dos sistemas silvipastoris é um meio de controlar processos erosivos freqüentes na região, além de otimizar o uso da terra. Considerando a escassez de informações sobre sistemas silvipastoris presente no noroeste do Paraná, se avaliou 43 propriedades espalhadas nos municípios das microrregiões de Umuarama e Cianorte com o objetivo de caracterizar e avaliar os SSPs utilizados na região, quantificar e caracterizar as áreas com SSPs nas propriedades e determinar a freqüência e a condição das espécies presentes nos sistemas de produção das propriedades. Para isso, utilizou-se, primeiramente de revisão e análise crítica da literatura existente e, posteriormente visitas às propriedades rurais, caracterizadas pela existência de SSP, para a realização de entrevistas com os proprietários, através de um questionário estruturado como roteiro e observações no campo. Com isso, obteve-se como resultados dados relacionados à área ocupada por SSP nas propriedades avaliadas. A implantação dos SSPs na região ocorre com a introdução das árvores na ocasião de renovação de pastagens ou em áreas anteriormente ocupadas com agricultura. As modalidades mais difundidas entre as propriedades da região são o plantio do componente arbóreo nas curvas de nível, formando renques em nível com linha simples ou linha dupla, plantio em renques sem orientação definida e a formação de bosquetes. De modo geral, a seleção das espécies florestais que compõem o sistema é realizada de acordo com a rapidez de crescimento para suportar a pressão de pastejo do gado, dessa forma, é freqüente a utilização da Grevílea robusta e espécies do gênero Eucalyptus. Observou-se também o uso da Leucaena leucocephala na utilização de banco de proteína As pastagens mais adotadas são Brachiaria decumbens e Cynodon nlemfuensis. A atividade pecuária mais difundida entre as propriedades é a produção de gado para corte, utilizando gado Nelore, porém, ocorre com freqüência significativa a produção de leite através de rebanhos Girolanda. Essas espécies bovinas se adaptaram às condições climáticas da região e apresentam características produtivas satisfatórias. Como conclusão, tem-se que os sistemas silvipastoris no noroeste do Paraná ainda não desempenham todas as suas potencialidades, principalmente porque o potencial madeireiro não é aproveitado economicamente. De modo geral, a condição das árvores encontradas nos SSPs é ruim em relação as características desejáveis para produção de madeira, pois não são submetidas a manejo específicopt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.subjectTesespt_BR
dc.subjectSistemas silviculturais - Paraná, Noroestept_BR
dc.titleCaracterizaçao e avaliaçao de sistemas silvipastoris da regiao noroeste do estado do Paranápt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record