Show simple item record

dc.contributor.authorMiquelante, Flávio Antunespt_BR
dc.contributor.authorKolm, Hedda Elisabethpt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Campus Pontal do Paraná - Centro de Estudos do Mar. Curso de Graduação em Oceanografiapt_BR
dc.date.accessioned2022-07-18T10:53:35Z
dc.date.available2022-07-18T10:53:35Z
dc.date.issued2007pt_BR
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/1884/77018
dc.descriptionOrientadora: Hedda Elisabeth Kolmpt_BR
dc.descriptionMonografia (graduação) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências da Terra, Centro de Estudos do Mar, Curso de Graduação em Oceanografia com Habilitação em Gestão Ambiental Costeirapt_BR
dc.description.abstractAs ondas, ao se movimentarem em direção à praia, na maré enchente. ressuspendem e lavam as camadas superficiais dos sedimentos da zona de arrebentação e do infralitoral, e carregam consigo grande quantidade de matéria orgânica, nutrientes e bactérias que posteriormente serão depositados na faixa entremarés. A fim de fornecer informações básicas e levantar questões para futuros estudos e monitoramento dos ambientes do entorno da Ilha do Mel, este trabalho teve como objetivo avaliar a distribuição espaço-temporal (verão-inverno) da biomassa bacteriana e da abundância de bactérias heterotróficas totais, coliformes totais e E.coli na superficie dos sedimentos entremarés em quinze estações no entorno da ilha. Para isso, foram avaliados, a temperatura, umidade, granulometria, teor de carbonato e matéria orgânica dos sedimentos e a precipitação. A significância das variações espaço-temporais foi avaliada por meio de Análise de Variância bifatorial e com intuito de identificar as principais fontes de variabilidade nas comunidades bacterianas, uma Análise dos Componentes Principais foi realizada. Os resultados mostraram que os números bacterianos variaram significativamente tanto sazonalmente como espacialmente. Enquanto as bactérias heterotróficas totais e sua biomassa apresentaram as maiores concentrações no verão, os coliformes totais e a E.coli apresentaram as maiores abundâncias no inverno. A baixa temperatura, diminuição da incidência de luz solar e conseqüente redução dos raios ultravioletas, e uma menor presença de microrganismos autóctones associados ao inverno pode ter levado ao aumento da sobrevivência de coliformes nos sedimentos. A distribuição espacial das bactérias foi determinada, principalmente, devido aos diferentes graus de exposição das regiões entremarés à ação das ondas. Além de estarem localizadas em ambientes mais abrigados, que favorecem a deposição de sedimentos finos, matéria orgânica e acúmulo de grandes quantidades de bactérias, as estações com maior concentração bacteriana também estão próximas a fontes conhecidas de poluição fecal. Os resultados indicaram a importância dos parâmetros sedimentológicos na quantificação das bactérias e, conseqüentemente, no estabelecimento de Indices de referência de microrganismos indicadores de contaminação orgânica por esgotos em sedimentos entremarés da Ilha do Mel. Os sedimentos superficiais da região entremarés parecem servir como reservatório de bactérias indicadoras de poluição fecal apenas no período de menor demanda turística. No entanto, como a ilha é aproveitada ao longo de todo ano por surfistas e pelos moradores locais, a contaminação de seus sedimentos pode vir a causar sérios riscos à saúde. Diante disso, torna-se necessário à implementação de programas de monitoramento para os sedimentos das regiões entremarés ao longo de todo ano, para garantir que, ao utilizar-se das praias e/ou planícies de maré em suas atividades recreacionais, a população não esteja sujeita a algum tipo de contaminação bacteriana, fúngica e/ou viral. Palavras-chave: Bactérias heterotróficas totais. Coliformes totais. Escherichia coli. Sedimentos entremarés. Ilha do Mel.pt_BR
dc.format.extent77f. : il. grafs.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.subjectPoluição marinha - Mel, Ilha do (PR) - Mel, Ilha do (PR)pt_BR
dc.subjectEscherichia coli - Mel, Ilha do (PR) - Mel, Ilha do (PR)pt_BR
dc.subjectBiologia marinhapt_BR
dc.subjectSedimentos marinhospt_BR
dc.titleDistribuição espaço-temporal de bactérias heterotróficas totais, coliformes totais e Escherichia coli em sedimentos superficiais da região entremarés da Ilha do Mel, Paraná (BR)pt_BR
dc.typeMonografia Graduaçãopt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record