Show simple item record

dc.contributor.advisorKalinke, Luciana Puchalskipt_BR
dc.contributor.authorSantana, Edenice de Oliveira, 1974-pt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciências da Saúde. Programa de Pós-Graduação em Enfermagempt_BR
dc.date.accessioned2022-04-13T15:53:00Z
dc.date.available2022-04-13T15:53:00Z
dc.date.issued2021pt_BR
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/1884/74205
dc.descriptionOrientadora: Profa. Dra. Luciana Puchalski Kalinkept_BR
dc.descriptionDissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências da Saúde, Programa de Pós-Graduação em Enfermagem. Defesa : Curitiba, 27/05/2021pt_BR
dc.descriptionInclui referências: p. 75-94pt_BR
dc.description.abstractResumo: As modalidades terapêuticas para o câncer do colo uterino podem ocasionar consequências negativas para as mulheres. As abordagens, mente- corpo, entre elas, a imagem guiada com relaxamento progressivo, podem minimizar, aliviar estas consequências, e proporcionar melhor qualidade de vida relacionada a saúde. O objetivo deste estudo foi avaliar se a técnica de relaxamento por imagem guiada, com o uso da realidade virtual, diminui as alterações na qualidade de vida relacionada à saúde, das pacientes com câncer de colo uterino, durante o tratamento concomitante com quimioradioterapia. Trata-se de um ensaio clínico randomizado, realizado em um serviço de radioterapia de um hospital público no sul do Brasil, no período de outubro de 2019 a janeiro de 2021, em que foram incluídas 52 mulheres, sendo 28 alocadas no grupo experimental e 24 no grupo controle. A técnica utilizada para grupo experimental foi relaxamento com imagem guiada e para o grupo controle o tratamento padrão. A randomização foi realizada com uso de envelopes, contendo as siglas (Grupo experimental) e GC (Grupo controle), após distribuídas as siglas nos envelopes, estes foram lacrados e numerados e entregues aleatoriamente para as participantes. Os dados da Qualidade de Vida Relacionada à Saúde foram coletados em ambos os grupos, com o questionário Functional Assessment of Cancer Therapy- Cervix Cancer; a ansiedade foi avaliada com o uso do Inventário de Ansiedade Traço- Estado. Os resultados mostraram média de idade foi de 41,1 anos no grupo controle e 48,4 anos para grupo experimental; faixa etária de 24 a 39 anos foi a mais frequente em ambos os grupos. O maior grau de escolaridade presente no grupo controle foi ensino médio com 14 (58,3%), no experimental 11 (39,2%) e a renda na faixa de 01 a 03salários-mínimos ($189,20), em ambos os grupos. O Carcinoma Espinocelular foi tipo histológico mais frequente nos grupos do estudo, com maior número de casos em estadiamento IIIC no grupo controle (20,8%) e IIIB (39,3%) no grupo experimental. Na avaliação da qualidade de vida relacionada à saúde dos domínios bem-estar físico, funcional, qualidade de vida geral e fatores relacionados, especificamente, a sintomatologia do câncer de colo uterino tiveram escores mais elevados no grupo experimental, e declínio no grupo controle. Observou-se um declínio nos níveis de ansiedade no grupo experimental e um aumento no grupo controle a partir da 2ª avaliação. A terapia de relaxamento por imagem guiada demonstrou forte redução da ansiedade e impacto positivo na qualidade de vida geral das pacientes deste estudo. É necessário compreender a necessidade de adotarmos intervenções, por meio de práticas integrativas complementares, visando melhorar os fatores que comprometem sua qualidade de vida destas pacientes.pt_BR
dc.description.abstractAbstract: The therapeutic modalities about cervical cancer can cause negative consequences to women. The approaches, body-mind, among them, the guided image with progressive relaxing can minimalize these consequences and provide a better life quality, when related to health. The goal of this article was to evaluate if the guided image relaxing technique, using virtual reality, decreases the changes related to the patients with cervical cancer on health and quality of life, during the treatment with chemoradiotherapy. This study is about a randomized clinical trial, making a radiotherapy services from a public hospital in the south of Brazil, in the following period: October 2019 to January 2021, in which 52 women were included, 28 were allocated as an experimental group and 24 on the control group. The used technique with the experimental group was a relaxing with the use of guided images, and for the control group, the standard pattern was used. The randomization was made with the use of envelopes that contained the letters GE (experimental group) and GC (control group), after distributing the envelopes, they were sealed, numbered, and given randomly to the participants. The data about quality of life, related to health were collected in both groups, using the Functional Assessment of Cancer Therapy- Cervix Cancer questionnaire; anxiety was evaluated with the inventory anxiety traço-estado. The results had shown an age average about 41,1 years old in the control group and 24 to 39 as the average in both groups. The scholarity degree of the group was: high school 14 (58,3%), on the experimental 11 (39,2%) and the mensal income about 01 to 03 minimum wages ($189,20), in both groups. The squamous cell carcinoma was from the most common type in the study groups, with a higher number of staging cases IIIC in the control group (20,8%) and IIIB (39,9%) in the experimental group. In the quality of life related to health evaluation, the physical welfare, functional, general quality of life, and related factors, specifically, the cervical cancer symptomatology had a higher score in the experimental group and a lower score in the control group. It was noticed that the anxiety level went down in the experimental group and a growing on the second group, starting on the second evaluation. The relaxing therapy by guided images showed a strong anxiety reduction and a positive impact on the patient’s general quality of life, for the ones who have participated in this study. It is necessary to understand the necessity about adopting interventions by the use of complemental integrative practices, aiming to make the patient’s quality of life better.pt_BR
dc.format.extent1 arquivo (117 p.) : PDF.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.subjectColo uterino - Câncerpt_BR
dc.subjectTerapia pelo relaxamentopt_BR
dc.subjectRadioterapiapt_BR
dc.subjectQuimioterapiapt_BR
dc.subjectQualidade de vidapt_BR
dc.subjectEnfermagempt_BR
dc.titleRelaxamento com imagem guiada para pacientes com câncer de colo de útero em tratamento de radioquimioterapia : ensaio clínico randomizadopt_BR
dc.typeDissertação Digitalpt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record