Show simple item record

dc.contributor.authorPoitevin, Carolina Gracia, 1987-pt_BR
dc.contributor.otherPimentel, Ida Chapavalpt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciências Biológicas. Programa de Pós-Graduação em Microbiologia, Parasitologia e Patologiapt_BR
dc.date.accessioned2019-09-30T17:29:26Z
dc.date.available2019-09-30T17:29:26Z
dc.date.issued2019pt_BR
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/1884/62171
dc.descriptionOrientadora: Profª. Drª. Ida Chapaval Pimentelpt_BR
dc.descriptionTese (doutorado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências Biológicas, Programa de Pós-Graduação em Microbiologia, Parasitologia e Patologia. Defesa : Curitiba, 22/03/2018pt_BR
dc.descriptionInclui referênciaspt_BR
dc.descriptionÁrea de concentração: Microbiologiapt_BR
dc.description.abstractResumo: A mariposa Duponchelia fovealis (Lepidoptera: Crambidae) é uma praga polífaga descoberta no Brasil no cultivo de morango no Paraná em 2010. Desde então tem se espalhado para outras regiões produtoras, e o controle muitas vezes é feito com defensivos não autorizados pelo Ministério da Agricultura e Pecuária. Além disso, o hábito críptico da lagarta diminui a eficiência dos inseticidas. Sendo assim, o controle biológico com fungos entomopatogênicos é uma alternativa a ser considerada no manejo integrado, uma vez que os fungos produzem diferentes compostos que afetam os insetos praga. O objetivo desta pesquisa foi selecionar fungos entomopatogênicos capazes de controlar D. fovealis, otimizar a produção de seus esporos, e avaliar os metabólitos por eles produzidos. Os fungos foram selecionados a partir da Coleção Microbiológica da Rede Paranaense, e testados contra D. fovealis em bioensaios de patogenicidade em folhas de morangueiro. As duas melhores linhagens foram Isa340 e Bea111, com mortalidade de 84,7% e 83,1%, respectivamente. Sua produção de esporos foi otimizada em fermentação sólida e fermentação submersa, não havendo diferença estatística entre as duas metodologias quanto à mortalidade de D. fovealis, produção ou tamanho de esporos. As linhagens que causaram mortalidade superior a 45% tiveram seus metabólitos avaliados em bioensaios contra ovos e lagartas de terceiro ínstar de D. fovealis. As frações contendo macro ou micromoléculas apresentaram baixa mortalidade, porém causaram letargia nas lagartas. Sendo assim, os resultados desta pesquisa indicam linhagens com potencial no controle biológico de D. fovealis e com possibilidade de produção em larga escala tanto por fermentação sólida quanto líquida. Entretanto, para utilização dos metabólitos secundários, novos testes devem ser feitos para otimização do meio de cultura e avaliação dos efeitos subletais. Palavras-chave: Fungos entomopatogênicos. Lagarta-da-coroa. Morangueiro. Beauveria bassiana. Cordyceps javanica.pt_BR
dc.description.abstractAbstract: The moth Duponchelia fovealis (Lepidoptera: Crambidae) is a polyphagous pest discovered in Brazil in strawberry fields in Paraná in 2010. Since then, it has spread to other producing regions, and the control is usually achieved with nonauthorized pesticides. Besides, the cryptic habit of the larvae reduces insecticides efficiency. Thus, biological control using entomopathogenic fungi is an alternative to be considered in integrated management, since fungi produce different metabolites that affect insects. The aim of this research was to select entomopathogenic fungi capable of controlling D. fovealis, optimize their spore production, and evaluate the metabolites produced. Fungal isolates were originally obtained from Microbiological Collection of Paraná Network, and they were tested against D. fovealis in pathogenicity bioassays using strawberry leaves. The best strains were Isa340 and Bea111, causing mortality of 84.7% and 83.1%, respectively. Spore production was optimized in solid state and submerged fermentation, and there was no statistical difference between them related to D. fovealis mortality, production and size of spores. The strains causing mortalities higher than 45% had their metabolites evaluated in bioassays with eggs and third instar larvae of D. fovealis. The fractions caused low mortalities, however it is possible that they are responsible for sublethal damages to insect physiology. Therefore, the results from this research indicate that these strains have potential in biological control against D. fovealis, and there is a possibility of large scale production using solid state or submerged fermentation. However, other studies are necessary to use secondary metabolites, optimizing culture medium and evaluating sublethal effects. Keywords: Entomopathogenic fungi. European pepper moth. Strawberry. Beauveria bassiana. Cordyceps javanica.pt_BR
dc.format.extent88 p. : il. (algumas color.).pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.subjectFungos entomopatogenicospt_BR
dc.subjectMariposapt_BR
dc.subjectMorango - Doenças e pragaspt_BR
dc.subjectPragas - Controle biologicopt_BR
dc.subjectMicrobiologiapt_BR
dc.titleSeleção de fungos entomopatogênicos e métodos de produção de esporos e metabólitos secundários no controle biológico de Duponchelia fovealis Zeller (Lepidoptera: Crambidae)pt_BR
dc.typeTese Digitalpt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record