Show simple item record

dc.contributor.authorLenhani, Bruna Eloise
dc.contributor.otherMercês, Nen Nalú Alves das
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciências da Saúde. Programa de Pós-Graduação em Enfermagem
dc.date.accessioned2016-03-22T17:09:53Z
dc.date.available2016-03-22T17:09:53Z
dc.date.issued2015
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/1884/41800
dc.descriptionOrientadora: Profª Drª Nen Nalú Alves das Mercês
dc.descriptionDissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências da Saúde, Programa de Pós-Graduação em Enfermagem. Defesa: Curitiba, 16/12/2015
dc.descriptionInclui referências : f. 107-125
dc.descriptionÁrea de concentração: Prática profissional de enfermagem
dc.description.abstractResumo: Objetivos: Avaliar a qualidade do processo de morte do paciente com câncer avançado em cuidados paliativos. Metodologia: Pesquisa descritiva utilizando-se o método de estudo de casos múltiplos. Adotado como proposição: Os cuidados paliativos apresentam uma boa qualidade de morte. Realizado no serviço de cuidados paliativos de um hospital geral do município de Curitiba. A coleta ocorreu de março a agosto, 2015. As unidades de análise são seis pacientes com câncer avançado em cuidados paliativos e três cuidadores principais. As coletas de dados ocorreram semanalmente. Coletou-se informações sobre perfil sociodemográfico e clínico dos pacientes e perfil sociodemográfico dos cuidadores principais e aplicou-se a escala Palliative Performance Status e a Escala de Avaliação de Sintomas de Edmonton. Foi realizada uma entrevista com o cuidador principal, quando o paciente estava na fase final de vida e sem condições de comunicação oral. Resultados: Das seis unidades de análise, cinco eram do sexo masculino, destes três apresentavam câncer de próstata, um de bexiga e um de vias biliares extra-hepática; a paciente feminina com câncer de estômago. Todos com idade superior a 50 anos e estavam aposentados. As três cuidadoras principais, eram do sexo feminino, filhas das unidades de análise, porém somente duas aceitaram participar. Os sintomas que interferiram na qualidade do processo de morte foram; ansiedade, depressão, apetite, cansaço, dor e falta de ar. As categorias elencadas: sentimentos vivenciados pelo paciente em relação ao processo de morrer e à morte e sentimentos vivenciados pelas cuidadoras principais em relação ao processo de morte e à morte. Os pacientes vivenciam o medo, revolta, esperança, sensação de proximidade com a morte e calma; e os sentimentos expressos pelas cuidadoras principais foram: dificuldade de autocuidado, medo de sofrer após a morte do pai e esperança de que a situação se reverta e eles voltem para casa. A qualidade do processo de morte das unidades de análise teve escore ruim. Considerações Finais: a proposição inicial não foi sustentada, pois as unidades de análise não apresentaram boa qualidade de morte, devido ao não controle dos sintomas físicos e psicológicos, a não experiência do conforto, dignidade/respeito. Os objetivos foram alcançados. Observou-se a necessidade de elaboração de um instrumento com escores preditivos para avaliação da qualidade de morte, e o desenvolvimento de novos estudos na temática. É necessário ampliar as discussões sobre a morte, para melhorar a assistência e consequentemente melhorar a qualidade de morte dos pacientes em cuidados paliativos. Palavras-chaves: perfil de impacto da doença; cuidados paliativos; câncer; morte; qualidade de vida; avaliação de sintomas.
dc.description.abstractAbstract: Objective: assess the quality of the patient's death process with advanced cancer in palliative care. Methodology: a descriptive study using the method of study of multiple cases. Adopted as a proposition: Palliative care have a good quality of death. Held at the service of palliative care in a general hospital in the city of Curitiba. The collection took place from March to August. The units of analysis are six patients with advanced cancer in palliative care and three primary care providers. Data collection occurred weekly. Collected up information on sociodemographic and clinical profile of patients and socio-demographic profile of the principal caregivers and applied to Palliative Performance Scale status and the Edmonton Symptom Assessment Scale. Also, an interview was conducted with the primary caregiver when the patient was in the final stage of life and without communication conditions oral. Results: Of the six analysis units five were males, three of these had prostate cancer, a bladder and of extrahepatic bile ducts; female patient with stomach cancer. All older than 50 years and were retired. The three main caregivers, were female, daughters of analysis units, but only two agreed to participate. The symptoms that interfere with the quality of the dying process were; anxiety, depression, appetite, fatigue, pain and shortness of breath. The listed categories: feelings experienced by the patient in relation to the process of dying and death and feelings experienced by primary caregivers in relation to the death and dying process. Patients experience fear, anger, hope, sense of closeness with death and calm; and the sentiments expressed by the main caregivers were: difficulty in self-care, fear of suffering after his father's death and hope that the situation will be reversed and they go home. The quality of the death of the units of analysis process had bad score. Conclusion: the initial proposal was not supported, as the units of analysis did not show good quality of death due to no control of physical and psychological symptoms, not to experience the comfort, dignity / respect. The objectives were achieved. There was the need for building an instrument with predictive scores to evaluate the quality of death, and the development of new studies on the subject. It is necessary to broaden discussions about death, to improve care and consequently improve the quality of death of patients in palliative care. Keywords: sickness impact profile; palliative care; cancer; death; quality of life; symptom assessment.
dc.format.extent144f. : il., algumas color.
dc.format.mimetypeapplication/pdf
dc.languagePortuguês
dc.relationDisponível em formato digital
dc.subjectEnfermagem
dc.subjectCâncer
dc.subjectQualidade de vida
dc.subjectMorte
dc.titleQualidade de morte em cuidados paliativos oncológicos : estudos de casos múltiplos
dc.typeDissertação


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record