Show simple item record

dc.contributor.advisorLuz, Ennio, 1926-pt_BR
dc.contributor.authorImbiriba, Arlete Schmidlinpt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciências Biológicas. Programa de Pós-Graduação em Zoologiapt_BR
dc.date.accessioned2022-06-22T16:22:23Z
dc.date.available2022-06-22T16:22:23Z
dc.date.issued1977pt_BR
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/1884/74576
dc.descriptionOrientador: Dr. Ennio Luzpt_BR
dc.descriptionDissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Curso de Pós-Graduação em Entomologiapt_BR
dc.descriptionInclui referências: p. 86-89pt_BR
dc.description.abstractResumo: Este trabalho procurou verificar a ocorrência de muscóideos e alguns de seus aspectos ecológicos, em diferentes abatedouros de Curitiba e arredores, e relacionar o papel epidemiológico das moscas como vetores mecânicos de bactérias patogênicas. Com esta finalidade, realizaram-se coletas semanais em abril/75 a abril/76, utilizando-se armadilhas com iscas de sardinha e cebola em decomposição e papeis mata-moscas. Também foram realizadas coletas semanais, usando-se rede entomológica, durante o verão de 1976. 0 Frigorifico Túlio, um dos abatedouros estudados, organizou um amplo controle químico, e os aspectos quantitativos das coletas foram bastante alterados, sendo, entretanto, possível a constatação de que sua fauna é semelhante a do Aves Felício, frigorifico localizado nas proximidades. Estudando-se o material capturado, verificou-se a maior abundância de muscídeos, sendo Musca domestica a espécie predominante nos três abatedouros. Cochliomyia macellaria foi a segunda espécie mais frequente. E salientou-se a coleta de Chrysomya chloropyga, espécie africana, ate então não citada para a Região Neotropical. Os muscídeos em geral foram mais atraídos para o papel mata-moscas, porem califorídeos e sarcofagídeos mostraram maior atração para a isca de sardinha. As capturas realizadas no interior e exterior dos frigoríficos permitiram verificar a maior concentração na área externa dos mesmos. Califorídeos e muscídeos exibiram maior proporção de fêmeas em todos os locais estudados e os sarcofagídeos não demonstraram dominância na proporção entre os sexos. Para os muscídeos não houve variação sazonal definida e as espécies mais frequentes ocorreram o ano inteiro; os califorídeos foram mais abundantes durante a primavera e verão, e os sarcofagídeos, no final do verão e inicio do outono. Foram examinados 145 lotes de moscas, procedentes dos três frigoríficos. Em todos verificou-se a presença de Proteus sp. e E. coli. Houve apenas uma amostra positiva para Salmonella sp., isolada de M. domestica .pt_BR
dc.description.abstractSummary: The occurrence of adult Muscoidea and some aspects of their ec? logy were studied in three abattoirs in Curitiba from April 1975 to April 1976. Weekly samples were collected using traps baited with (a) sardines, (b) decomposing onion and insecticide-impugnated paper strips. Djj ring the summer of 1976 weekly captures were also made with a sweep net. Chemical control measures used in one of the abattoirs (Tulio), greatly affected the sizes of the samplings; nevertheless the insect fa? na there was similar to that in a second abattoir nearby (Aves FelTcio). In the three abattoirs studied, Musoa domestioa was the commonest species, followed by Coohliomyia maoellaria. Of particular interest was the presence of Chrysomya chloropyga, an African species which had not been recorded previously from the Neotropics. In general, the Muscidae were attracted mostly to the paper strips, whereas the Calliphoridae and Sarcophagidae preferred sardine baits. Larger number of flies occurred outside the refrigeration rooms than were inside of them. In all three localities higher proportion of females of Calliphoridae and Muscidae were observed, whereas the sex-ratio of Sarcophagidae was near parity. Adults of all of the more frequent species of Muscidae occurred throughout the year, but Calliphoridae were more abundant during summer and beginning of autumn. At least some flies in all of the 145 samples contained E. ooli and Proteus sp., but only one sample, which was from Musca domestica proved to contain Salmonella sp.pt_BR
dc.format.extent90f. : il., grafs., tabs., mapas.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.relationDisponível em formato digitalpt_BR
dc.subjectEntomologiapt_BR
dc.subjectMosca como transmissora de doençaspt_BR
dc.subjectSalmonelapt_BR
dc.subjectShigellapt_BR
dc.subjectZoologiapt_BR
dc.titleOcorrência de dípteros muscóideos em abatedouros de Curitiba-PR e arredores e índice de infecção por Shigella e Salmonellapt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record