Show simple item record

dc.contributor.advisorPavanelli, Gilberto Cezar, 1948-pt_BR
dc.contributor.authorPandini, Fernandapt_BR
dc.contributor.otherIsaac, Andréia, 1975-pt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor Palotina. Programa de Pós-Graduação em Aquicultura e Desenvolvimento Sustentávelpt_BR
dc.date.accessioned2022-08-30T13:03:04Z
dc.date.available2022-08-30T13:03:04Z
dc.date.issued2016pt_BR
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/1884/46259
dc.descriptionOrientador : Prof. Dr. Gilberto Cezar Pavanellipt_BR
dc.descriptionCoorientador : Profª. Drª. Andréia Isaacpt_BR
dc.descriptionDissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor Palotina, Programa de Pós-Graduação em Aquicultura e Desenvolvimento Sustentável. Defesa: Palotina, 25/02/2016pt_BR
dc.descriptionInclui referências : f. 20-23pt_BR
dc.description.abstractResumo: A introdução de espécies pode modificar a comunidade biótica na qual a espécie é inserida. Peixes introduzidos podem diminuir os estoques de espécies nativas ou até mesmo levar estas à extinção. Quando uma espécie é transferida para um ambiente que não faz parte de sua área de distribuição natural, há a uma grande chance de que leve consigo seus parasitos. A tilápia (Oreochromis niloticus) é a espécie mais cultivada na piscicultura nacional e na região de Palotina-PR, e durante sua introdução trouxe consigo espécies de parasitas de sua fauna parasitária. As consequências da invasão de parasitos exóticos são difíceis de estimar, portanto, o seu monitoramento ajudará a compreender e prever impactos potenciais causados à ictiofauna nativa. Esse trabalho teve como principal objetivo identificar os parasitas monogenoideos das brânquias de O. niloticus capturados nas pisciculturas selecionadas para este estudo. A captura dos peixes ocorreu trimestralmente entre fevereiro e outubro de 2014 em pisciculturas localizadas no entorno do rio Azul, município de Palotina. As espécies de Monogenea encontrados foram Cichlidogyrus scleroses, Cichlidogyrus longicornis, Cichidogyrus thurstonae e Cichlidogyrus tubicirrus magnus, sendo que dos 300 peixes analisados, 36,7% estavam parasitados. O estudo da fauna parasitária de O. niloticus demonstrou que a tilápia apresenta elevada resistência ao parasitismo quando comparada a outras espécies de peixes cultivados no Brasil, sendo menos susceptível às enfermidades. Apesar das diferenças que ocorrem entre as pisciculturas, nenhuma apresentou alto nível de enfermidades. Palavras-chave: Monogenea. Cichlidogyrus scleroses. Cichlidogyrus longicornis. Cichidogyrus thurstonae. Cichlidogyrus tubicirrus magnus. Parasita de peixe.pt_BR
dc.description.abstractThe introduction of species can change the biotic community in which the species is inserted. Introduced fish can reduce stocks of native species or even take these to extinction. When a species is transferred to an environment that is not part of their natural range, there is a great chance to bring along their parasites. Tilapia (Oreochromis niloticus) is the most widely cultivated species in national fish farming and Palotina-PR region, and during its introduction brought species of parasites of their parasitic fauna. The consequences of exotic parasites invasion are difficult to estimate, so your monitor will help understand and predict potential impacts to native fish populations. This work aimed to identify the parasites Monogenoidea from gills of O. niloticus caught in fish farms selected for this study. The fish harvesting occurred quarterly, between February and October 2014 in the fish farms surrounding Azul River, located in Palotina. The species found were the Monogenea Cichlidogyrus scleroses, Cichlidogyrus longicornis, Cichidogyrus thurstonae and Cichlidogyrus tubicirrus magnus, and from the 300 fish analyzed, 36.7% were parasitized. The study of parasitic fauna of O. niloticus showed that tilapia has high resistance to parasitism compared to other fish species grown in Brazil, being less susceptible to diseases. Despite the differences that occur between fish farms, none showed a high level of disease. Keywords: Monogenea. Azul River. Cichlidogyrus scleroses. Cichlidogyrus longicornis. Cichidogyrus thurstonae. Cichlidogyrus tubicirrus magnus. Fish parasite.pt_BR
dc.format.extent23 f. : il.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.relationDisponível em formato digitalpt_BR
dc.subjectAqüiculturapt_BR
dc.titleEctoparasitas branquiais de Oreochromis niloticus de pisciculturas localizadas na área da bacia do Rio Azul, Paranápt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record