Show simple item record

dc.contributor.advisorFreitas, Thales Renato Ochotorena dept_BR
dc.contributor.authorBarbosa, Luana Tavarespt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciências Biológicas. Programa de Pós-Graduação em Genéticapt_BR
dc.date.accessioned2014-10-01T12:51:15Z
dc.date.available2014-10-01T12:51:15Z
dc.date.issued2013pt_BR
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/1884/36190
dc.descriptionOrientador : Prof. Dr. Thales Renato O. de Freitaspt_BR
dc.descriptionDissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências Biológicas, Programa de Pós-Graduação em Genética. Defesa: Curitiba, 28/06/2013pt_BR
dc.descriptionInclui referênciaspt_BR
dc.description.abstractResumo: A espécie Galictis cuja distribui-se do Centro ao Sul do Brasil. Esta espécie de mustelídeo, apresenta corpo alongado, membros curtos, cabeça achatada e coloração cinza amarelada, com tonalidade escura da garganta ao ventre, e também nos membros. Habitam áreas abertas e florestas, geralmente, em locais próximos a água. Apresentam atividade noturna e alimentam-se de pequenos vertebrados. O cariótipo de G. cuja , aqui descrito, é o primeiro registro, para o Sul do Brasil, e é de um macho coletado no município de Massaranduba, no Estado de Santa Catarina. A análise de 15 metáfases, em coloração comum, mostrou os números diplóide igual a 38 e o número de braços dos cromossomos autossômicos igual a 68. Os 38 cromossomos estão distribuídos em 7 pares de subtelocêntricos, 4 de metacêntricos, 5 de submetacêntricos, 2 de acrocêntricos, mais o cromossomo X metacêntrico e o cromossomo Y que é um pequeno acrocêntrico, todos caracterizados por mensuração e classificados conforme a razão do braços (RB). Em coloração com Giemsa foi observada a presença de uma constrição secundária bem evidente no par acrocêntrico de menor tamanho, que se mostrou conspícua quando da coloração com nitrato de prata. Tanto a constrição secundária como a banda Ag-NOR não foram descritas na outra espécie deste gênero, Galictis vittata. A banda C confirmou constrição secundária no par cromossômico 18. Análises preliminares em ZOO-FISH utilizando sondas de cromossomos humanos revelaram sinais no par cromossômico 2 no braço q (HSA 3), no par 11 no braço q (HSA 6), no par 9 no braço q (HSA 9), no par 14 no braço q (HSA 10), no par 16(HSA 11), e no par cromossômico do par 13(HSA 13).pt_BR
dc.description.abstractAbstract: The species Galictis cuja is distributed from the Center to the South of Brazil. These mustelid species features elongated body, short limbs, flattened head and it has a yellowish-gray color, with a dark shade from the throat to the abdomen, along with the members. The habitat is characterized by open areas and forests, commonly, in places near water. These animals are more active during the night and eat small vertebrates. The G. cuja karyotype described in this study is the first report from the South of Brazil and it comes from a male collected in Massaranduba country, in Santa Catarina state. The analysis of 15 metaphases in standard staining showed a diploid number of 38 chromosomes and 68 autosomic arms. The 38 chromosomes are distributed in 7 subtelocentric pairs, 4 metacentric, 5 submetacentric, 2 acrocentric, plus the metacentric X chromosome and the Y chromosome, which is a small acrocentric, all characterized by measurement and classified according to the arm ratio criteria. With the standard staining it was possible to observe a secondary constriction evident in the acrocentric pair of smaller size, which proved to be conspicuous to silver nitrate staining. Both the secondary constriction as the Ag-NOR banded karyotype were not described in the other species of this genus, Galictis vittata. The C-banded karyotype confirmed a secondary constriction in the chromosome 18. Preliminary analyzes in ZOO-FISH, using human chromosomes probes revealed signs of hybridization in the long arm of chromosome pair 2 (HSA3),, long arm of chromosome pair 11(HSA6),, long arm of chromosome pair 9(HAS 9),, long arm of chromosome pair 14(HSA10), and in the chromosome pair 13(HSA11), and 16(HSA12).pt_BR
dc.format.extent105f. : il., tabs., color.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.relationDisponível em formato digitalpt_BR
dc.subjectDissertaçõespt_BR
dc.subjectCitogenética animalpt_BR
dc.subjectCricetidaept_BR
dc.subjectGenéticapt_BR
dc.titleContribuições citogenéticas nas espécies Galictis cuja (carnivora, mustelidae) e Scapteromys (rodentia, cricetidae) : 1. Descrição cromossômica, utilizando citogenética clássica e molecular, da espécie Galictis cuja(carnivora, mustelidae) 2. Caracterização cariotípica através da citógenética clássica e análise filogenética em citótipos do gênero Scapteromys (rodentia, cricetidae)pt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record