Show simple item record

dc.contributor.advisorPorsse, Alexandre Alves, 1974-pt_BR
dc.contributor.authorPeña, Alexandre Lamas, 1988-pt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciências Sociais Aplicadas. Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Econômicopt_BR
dc.date.accessioned2019-10-15T18:13:40Z
dc.date.available2019-10-15T18:13:40Z
dc.date.issued2019pt_BR
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/1884/62989
dc.descriptionOrientador: Prof. Dr. Alexandre Alves Porssept_BR
dc.descriptionDissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências Sociais Aplicadas, Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Econômico. Defesa : Curitiba, 01/03/2019pt_BR
dc.descriptionInclui referências: p. 65-68pt_BR
dc.description.abstractResumo: O objetivo desta dissertação é analisar a estrutura econômica da Região Metropolitana de Curitiba (RMC) e suas interações internas utilizando a modelagem insumo-produto a partir da estimação da MIP. Essa análise é realizada com base nos principais indicadores estruturais da abordagem insumo-produto: multiplicadores da produção, índices de ligação e decomposição regional do multiplicador da produção. O estudo foi realizado em duas etapas principais. A primeira foi de calibragem, em que a matriz insumo-produto foi construída a partir da matriz de usos e recursos do IBGE, para o ano de 2010, adotando procedimentos inspirados no método Interregional Input-Output Adjustment System desenvolvido por Haddad et al. (2017). A segunda etapa foi analítica, ou seja, alguns indicadores estruturais usuais na abordagem insumoproduto foram calculados e analisados. O modelo insumo-produto utilizado foi implementado com 20 regiões (18 cidades que compõem o aglomerado de caráter metropolitano de Curitiba - RMC, o Restante do Paraná e o Restante do Brasil). A matriz tem uma abertura setorial composta por 23 setores produtivos. Os resultados evidenciam que as políticas de desenvolvimento industrial no Paraná modificaram a estrutura econômica da RMC, resultando em uma estrutura mais diversificada e complexa do que aquela observada nos anos 70 e 80, que era especializada em setores tradicionais como produtos alimentares e madeira. Entretanto, os setores-chaves ainda são restritos na RMC, abrangendo a Indústria Petroquímica, a Metalurgia e a Madeira e Celulose, que predominantemente se localizam nas cidades de Araucária, São José dos Pinhais e Curitiba. Por último, a análise de decomposição regional mostra que a maioria dos setores industriais na RMC possuem elevado grau de vazamento regional do multiplicador da produção. Palavras-chave: Matriz insumo-produto regional. Região Metropolitana de Curitiba. Indicadores Estruturais. Modelo Interregional Input-Output Adjustment System -IIOAS.pt_BR
dc.description.abstractAbstract: The objective of this dissertation is to analyze the economic structure of the Metropolitan Region of Curitiba (MRC) and its internal interactions using input-output modeling from the estimation of MIP. This analysis is based on the main structural indicators of the input-output approach: production multipliers, linkage indices, and regional decomposition of the production multiplier. The study was conducted in two main stages. The first one was calibration, in which the input-output matrix was constructed from the matrix of uses and resources of IBGE for the year of 2010, adopting procedures inspired by the Interregional Input-Output Adjustment System developed by Haddad et al. (2017). The second stage was analytical, that is, some usual structural indicators in the input-output approach were calculated and analyzed. The inputoutput model was implemented with 20 regions (18 cities that make up the metropolitan cluster of Curitiba - RMC, the Rest of Paraná and the Rest of Brazil). The matrix has a sectorial opening composed of 23 productive sectors. The results show that industrial development policies in Paraná have modified the economic structure of the MRC, resulting in a more diversified and complex structure than that observed in the 1970s and 1980s, which specialized in traditional sectors such as food and wood. However, key sectors are still restricted in the MRC, covering the Petrochemical Industry, Metallurgy and Wood and Cellulose, which are predominantly located in the cities of Araucária, São José dos Pinhais and Curitiba. Finally, the analysis of regional decomposition shows that most of the industrial sectors in the MRC have a high degree of regional leakage of the production multiplier. Keywords: Regional input-output matrix. Metropolitan Region of Curitiba. Structural Indicators. Model Interregional Input-Output Adjustment System -IIOAS.pt_BR
dc.format.extent70 p. : il. (algumas color.).pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.subjectEconomiapt_BR
dc.subjectModelagempt_BR
dc.subjectRelações intersetoriaispt_BR
dc.subjectCrescimento e Desenvolvimento Econômicopt_BR
dc.subjectCuritiba, Região Metropolitana de (PR) - Condições econômicaspt_BR
dc.titleEstrutura econômica e integração produtiva : uma análise de insumo-produto para a região metropolitana de Curitibapt_BR
dc.typeDissertação Digitalpt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record