Show simple item record

dc.contributor.advisorLana, Paulo da Cunha, 1956-pt_BR
dc.contributor.authorTeodoro, Nálita Maria Scamparlept_BR
dc.contributor.otherAle, Karin Hoch Fehlauerpt_BR
dc.contributor.otherDomenico, Maikon dipt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciências Biológicas. Programa de Pós-Graduação em Zoologiapt_BR
dc.date.accessioned2017-05-04T20:53:05Z
dc.date.available2017-05-04T20:53:05Z
dc.date.issued2016pt_BR
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/1884/46160
dc.descriptionOrientador : Dr. Paulo Cunha Lanapt_BR
dc.descriptionCoorientador : Drª. Karin Hoch Fehlauer Alept_BR
dc.descriptionCoorientador : Dr. Maikon Di Domenicopt_BR
dc.descriptionDissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências Biológicas, Programa de Pós-Graduação em Zoologia. Defesa: Curitiba, 21/03/2016pt_BR
dc.descriptionInclui referências : f. 35-48pt_BR
dc.description.abstractResumo: O saccocirrídeo intersticial Pharyngocirrus gabriellae (Du Bois-Reymond Marcus, 1946), originalmente descrito para o sudeste do Brasil, tem sido reportado para águas rasas de todo o mundo. O padrão de distribuição reportado poderia estar mascarando um complexo de espécies crípticas ou representar de fato uma única espécie amplamente disseminada devido a processos geológicos e oceanográficos. Para avaliar estas duas hipóteses explicativas, nós inferimos relações entre os 95 terminais (5 espécies de Protodrillidae e 16 espécies de Saccocirrus como grupos externos, e 74 espécimes atribuídos a Pharyngocirrus e recolhidos de locais de todo o mundo) através de métodos de Máxima Verossimilhança e Bayesiana, usando 16S. Ambas as análises apoiaram três clados de Pharyngocirrus gabrillae: 1) um clado constituído por espécies das ilhas do Indo-Pacífico e Canárias; 2) um clado das espécies não descritas na maior parte do Atlântico Equatorial (Panamá, Fernando de Noronha e Ilhas Canárias) e Califórnia; 3) Pharyngocirrus gabriellae, incluindo populações anfiatlânticas e anfiamericanas (Chile, Brasil, Cuba, Panamá e Ilhas Canárias). Além disso, nossas análises revelaram que as sequências de 16S de Saccocirrus sonomacus (KF954446), Saccocirrus sp. 3 (KF954448, do Panamá) e Saccocirrus sp. 4 (KF954450, de Ilhas Canárias) depositados no Genbank combinam com sequências de P. gabriellae. Os resultados parecem contradizer as altas taxas de especiação esperados para animais meiofaunais com curta duração larval e mobilidade adulta restrita levando a capacidade de dispersão limitada. No entanto, o sequenciamento de genes adicionais, amostragem de mais regiões, e calibração de um relógio molecular são necessários para melhor avaliar tais padrões de distribuição generalizada. Palavras-chave: Annelida; Meiofauna; Espécie cosmopolita.pt_BR
dc.description.abstractAbstract: The interstitial saccocirrid Pharyngocirrus gabriellae (Du Bois-Reymond Marcus, 1946), originally described from southeastern Brazil, has been reported from worldwide shallow waters. The reported distribution pattern could be masking a complex of cryptic species or in fact correspond to a single widespread species due to geological and oceanographic processes. To assess these two explanatory hypotheses, we inferred the relationships among 95 terminals (5 species of Protodrilidae and 16 species of Saccocirrus as outgroups, and 74 specimens attributed to Pharyngocirrus and collected from worldwide locations) through maximum-likelihood and Bayesian methods, using 16S. Both analyses supported three clades of Pharyngocirrus: 1) a clade made up by species from the Indo-Pacific and Canary Islands; 2) a clade of undescribed species mostly from the Equatorial Atlantic (Panama, Fernando de Noronha and Canary Islands) and California; 3)Pharyngocirrus gabriellae, including amphi-Atlantic and amphi-American populations (Chile, Brazil, Cuba, Panama, and Canary Islands). In addition, our analysis revealed that the 16S sequences of Saccocirrus sonomacus (KF954446), Saccocirrus sp. 3 (KF954448, from Panama) and Saccocirrus sp. 4 (KF954450, from Canary Islands) deposited in Genbank match with P. gabriellae sequences.The results seem to contradict the high speciation rates expected in meiofaunal animals with short larval duration and restricted adult mobility leading to limited dispersal capability. However, sequencing of additional genes, sampling of more regions, and calibration of a molecular clock are needed to better evaluate such widespread distribution patterns. Key words: Annelida; Meiofauna; Cosmopolitan species.pt_BR
dc.format.extent59 f. : il. algumas color., tabs., grafs.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.relationDisponível em formato digitalpt_BR
dc.subjectZoologiapt_BR
dc.subjectAnelideopt_BR
dc.titleDados moleculares revelam que pharyngocirrus gabriellae (Saccocirridae: Annelida) é uma anfiatlântica e anfiamericanapt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record