Show simple item record

dc.contributor.advisorGobbi, Eduardo Felgapt_BR
dc.contributor.authorTrindade, Tamara Vigolopt_BR
dc.contributor.otherAndreoli, Cleverson Vitóriopt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Tecnologia. Programa de Pós-Graduação em Meio Ambiente Urbano e Industrialpt_BR
dc.contributor.otherSENAI. Departamento Regional do Paranápt_BR
dc.contributor.otherUniversität Stuttgartpt_BR
dc.date.accessioned2022-08-30T12:33:33Z
dc.date.available2022-08-30T12:33:33Z
dc.date.issued2015pt_BR
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/1884/45063
dc.descriptionOrientador : Prof. Dr. Eduardo Felga Gobbipt_BR
dc.descriptionCo-orientador : Prof. Dr. Cleverson V. Andreolipt_BR
dc.descriptionDissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Tecnologia, Programa de Mestrado Profissional em Meio Ambiente Urbano e Industrial, em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial e a Universität Stuttgart. Defesa: Curitiba, 06/08/2015pt_BR
dc.descriptionInclui referências: f. 109-118pt_BR
dc.description.abstractResumo: O crescimento desordenado das cidades e o processo de urbanização sem o adequado planejamento ocasionam problemas ambientais que tendem a se agravar, determinando impactos sociais, ambientais e econômicos. Os empreendimentos imobiliários planejados, como loteamentos e condomínios, se apresentam como alternativas de oferta de espaços urbanos, onde a qualidade ambiental é gerenciada pelo sistema de licenciamento, que embora seja um importante instrumento de avaliação da observação das limitações ambientais dos terrenos, apresenta limitações que somente podem ser supridas pela adoção de práticas que induzam a sustentabilidade, por parte dos empreendedores. Nesse cenário, insere-se o gerenciamento ambiental como uma forma de se padronizar procedimentos ambientais de uma corporação, mapear os problemas ambientais mais ocorrentes, evitar custos, além de apoiar a fiscalização ambiental, realizada pelos órgãos ambientais. O trabalho foi desenvolvido como estudo de caso realizado em uma empresa do ramo que realiza o monitoramento ambiental com objetivo de avaliar o desempenho ambiental de obras de implantação de condomínios e loteamentos, identificando os impactos mais frequentes e para orientar as medidas preventivas e corretivas mais eficazes. Para isso foram selecionadas 10 obras com diferentes características, sendo duas em cada região do Brasil, e realizada uma sistematização de todos os relatórios de monitoramento ambiental elaborados por diferentes consultorias ao longo do período de implantação. A sistematização consistiu na contabilização de medidas de boa conduta, preventivas e corretivas, bem como as recomendações propostas para cada tipo de impacto. Como resultados, constatou-se a importância da adoção deste tipo de ferramenta uma vez que permite comparar o desempenho ambiental das obras, mesmo que apresentem diferentes características intrínsecas e extrínsecas. Além disso, foi possível verificar uma discrepância quanto ao número de ocorrências levantadas ao longo do período de obras, variando de 74 em uma obra no nordeste a 1123 em uma obra no sul. Concluiu-se também que na região sul foi observado o maior número de medidas de boa conduta, enquanto que na região nordeste, no computo final das médias, foi a que apresentou o menor numero de recomendações. Foram propostos indicadores (quantidade de registros de ações de boa conduta, preventivas e corretivas (média mensal) e quantidade de registros de ações de boa conduta, preventivas e corretivas por fase de obra (média mensal) bem como a informatização do sistema de monitoramento ambiental por meio da utilização de equipamentos eletrônicos, que proporcionem agilidade no processo e um aumento da eficácia na resolução dos problemas identificados em campo pela consultoria ambiental. Palavras-chave: Monitoramento Ambiental, gestão ambiental, impacto ambiental, empreendimentos imobiliáriospt_BR
dc.description.abstractAbstract: The adrift growth of the cities and the urbanization process without the right planning cause environmental problems which tend to worsen determining social, environmental and economic impacts. The planned state projects as subdivisions and condominiums are presented as an alternative offer of urban spaces where the environmental quality is managed by the licensing system which although is an important assessment tool to the observation of the environmental limitations of land, presents limitations that can only be supplied by using practices that induce sustainability by the entrepreneurs. In this situation the environmental management is inserted as a way to standardize corporation environmental procedures, locate the occurring environmental problems, avoid costs besides support the environmental inspection conducted by the environmental agencies. The work was developed as a case study made in an environmental company that performs the environmental monitory in order to assess the environmental performance of implementation works in condominiums and subdivisions identifying the most frequent impacts and guides the most effective preventive and corrective measures. In order to that was selected 10 buildings with different features, two in each part of Brazil, and made a systematization of all environmental monitory reports made by different consultancies throughout the implementation period. The systematization consisted on the accounting measures of good conduct, preventive and corrective, as well as proposed recommendations for each type of impact. As results, it was showed de importance of the accession of this kind of tool since it allows comparing the buildings environmental performance, even if they have different intrinsic and extrinsic characteristics. Besides, it was possible to verify a discrepancy as the number of occurrences found over the buildings period, ranging from 74 in a northeast building to 1123 in a south building. It was concluded as well that in the south region was founded the bigger number of good conduct measures, while in the northeast region the lowest recommendations numbers in the average end computation. Indicators were proposed (numbers of good conduct actions records, preventive and corrective (monthly average) and numbers of good conduct action records, preventive and corrective by building phase (monthly average)) and to computerize the environmental monitory system by using electronics equipment to provide agility in the process and an efficacy increased in the resolution of the identified problems in the environmental consulting field. Key words: Environmental Monitory, environmental management, environmental impact, real estate developments.pt_BR
dc.format.extent121p. : il., algumas color.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.relationDisponível em formato digitalpt_BR
dc.subjectPlanejamento Urbano e Regionalpt_BR
dc.subjectCondominio (Habitação)pt_BR
dc.subjectLoteamentopt_BR
dc.subjectMercado imobiliáriopt_BR
dc.subjectGestão ambientalpt_BR
dc.subjectTesespt_BR
dc.titleGerenciamento ambiental : instrumento de gestão na implantação de empreendimentos imobiliáriospt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record