Show simple item record

dc.contributor.advisorZattar, Izabel Cristinapt_BR
dc.contributor.authorSilva, Rosangela Rosa Luciane dapt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Tecnologia. Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produçãopt_BR
dc.date.accessioned2017-07-13T21:07:15Z
dc.date.available2017-07-13T21:07:15Z
dc.date.issued2016pt_BR
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/1884/44842
dc.descriptionOrientador : Prof. Dr. Izabel Cristina Zattarpt_BR
dc.descriptionDissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Tecnologia, Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção. Defesa: Curitiba, 29/06/2016pt_BR
dc.descriptionInclui referências : f. 120-128pt_BR
dc.description.abstractResumo: Os desafios para a implantação de novos empreendimentos são grandes, em geral são maiores para empresas de micro e pequeno porte, principalmente na fase inicial, pois estas muitas vezes não possuem suporte financeiro e de gestão. Para evitar o fracasso prematuro e fugir do índice de mortalidade, algumas micro e pequenas empresas buscam suporte em incubadoras de empresas, as quais têm como objetivo oferecer suporte a empreendedores para que estes possam desenvolver ideias inovadoras e transformá-las em empreendimentos de sucesso, oferecendo infraestrutura e suporte gerencial. No Brasil, as incubadoras de base tecnológica já totalizam 154, sendo que cada uma possui suas próprias práticas de gestão. Em consequência dessas diferentes práticas de gestão presentes nas incubadoras, foi desenvolvido o modelo CERNE - Centro de Referência para Apoio a Novos Empreendimentos - com o propósito de uniformizar os procedimentos e contribuir com o aumento de sucesso nas incubações. Nesse sentido, a equipe de gestão precisa implantar processos e práticas, em conformidade com o modelo CERNE, para avaliar o grau de evolução das empresas incubadas. Assim, este trabalho tem como objetivo propor um método para apoiar o monitoramento do nível de maturidade de empresas de base tecnológica incubadas, considerando os critérios propostos por Almeida (2015) e as cinco dimensões do modelo CERNE. Para isto, foram selecionados os conjuntos de indicadores da Fundação Nacional da Qualidade, do Balanced Score Card e do Prêmio de Competitividade para Micro e Pequenas Empresas. Após a pré-seleção e unificação dos indicadores estudados, chegou-se a 129 indicadores, os quais foram enquadrados de acordo com os critérios propostos por Almeida (2015), as cinco dimensões do modelo CERNE e de acordo com o ciclo de maturidade das empresas incubadas. Após esta etapa, realizou-se uma verificação dos indicadores pré-selecionados juntamente com especialistas da INTEC - Incubadora Tecnológica, resultando na diminuição para 103 indicadores. Em seguida, foi apresentado um questionário às cinco incubadoras de base tecnológica de Curitiba, com o objetivo de verificar o grau de aderência de cada indicador aos critérios. Finalmente, dos 28 indicadores pesquisados para a fase de implantação, 23 obtiveram no mínimo 70% de aderência aos critérios. Para a fase de crescimento, 50 dos 68 obtiveram escore igual ou superior a 70%. Na fase de consolidação, dos 81 indicadores avaliados, 65 obtiveram no mínimo 70% de aderência aos critérios. Na fase de liberação, dos 32 indicadores analisados, 26 foram julgados relevantes com escore superior a 70%. Definidos os indicadores, elaborou-se uma ferramenta em Excel para auxiliar os gestores a avaliar a empresa incubada, ou seja, se ela encontra-se apta a passar para a próxima fase do ciclo de maturidade, ou não. Palavras-Chave: Ciclo de incubação. Incubadoras de base tecnológica. Empresas de base tecnológica. Indicadores de desempenho de incubação. Inovação.pt_BR
dc.description.abstractAbstract: The challenges for the implementation of new projects are large, generally are higher for micro and small enterprises, especially in the initial phase, as they often lack financial support and management. To prevent premature failure and escape the mortality rate, some micro and small businesses seeking support for business incubators. Which aim to support entrepreneurs so that they can develop innovative ideas and transform them into successful enterprises, providing infrastructure and management support. In Brazil, the technology-based incubators now total 154, each of which has its own management practices. As a result of these different management practices present in incubators, it developed the CERNE model - Reference Center for Support for New Projects - in order to standardize procedures and contribute to increasing success in incubations. In this sense, the management team needs to implement processes and practices, in accordance with the CERNE model to assess the degree of development of the incubated companies. This work aims to propose a method to support the monitoring of the maturity level incubated technology-based companies, considering the criteria proposed by Almeida (2015) and the five dimensions of CERNE model. For this, the set of indicators of the National Quality Foundation were selected, the Balanced Score Card and Competitiveness Award for Micro and Small Enterprises. After the preselection and unification of indicators studied, came to 129 indicators, which were classified according to the criteria proposed by Almeida (2015), the five dimensions of CERNE model and according to the maturity cycle of companies incubated. After this stage, there was a check of the pre-selected indicators along with experts from INTEC - Technological Incubator, resulting in a decrease to 103 indicators. Then a questionnaire to the five technology-based incubators of Curitiba was presented, in order to verify the degree of compliance of each indicator criteria. Finally, of the 28 indicators surveyed for the deployment phase, 23 have obtained at least 70% adherence to the criteria. For the growth phase, 50 of 68 had a score equal or higher than 70%. In the consolidation phase of the 81 indicators assessed, 65 have obtained at least 70% adherence to the criteria. In the release phase of the 32 indicators analyzed, 26 were judged relevant with score higher than 70%. Defined indicators, elaborated in Excel if a tool to help managers evaluate the incubated company, that is, if she is able to move to the next phase of maturity cycle, or not. Key-words: Incubation cycle. Technology-based incubators. Technology-based companies. Indicators incubation performance. Innovation.pt_BR
dc.format.extent159 f. : il., algumas color.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.relationDisponível em formato digitalpt_BR
dc.subjectEngenhariaspt_BR
dc.subjectIncubadoras de empresaspt_BR
dc.subjectInovações tecnológicaspt_BR
dc.subjectDesenvolvimento organizacionalpt_BR
dc.subjectTesespt_BR
dc.titleMétodo para monitoramento de empresas de base tecnológica incubadas, a partir do modelo cernept_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record