Show simple item record

dc.contributor.advisorVergilio, Silvia Regina, 1966-pt_BR
dc.contributor.authorToaldo, Juliano Rogeriopt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciências Exatas. Programa de Pós-Graduação em Informáticapt_BR
dc.date.accessioned2021-07-14T14:12:29Z
dc.date.available2021-07-14T14:12:29Z
dc.date.issued2003pt_BR
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/1884/25116
dc.descriptionOrientadora : Silvia Regina Vergiliopt_BR
dc.descriptionDissertaçao (mestrado) - Universidade Federal do Paranápt_BR
dc.description.abstractResumo: Diversos critérios e ferramentas de teste têm sido propostos ultimamente com o objetivo de auxiliar a seleção e a avaliação de um conjunto de dados de teste. Dentre esses critérios, destacam-se os critérios baseados em análise de mutantes, que têm se mostrado um dos mais eficazes em revelar defeitos. Entretanto, esses trabalhos tratam do teste de programas escritos em linguagens procédurals e/ou orientadas a objeto. São poucos os trabalhos da literatura que abordam o teste de programas lógicos, tais como os escritos em Prolog, e a maioria deles não tem como objetivo a quantificação da atividade de teste e o estabelecimento de medidas de cobertura. Este trabalho trata da aplicação do critério Análise de Mutantes no teste de programas Prolog. Um conjunto de operadores de mutação para essa linguagem é proposto. O conjunto está baseado nas principais características do Prolog e em erros comuns que os programadores podem cometer nesse paradigma. Uma ferramenta de teste chamada MutProlog é descrita e resultados de experimentos com essa ferramenta mostram a aplicabilidade dos operadores propostos e permitem a comparação com a abordagem estrutural.pt_BR
dc.description.abstractAbstract: Several testing criteria and tools have been proposed lately, with the goal of selecting and evaluating test data sets. The mutation analysis is one of the most important and efficacious testing criterion. However, most of the literature works focus procedural and object-oriented programs and little has been said about logic programming, such as Prolog. Some works address the test of Prolog programs, however does not introduce a testing criterion and do not offer coverage testing metrics. This work investigates the aplication of the mutation analysis criterion for testing Prolog programs. A set of mutation operators for this language is proposed, based on the common mistakes maden by the programmers using this paradigm. A tool, named MutProlog, is described and, results from an experiment, using this tool, show the applicability of the proposed operators and allow comparison with structural criteria.pt_BR
dc.format.extentViii, 62p. : il.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.subjectTesespt_BR
dc.subjectProgramas de computador - Testespt_BR
dc.subjectProlog (Linguagem de programação de computador)pt_BR
dc.subjectCiencia da Computaçãopt_BR
dc.titleUtilizando análise de mutantes no teste de programas prologpt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record