Show simple item record

dc.contributor.authorMartins, Raquel Fernandespt_BR
dc.contributor.otherFroehner, Sandro Josept_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Tecnologia. Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Recursos Hídricos e Ambientalpt_BR
dc.date.accessioned2010-07-21T13:38:18Z
dc.date.available2010-07-21T13:38:18Z
dc.date.issued2010-07-21
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/1884/24102
dc.description.abstractResumo: Neste trabalho investigou-se a composicao de sedimentos da Bacia do Rio Barigui, situado na regiao metropolitana de Curitiba, sul do Brasil. Este rio atravessa, alem de Curitiba, varios municipios vizinhos. Nos ultimos anos, devido ao crescimento e a ocupacao desordenada ao longo do rio, alem da falta de servico de saneamento, a Bacia sofre com o lancamento de grande quantidade de esgoto domestico sem tratamento. Programas atuais de monitoramento de bacias usam parametros fisico-quimicos tradicionais e geralmente as analises sao apenas realizadas em amostras de agua. Neste trabalho avaliou-se a composicao do sedimento a partir da composicao granulometrica, dos teores de carbono organico, nitrogenio, fosforo e metais como o zinco, chumbo, cromo, niquel e cadmio. Os sedimentos mostraram alta porcentagem de fosforo e nitrogenio. Tambem a razao C:N:P excedem as razoes de Redfield, isso pode ser possivel devido a grande contribuicao de esgoto no rio. A presenca de metais tambem e alta, porem o cadmio nao foi encontrado. Mas os outros metais estao em maiores concentracoes e possivelmente a presenca destes e devido ao esgoto industrial e domestico. Foi analisada tambem a presenca de esterois fecais. Oito compostos foram analisados, entre esterois e cetonas. O coprostanol e um biomarcador, presente em grande quantidade em fezes humanas. Ele e encontrado proximo a fontes de poluicao e pode ser associado a contaminacao atraves de esgoto domestico. Os resultados mostraram altas concentracoes de coprostanol, variando de 0.25 ƒÊ g-1 a 196 ƒÊ g-1. A razao entre epicoprostanol e coprostanol, esteve abaixo de 0.20 para todas as estacoes, indicando que o esgoto lancado no rio nao sofreu tratamento anterior. A contaminacao por esgoto sem tratamento tambem foi confirmada pelas relacoes entre formas dos isomeros de esterois e cetonas 5b/(5b + 5a).pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.subjectTesespt_BR
dc.titleAvaliação da presença de metais e de biomarcadores fecais em sedimentos do Rio Barigui na Região Metropolitana de Curitiba-PRpt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record