Show simple item record

dc.contributor.advisorMangrich, Antonio Salvio, 1939-pt_BR
dc.contributor.authorValle, Tatiane dopt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciencias Exatas. Programa de Pós-Graduaçao em Químicapt_BR
dc.contributor.otherPereira, Betânia Fragapt_BR
dc.date.accessioned2013-03-12T18:32:46Z
dc.date.available2013-03-12T18:32:46Z
dc.date.issued2013-03-12
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/1884/12075
dc.description.abstractResumo: A matéria orgânica do solo (MOS), ou húmus, é fator determinante no conceito de desenvolvimento sustentável devido a sua influência na manutenção da qualidade do solo (Piccolo, 1996). O húmus está dividido em substâncias húmicas (SH) e substâncias não húmicas (SNH). As SH são classificadas, operacionalmente, em ácidos fúlvicos (AF), ácidos húmicos (AH) e huminas HU. As HU, objeto de estudo deste trabalho, normalmente são pouco estudadas em função da alta interação entre a matéria inorgânica e matéria orgânica (MI-MO) e da dificuldade de extração de inorgânicos na mesma. Os solos são utilizados de diferentes modos e para diversos fins. Na função de sustentador e alimentador das plantas, o solo pode ser submetido a diferentes sistemas de manejo. O manejo do plantio direto (PD), quando não há revolvimento do solo por aração, tem sido considerado o menos prejudicial, quando comparado ao plantio convencional, onde se utiliza o processo de revolvimento da camada superior do solo (~ 20 cm) por aração. Portanto, é importante caracterizar a MOS do manejo PD, comparando-a com as de sistemas naturais. Neste trabalho caracterizou-se, utilizando métodos químicos, espectroscópicos e quimiométricos, amostras da fração humina de solo submetido ao manejo PD e, como testemunho, solo da mesma região sob floresta nativa com predominância de araucárias. Para este estudo foram utilizadas soluções extratoras com diferentes finalidades, como: solução aquosa de NaOH/Na4P2O7, em diferentes pH, para separar a HU das outras SH (Pereira, 2004); solução aquosa extratora de NaOH/uréia, para separar compostos ácidos das HU fortemente ligados a matriz inorgânica por ligações de hidrogênio; solução aquosa extratora de DMSO/HCl, para extrair compostos básicos pouco polares e solução aquosa HF/HCl, para eliminar a estrutura sólida da matriz inorgânica (MI) e liberar a matéria orgânica (MO) nela intercalada. Os resultados mostraram diferenças de comportamento importantes nos dois tipos de manejo de solo no que diz respeito às interações MI-MO. As "huminas” apresentaram, como esperado, altos teores de cinzas, no entanto a MO foi liberada pela solução extratora NaOH/uréia, mais eficientemente no caso da HU do solo sob floresta que do manejo de PD. Ao se eliminar estruturas da MI por tratamento com solução de HF/HCl, foi possível verificar por DRIFTS, a presença de ácidos carboxílicos alifáticos nestas "huminas” nos dois tipos de manejo estudados. A aplicação da análise de componentes principais (PCA) aos dados de DRIFTS destacaram as "huminas” do tratamento com HF/HCl, de ambos os manejos, como diferentes dos demais, mas semelhantes entre eles. Os resultados de XRD mostraram que a MO do solo sob floresta apresenta principalmente estruturas aromáticas, enquanto que o de PD mais estruturas alifáticas de cadeias laterais, empacotados de forma menos condensada. Por espectroscopia de EPR verificou-se sinal mais intenso de radical livre orgânico (RLO) de estruturas de semiquinonas, no "AH” de floresta, correlacionando com o alto teor de MO e as estruturas aromáticas dessa amostra determinadas por XRD. O "AH” de solo sob floresta também apresenta, por EPR, estruturas de Cu2+-porfirinas, não verificadas no solo sob PD. A nova metodologia de caracterização de HU, desenvolvida nesta dissertação, surge como importante modo de caracterizar as estruturas químicas da MO do solo. Os resultados obtidos sugerem que o manejo de plantio direto produz fortes interações entre os componentes MI-MO, quando comparado com o cultivo de floresta.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.subjectTesespt_BR
dc.subjectQuimica inorganicapt_BR
dc.titleNova metodologia de fracionamento e caracterização de huminas e suas interações com constituintes inorgânicos de solospt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record