Show simple item record

dc.contributor.advisorWosniak, Cristiane, 1963-pt_BR
dc.contributor.authorAlves, Erika Kraychete, 1996-pt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Educação. Programa de Pós-Graduação em Educaçãopt_BR
dc.date.accessioned2022-07-06T16:54:21Z
dc.date.available2022-07-06T16:54:21Z
dc.date.issued2022pt_BR
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/1884/76352
dc.descriptionOrientadora: Prof.ª Dr.ª Cristiane Wosniakpt_BR
dc.descriptionDissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Educação, Programa de Pós-Graduação em Educação. Defesa : Curitiba, 04/03/2022pt_BR
dc.descriptionInclui referênciaspt_BR
dc.description.abstractResumo: A dissertação intitulada: Entre Telas e Janelas: um Olhar Ressignificado para o uso da Videodança como Metodologia no Ensino-Aprendizagem em Dança nasce de uma questão-problema específica: de que forma e com que meios a videodança poderia ser utilizada como metodologia de ensino da Dança? Para responder à questão empreende-se uma investigação pautada, metodologicamente, em uma revisão de literatura narrativa (RLN) articulada a um estudo de caso, com aportes da pesquisação, com/sobre dispositivos tecnológicos focalizando a videodança EntreTelas: uma videoconfedança’ como objeto empírico/corpus da investigação. O objetivo é refletir e analisar de que forma e com que meios a linguagem videodança em questão, em seus aspectos formativos processuais e não apenas como material de resultado artístico, pode ser considerada como uma singular abordagem metodológica para o ensino-aprendizagem em Dança em tempos de mediação online, a partir dos pressupostos da pedagogia da ubiquidade e da educação para/da era digital. Para a área da Educação, em tempos de pandemia e isolamento social, a presente pesquisa investigativa pode contribuir ao se propor a apontar formas híbridas de ensino-aprendizagem em [vídeo]dança, criar estruturas de registro do processo de criação e formação e integrar os participantes, em suas trajetórias de aprendizes do movimento dançante, por meio de avançadas tecnologias de comunicação. O protagonismo dos participantes em seus próprios processos criativos, nas redes digitais, pode assegurar este ato performativo coletivo como um potente espaço de construção de corpos virtualizados e imaginários artísticos. Julgou-se pertinente, também, que a problematização de suas imagens e movimentos registrados e reelaborados por meio da edição videodançante coletiva, pudesse ser ressignificada pela pesquisadora/artista em sua criação videográfica autoral. O referencial teórico desta pesquisa perpassa três grandes grupos de assuntos correlatos: Corpo, Ensino da Dança e Videodança, em seus desdobramentos e articulações sobre/com mediações tecnológicas, a linguagem e a educação estética.pt_BR
dc.description.abstractAbstract: The dissertation entitled: Between Screens and Windows: a Resignified Look for the use of Screendance as a Methodology in Teaching-Learning in Dance is born from a specific problem-question: the screendance language can be used as a methodology for teaching, and learning, Dance? To answer this question, the investigation is carried out methodologically based on a narrative literature review (NLR) articulated with a case study, with theoretical contribution of the research-action theories, with/on technological devices focusing on the screendance ‘EntreTelas: uma videoconfedança’ as an empirical object/corpus of investigation. The objective is to reflect and analyze in what way and in which means the screendance language in question, in its formative procedural aspects and not just as artistic result material, can be considered as a unique methodological approach for teaching-learning in Dance in times of online mediation, from the presuppositions of ubiquity pedagogy and education for/from the digital age. For the field of Education, in times of a pandemic moment and social isolation, this investigative research can contribute by proposing to point out hybrid ways of teaching-learning in [Screen]Dance, producing ways to record the process of creation and training, and to integrate the participants, in their trajectories of apprentices of the dance movement, through advanced communication technologies. The lived experience of the members in their own creative processes, inside digital networks, can ensure this collective performative act as a powerful space that constructs virtualized bodies and artistic imaginary. It was also considered pertinent that the problematization of the images and movements of the members recorded and re-elaborated through collective screendance editing could be resignified by the researcher/artist in her authorial videographic creation. The theoretical framework of this research permeates three large groups of related subjects: Body, Dance Teaching and Screendance, in their developments and articulations on/with technological mediations, language and aesthetic education.pt_BR
dc.format.extent1 recurso online : PDF.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.subjectDança - Estudo e ensinopt_BR
dc.subjectEnsino - Inovações tecnológicaspt_BR
dc.subjectTecnologia educacionalpt_BR
dc.subjectEnsino à distânciapt_BR
dc.subjectEnsino - Metodologiapt_BR
dc.subjectEducaçãopt_BR
dc.titleEntre telas e janelas : um olhar ressignificado para usa da videodança como metodologia no ensino-aprendizagem em dançapt_BR
dc.typeDissertação Digitalpt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record