Show simple item record

dc.contributor.otherSilveira, Marcos Aurélio Tarlombani da, 1962-pt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciências da Terra. Programa de Pós-Graduação em Geografiapt_BR
dc.creatorBiesek, Ana Solangept_BR
dc.date.accessioned2024-04-04T19:34:22Z
dc.date.available2024-04-04T19:34:22Z
dc.date.issued2013pt_BR
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/1884/35985
dc.descriptionOrientador : Prof. Dr. Marcos Aurélio Tarlombani da Silveirapt_BR
dc.descriptionTese (doutorado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências da Terra, Programa de Pós-Graduação em Geografia. Defesa: Curitiba, 21/11/2013pt_BR
dc.descriptionInclui referênciaspt_BR
dc.descriptionÁrea de concentração: Produção e transformação do espaço urbano e regionalpt_BR
dc.description.abstractResumo: O objetivo da tese é compreender a política de desenvolvimento do Turismo de Foz do Iguaçu e as perspectivas do turismo. O propósito do estudo é identificar como o destino Foz do Iguaçu atua com vistas a atender às demandas territoriais em escala local e regional, assim como a repercussão, assimilação e articulação das políticas pelos diferentes sujeitos sociais em diversas formas de atuação. Avalia-se as iniciativas públicas e privadas existentes no território iguaçuense e entorno, que tentam criar novas opções turísticas, possibilitando, novas fontes de renda e emprego para a população local, dentro de perspectivas de inclusão social. Considera-se válido mostrar como as políticas públicas e suas práticas são importantes na organização econômica e social do território, porém não de forma isolada, mas sim com a ativa participação dos atores locais e regionais. Defende-se a tese de que o turismo pode constituir-se em um agente de inclusão social, desde que o seu desenvolvimento seja acompanhado por políticas e práticas territoriais, apoiados em ações, programas e projetos de caráter social, que apresentem como meta principal a inclusão social. Do ponto de vista operacional, a pesquisa utiliza-se de instrumentos metodológicos para uma interpretação integral do objeto de estudo, considerando necessário investigar tanto a realidade objetiva como subjetiva. Nesse sentido, o trabalho investigativo utiliza-se de ferramentas de diagnóstico, aplicadas em escala geográfica local e regional, cujo intuito é verificar as transformações territoriais, assim como compreender as relações entre turismo e pobreza, a partir do foco na discussão das práticas de economia solidária, das políticas e práticas na cidade de Foz do Iguaçu e região de entorno. A metodologia da pesquisa baseou-se também no estudo exploratório sobre as experiências brasileiras atualmente em curso, de planejamento e gestão local, que possam ser consideradas como exemplos de espaços organizados para a exploração do turismo, e que contenham elementos de arranjo sócio-produtivo de base local. Também se baseia no método qualitativo, a partir da realização de entrevistas com atores locais ligados ao poder público, ao setor privado e às comunidades locais. Com os resultados do estudo espera-se trazer uma contribuição científica e acadêmica aos interessados pelos assuntos pertinentes ao turismo, à inclusão social e ao desenvolvimento territorial. Também se espera fornecer subsídios às políticas públicas e às comunidades locais, no sentido de desenvolver o destino turístico de Foz do Iguaçu, diversificando a oferta já consolidada e incrementando o fluxo de turistas, além da valorização da cultura e da melhoria da qualidade de vida da população local, agregando valor ao produto turístico. A conclusão geral do estudo aponta para a necessidade de que o planejamento e a gestão do turismo devem integrar aspectos sociais, espaciais, culturais e ambientais, compartilhando uma base territorial comum, com potencialidades e dificuldades similares, além de incorporar os diversos atores sociais como órgãos públicos, agentes privados e comunidades locais.pt_BR
dc.description.abstractAbstract: The main objective of the study is to evaluate the development policy of the Community Based Tourism (TBC) in the regional context of Foz do Iguaçu, Paraná. The purpose of the study is to identify as the destination Foz do Iguaçu is acting in order to meet the territorial demands on local and regional scales, as well as the pass, assimilation and articulation of this policy by the different social actors in their various forms of performance. The research has as its starting point the evaluation of public and private initiatives in the territory and region iguaçuense, trying to create new tourism options to visitors, while enabling new sources of income and employment for the local population, within a perspective social inclusion . It is valid to show how public policies and practices are important in economic and social organization of the territory, but not in isolation, but with the active participation of local and regional actors. Defends the thesis that tourism can constitute an agent of social inclusion, since its development is accompanied by political and territorial practices, supported by actions, programs and social projects, which have as main goal the social inclusion. From an operational standpoint, this research makes use of methodological tools for a comprehensive interpretation of the object of study and considered necessary to investigate both subjective and objective reality. In this sense, the investigative work makes use of diagnostic tools applied in local and regional geographic scale, and whose purpose is to verify the territorial transformations, as well as understand the relationship between tourism and poverty, from the focus on the discussion of practices solidarity economy, policies and practices in the city of Foz do Iguaçu and surrounding region. The research methodology was also based on an exploratory study on the Brazilian experiments currently underway, the local planning and management that may be considered as examples of spaces organized for farm tourism, and containing elements of arrangement socio- productive base site. Also based on the qualitative method from interviews with local actors linked to the government, the private sector and local communities. With the results of the study are expected to provide a contribution to the scientific and academic interested in the matters pertaining to tourism, social inclusion and regional development. It also hopes to provide grants to public policies and local communities to develop the tourist destination of Foz do Iguaçu, diversifying the supply already established and increasing the flow of tourists, besides the appreciation of culture and improving the quality of life place, adding value to the tourism product. The overall conclusion of the study points to the need for the planning and management of tourism should integrate social, spatial, environmental and cultural sharing a common territorial base with potential and similar difficulties, as well as incorporating the various social actors such as government agencies, private stakeholders and local communities.pt_BR
dc.format.extent331f. : il. algumas color., maps., tabs.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.relationDisponível em formato digitalpt_BR
dc.subjectGeografiapt_BR
dc.subjectTurismo - Foz do Iguaçu (PR)pt_BR
dc.subjectProjetos comunitariospt_BR
dc.subjectEcoturismopt_BR
dc.subjectTerritorialidade humanapt_BR
dc.titleTurismo de base comunitária e desenvolvimento territorial : políticas e práticas em Foz do Iguaçu e regiãopt_BR
dc.typeTesept_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record