Show simple item record

dc.contributor.advisorHorn, Geraldo Balduíno, 1961-pt_BR
dc.contributor.authorMendes, Ademir Aparecido Pinhellipt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Educação. Programa de Pós-Graduação em Educaçãopt_BR
dc.date.accessioned2022-08-17T17:42:03Z
dc.date.available2022-08-17T17:42:03Z
dc.date.issued2008pt_BR
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/1884/15723
dc.descriptionOrientador: Geraldo Balduíno Hornpt_BR
dc.descriptionDissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Educação, Programa de Pós-Graduação em Educação. Defesa: Curitiba, 2008pt_BR
dc.descriptionInclui bibliografiapt_BR
dc.description.abstractResumo : Esta pesquisa busca entender o sentido e o lugar que a Filosofia ocupa como componente curricular do Ensino Médio da escola pública paranaense. Investiga, nos documentos produzidos por professores de Filosofia, os diferentes modos de compreender a natureza do conhecimento filosófico, seus objetivos, conteúdos e métodos de ensino a fim de estabelecer a relação entre esta compreensão e o lugar da Filosofia no currículo do Ensino Médio. Para localizar o objeto de estudo no campo da pesquisa educacional, buscou-se a compreensão de alguns aspectos do Ensino Médio como etapa final da educação básica, contextualizando a educação, a escola e a Filosofia como lugar da experiência. O lugar é construído por meio de políticas educacionais, inseridas no contexto da lógica capitalista, pelos sujeitos do Ensino Médio, professores e estudantes, com suas identidades de classe e culturais e pelo currículo como construção social. Ainda na caracterização do campo de estudo da pesquisa, são analisadas: as mudanças nas políticas públicas para a Filosofia como disciplina escolar; as políticas curriculares para o ensino de Filosofia no Brasil e no Paraná; a histórica presença e ausência desta disciplina no currículo; a Filosofia na transversalidade do currículo; a obrigatoriedade e a legitimidade. Analisa, também, a produção dos documentos curriculares: Orientações Curriculares Nacionais para Filosofia e Diretrizes Curriculares Estaduais de Filosofia. A investigação dos documentos da pesquisa mostrou quatro modos de compreender a natureza do conhecimento filosófico, seus objetivos, conteúdos e métodos de ensino: Filosofia como Enciclopédia, Filosofia como Reflexão Crítica; Filosofia como Aprender a Aprender, Filosofia como Criação Conceitual. A partir destas compreensões são analisados os possíveis lugares ocupados pela Filosofia no currículo do Ensino Médio.pt_BR
dc.description.abstractAbstract : This research seeks to understand the Philosophy’s place within the High School’s Curriculum, investigating into the documents produced by the Philosophy’s teachers, the indication of different manners to comprehend the philosophic knowledge nature, its objectives, contents and methods of teaching, in order to establish the connection between this comprehension and its place in the High School’s Curriculum. The understanding of some aspects has been searched to locate the object of study as a final stage of the basic education in the field of educational searching, transforming the education, the school and Philosophy in an experiences’ place. The place is built by the educational politics, put into the context of the capitalist logic by the High School’s individuals, teachers and students with their cultural and class’ identities, and also by the curriculum as a social construction. Though, there have been analised in the study’s searching field characterization, the changes in the public politics to Philosophy as a school subject; the ‘curriculares politics’ to the Philosophy’s teaching in Brazil and Paraná; the historical presence or absence of this subject in the curriculum; Philosophy in the transversality; the obligatory and authenticity. This study is also concerned to the production of documents ‘curriculares’: e.g. National Curricular orientation and parameters ‘curriculares’ of the state for Philosophy. The investigation of these searching documents has showed four ways to know the nature of philosophical’s knowledge, objectives, contents and methods.of teachin:. Philosophy as an Enciclopedia, such as, Philosophy as a critical reflexion; Philosophy as learn to learn; Philosophy as conceptyual creation. So, the plausivable places occupied by Philosophy in the High School’s Curriculum, are analised throughout all these comprehensions.pt_BR
dc.format.extent159 f.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.relationDisponível em formato digitalpt_BR
dc.subjectFilosofia - Estudo e ensinopt_BR
dc.subjectFilosofia - Estudo e ensino (Segundo grau)pt_BR
dc.subjectEducaçãopt_BR
dc.subjectEnsino de segundo grau - Filosofia - Paranápt_BR
dc.titleA construção do lugar da filosofia no currículo do Ensino Médio : análise a partir da compreensão dos professores de filosofia da escola pública paranaensept_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record