Show simple item record

dc.contributor.advisorKuenzer, Acácia Zeneidapt_BR
dc.contributor.authorHerold Junior, Carlospt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Educação. Programa de Pós-Graduação em Educaçãopt_BR
dc.date.accessioned2022-08-04T16:52:55Z
dc.date.available2022-08-04T16:52:55Z
dc.date.issued2006pt_BR
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/1884/7925
dc.descriptionOrientadora: Acacia Zeneida Kuenzerpt_BR
dc.descriptionTese (doutorado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Educação, Programa de Pós-Graduação em Educação. Defesa: Curitiba, 2005pt_BR
dc.descriptionInclui bibliografiapt_BR
dc.descriptionÁrea de concentração: Educação e trabalhopt_BR
dc.description.abstractResumo: O objetivo deste estudo é analisar as relações entre corpo e trabalho para fundamentar algumas possibilidades para colaborar com as questões educativas. Para tanto, dividimos o estudo em cinco partes: na primeira, mostramos como as relações entre corpo e trabalho são vistas nas áreas de Trabalho e Educação e Educação Física; no segundo capítulo, fazemos um levantamento sobre as críticas e defesas que a categoria trabalho recebe na atualidade para o entendimento das transformações na sociedade, além de notarmos a forma como a modernidade pensa as questões do corpo a partir das questões do trabalho. No terceiro capítulo, mostramos as diferentes representações do corpo no trabalho a partir do capitalismo industrial chegando na atualidade, que funde os estudos do corpo com os da inteligência. Na quarta parte, defendemos que tanto o estudo do corpo no trabalho, quanto à análise do corpo a partir das problemáticas do trabalho, devem ser feitas conjuntamente para oferecem um processo mútuo de aprofundamento de abordagens. Por fim, sustentamos que a inseparabilidade das questões antropológicas e sociológicas do corpo das questões epistemológicas, proporcionadas pela categoria trabalho, deve impulsionar a elaboração de mais estudos focados sobre os projetos educativos, a corporeidade e as transformações no mundo do trabalho.pt_BR
dc.description.abstractAbstract: The aim of this study is to analyse the relations between body and labor so as to support some possibilities of contribution to the educational issues. For that, we divided the dissertation in five chapters: firstly, we show how the relationship body and labor are regarded in Labor and Education and in Physical Education; after, we organize a survey about the criticisms and supports received nowadays by the labor category in order to understand the social transformation, and, also, to notice the way how modernity thinks of body issues through labor debate. In the third chapter, we specify the different views of the body at work from the industrial capitalism up to the contemporary time, which sees the body debates closely related with those on intelligence and cognition. In the forth part, we sustain that the analysis of the body at work and those of the body having labor as a basis must be carried out together so that both can help and develop each other. As a conclusion, we support that those inseparability, based on the labor, create conditions to enlarge the number and quality of the studies about educational projects, corporeality and the transformations of labor.pt_BR
dc.format.extent138 f.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.relationDisponível em formato digitalpt_BR
dc.subjectCorpo e mentept_BR
dc.subjectTrabalhopt_BR
dc.subjectTesespt_BR
dc.subjectEducaçãopt_BR
dc.titleAs relações entre corpo e trabalho : contribuição critica a educaçãopt_BR
dc.typeTesept_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record