Show simple item record

dc.contributor.authorOlivo, Priscila Karla Alvespt_BR
dc.contributor.otherScatolin, Fábio, 1956-pt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciências Sociais Aplicadas. Curso de Graduação em Ciências Econômicaspt_BR
dc.date.accessioned2022-07-25T19:03:32Z
dc.date.available2022-07-25T19:03:32Z
dc.date.issued2008pt_BR
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/1884/77266
dc.descriptionOrientador: Fabio Doria Scatolinpt_BR
dc.descriptionMonografia(Graduação) - Universidade Federal do Paraná,Setor de Ciências Sociais Aplicadas, Curso de Ciências Econômicaspt_BR
dc.description.abstractResumo: A problemática ambiental tem sido discutida com fervor desde 1970, enfatizando os impactos negativos do crescimento econômico ilimitado ao meio ambiente. Origina-se a partir desta data o conceito de desenvolvimento sustentável, o qual consiste em preservar e garantir às gerações futuras todos os recursos que existem no presente. A questão energética tem uma forte relação com o desenvolvimento sustentável, uma vez que a energia é utilizada para praticamente todas as atividades humanas e para obtê-la é necessário explorar os recursos naturais do planeta, o que tem sido feito de maneira insustentável, como pode ser detectado através dos níveis altíssimos de poluição e pelo aquecimento global causado pelo aumento dos gases do efeito estufa. Este trabalho direcionou seu foco para a questão do desequilíbrio observado entre a oferta e a demanda de energia elétrica a partir de 2005 e propõe a utilização de uma fonte alternativa gerada através da energia solar, por ser considerada a energia mais "limpa" que existe e gerar menos impactos ambientais, com o intuito de contribuir com a eficiência energética no setor residencial. Aproximadamente 8% do consumo de energia elétrica no Brasil decorre do uso de aquecedores elétricos de água. Uma mudança no padrão de consumo ao trocar, por exemplo, chuveiro elétrico por aquecimento solar de água, pode liberar oferta de energia elétrica para outros setores, contribuindo para que não ocorra déficit de energia. São propostas diversas ações para que o planejamento energético seja feito de maneira sustentável promovendo uma diversificação da matriz de energia através da energia solar. No entanto, esta não é uma solução única, o planejamento energético deve ser feito de maneira equilibrada entre grandes e pequenos projetos considerando todos os setores da sociedade que utilizam deste insumo indispensável e vital que é a energia.pt_BR
dc.format.extent44 f.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.subjectEnergia elétrica - Brasilpt_BR
dc.subjectEnergia solar - Brasilpt_BR
dc.titleExpansão do setor de energia elétrica no Brasil e aumento da sua eficiência energética através da utilização de fontes de energia solarpt_BR
dc.typeMonografia Graduaçãopt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record