Show simple item record

dc.contributor.advisorGonçalves, Jean Carlos, 1980-pt_BR
dc.contributor.authorCarvalho, Alaor de, 1974-pt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Educação. Programa de Pós-Graduação em Educaçãopt_BR
dc.date.accessioned2022-07-08T16:50:37Z
dc.date.available2022-07-08T16:50:37Z
dc.date.issued2021pt_BR
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/1884/75741
dc.descriptionOrientador: Prof. Dr. Jean Carlos Gonçalvespt_BR
dc.descriptionTese (doutorado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Educação, Programa de Pós-Graduação em Educação. Defesa : Curitiba, 03/12/2021pt_BR
dc.descriptionInclui referênciaspt_BR
dc.description.abstractResumo: A presente pesquisa está vinculada ao Laboratório de Estudos em Educação, Linguagem e Teatralidades (Labelit/CNPq/UFPR) e tem como objetivo compreender o processo de construção coletiva de uma linguagem artística própria, singular, de um grupo de teatro vinculado à uma universidade. Esse vínculo institucional influencia no processo de criação artística desse grupo de teatro? A partir do discurso presente nas montagens do grupo, é possível identificar uma linha de trabalho própria, autônoma, sem interferência da instituição universitária ao qual ele pertence? Que sentidos são produzidos nos sujeitos-atores-pesquisadores que integram esse grupo dentro da universidade? São questões que norteiam minhas "travessias" enquanto artista-docente-pesquisador, e consequentemente permeiam as discussões sobre teatro e educação que já venho desenvolvendo desde a dissertação de mestrado defendida em 2017. O aporte teórico está ancorado em perspectiva dialógica com os estudos de Bakhtin e o Círculo e a ação metodológica foi pautada em materialidades enunciativo-discursivas presentes nas produções artísticas da PalavrAção Cia de Teatro da UFPR, desde suas origens até nossos dias. São mais de 30 montagens de espetáculos cênicos, e como recorte metodológico em relação ao tempo, espaço e linguagem, optei em analisar 03 espetáculos que apontam para possíveis respostas às questões já elencadas acima. Com esse "corpus" de análise dos enunciados que reverberam na linguagem artística do grupo até agora, a pesquisa aponta para reflexões éticas e estéticas no trabalho de ator, como gatilho impulsionador na constituição de uma linha de pesquisa artística muito singular do grupo, independente do vínculo institucional. Entre as possíveis conclusões (in)conclusas da pesquisa, destacam-se os sentidos do trabalho de ator nas suas montagens, a partir do treinamento de preparação de atores denominado "razão orgânica", criado e desenvolvido coletivamente, no "grande tempo" bakhtiniano, durante o processo de doutoramento do professor Hugo Daniel Mengarelli, o mentor que permeia a (re)existência da PalavrAção Cia de Teatro da UFPR até nossos dias.pt_BR
dc.description.abstractAbstract: The present research is linked to the Laboratory of Studies in Education, Language and Theatricality (Labelit/CNPq/UFPR) and aims to understand the process of collective construction of a unique artistic language of a theater group linked to a university. Does this institutional bond influence the artistic creation process of this theater group? Based on the discourse present in the group's montages, is it possible to identify its own, autonomous line of work, without interference from the university institution to which it belongs? What meanings are produced in the subjects-actors-researchers who are part of this group within the university? These are questions that guide my "crossings" as an artist-teacher-researcher, and consequently permeate the discussions on theater and education that I have been developing since my master's thesis defended in 2017. The theoretical contribution is anchored in a dialogic perspective with the studies of Bakhtin and the Circle and the methodological action was based on enunciative-discursive materialities present in the artistic productions of PalavrAção Cia de Teatro at UFPR, from its origins to the present day. There are more than 30 montages of scenic shows, and as a methodological approach in relation to time, space and language, I chose to analyze 03 shows that point to possible answers to the questions already listed above. With this "corpus" of analysis of the statements that reverberate in the artistic language of the group so far, the research points to ethical and aesthetic reflections in the actor's work, as a trigger for the constitution of a very unique line of artistic research for the group, regardless of the institutional bond. Among the possible (in)concluded conclusions of the research, the meanings of the actor's work in his productions stand out, from the training of actors called "organic reason", created and developed collectively, in the "great time" of Bakhtin, during the doctoral process of professor Hugo Daniel Mengarelli, the mentor that permeates the (re)existence of the PalavrAção Cia de Teatro at UFPR to this day.pt_BR
dc.format.extent1 recurso online : PDF.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.subjectCompanhias de teatropt_BR
dc.subjectTeatro na educaçãopt_BR
dc.subjectLinguagem e culturapt_BR
dc.subjectUniversidades e faculdadespt_BR
dc.subjectAtorespt_BR
dc.subjectTabela Áreas do Conhecimento CNPqpt_BR
dc.titlePalavrAção Cia de Teatro da UFPR : travessias em perspectiva dialógicapt_BR
dc.typeTese Digitalpt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record