Show simple item record

dc.contributor.advisorAmaral, Dea Amaral Ferreira dopt_BR
dc.contributor.authorKubicki, Dorotypt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciências Biológicas. Programa de Pós-Graduação em Ciências (Bioquímica)pt_BR
dc.date.accessioned2022-04-05T15:58:17Z
dc.date.available2022-04-05T15:58:17Z
dc.date.issued1984pt_BR
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/1884/74847
dc.descriptionOrientador: Déa Amaral Ferreira do Amaralpt_BR
dc.descriptionDissertaçao (mestrado) -Universidade Federal do Paraná. Curso de Pós-Graduaçao em Bioquímicapt_BR
dc.description.abstractResumo: O mutante DD 09 do fungo Dactylium dendroides obtido por tratamento com N-metil-N'-nitro-N-nitrosoguanidina, apresentou características morfológicas diferentes do tipo selvagem. O crescimento em meio mínimo foi semelhante ao tipo selvagem suplementado com as seguintes fontes de carbono: D-glucose, D-frutose, D-manose, D-xilose e glicerol. Tanto o selvagem como o mutante não utilizaram D-arabinose. O crescimento em D-galactose e L-arabinose se mostrou deficiente no mutante ao contrário do tipo selvagem, podendo ser seu fenotipo caracterizado como Gal- e Ara-. A análise das enzimas componentes da via degradativa da galactose no mutante demonstrou a existência de bloqueio de síntese da galactose-l-P uridil transferase. A incorporação de D- U 14 C -galactose no mutante embora em níveis mais baixos que no tipo selvagem pôde ser comparada, indicando que o mesmo não se acha alterado em seu sistema de transporte para aquele açúcar, sendo o transporte do tipo constitutivo. A indução do sistema de transporte para L-arabinose no mutante comprovou a incorporação de L- 1 14C -arabinose, indicando que o sistema de transporte para aquela pentose não foi afetado. A inibição por cicloheximida durante a indução do sistema de transporte indica a síntese "de novo" das enzimas a ele pertinentes. Embora a não utilização de L-arabinose pelo mutante indique um bloqueio na síntese de alguma enzima envolvida na degradação da pentose, a mesma não foi caracterizada por se desconhecer até o momento a via degradativa deste açúcar em Dactylium denaroides.pt_BR
dc.format.extent45 p.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.subjectTesespt_BR
dc.titleCaracterizaçao e fisiologia de um mutante morfológico do fungo Dactylium dendroides deficiente na utilizaçao de galactosept_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record