Show simple item record

dc.contributor.advisorRanzi, Serlei Maria Fischer, 1955-pt_BR
dc.contributor.authorMartins, Claudia Regina Kawkapt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Educação. Programa de Pós-Graduação em Educaçãopt_BR
dc.date.accessioned2022-06-28T17:32:47Z
dc.date.available2022-06-28T17:32:47Z
dc.date.issued1999pt_BR
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/1884/74744
dc.descriptionOrientadora: Profª Drª Serlei Maria Fischer Ranzipt_BR
dc.descriptionDissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Educação, Curso de Pós-Graduação em Educaçãopt_BR
dc.descriptionInclui referências: p. 127-134pt_BR
dc.description.abstractResumo: O objetivo do trabalho realizado foi analisar a situação do ensino de História, no Estado do Paraná, mais precisamente na cidade de Curitiba e na Região Metropolitana, durante a década de setenta. Após a reforma de ensino do 1° e 2° graus, conhecida como Lei 5692/71, a História, da 5a a 8a série, deixou de existir enquanto disciplina escolar e passou a fazer parte da área de Estudos Sociais, onde repartia espaço com a Geografia, a Organização Social e Política do Brasil e a Educação Moral e Cívica, em cinco aulas semanais. Partiu-se do estudo da legislação do período e das práticas de professores que lecionaram nessa época. Buscou-se a com preensão das práticas pedagógicas do período a partir das narrativas e descrições dos professores entrevistados. Foram utilizadas tanto fontes escritas - currículo, legislação oficial, discursos de governo - como fontes orais, através de entrevistas com sete professoras que trabalharam com Estudos Sociais nos anos setenta. Através da pesquisa percebeu-se a importância de se dar voz aos professores para se chegar a algumas evidências sobre o ensino de História no período estudado. Vimos que cada professor possui uma maneira própria de ensinar e é no espaço da sala de aula que realmente os conteúdos e o currículo tomam sua real existência, muitas vezes de forma bem diferente do que consta no currículo oficial e nas reformas de ensino. Tentar compreender como o ensino de História se desenvolveu no período estudado foi um a tarefa bastante complexa, pois implicou uma análise da inter-relação entre os registros oficiais e as práticas do dia-a-dia na sala de aula, ou seja, foi preciso ultrapassar as normas oficiais para, através das entrevistas, compreender a reconstrução do currículo pelos professores na sua prática diária.pt_BR
dc.description.abstractAbstract: The purpose of this work was the analysis o f History teaching in the State of Paraná, specifically in the city of Curitiba and in its neighboring area in the 1970s. After the educational reform known as Law 5692/71, History was dismissed as a specific discipline to be a constituent of Social Studies, sharing space with Geography, Brazilian Social and Political Organization and Civic and Moral Education within five weekly lessons. The analysis started with the study of the legislation of that period and the practice of teachers that were then in activity. An inquiry was made to understand the pedagogic practice of that period on the basis of reports and descriptions of the interviewed teachers. For that purpose two kinds of sources were used: written (curriculum, official legislation, official discourse) and oral (interviews with seven teachers that taught Social Studies in the 1970s). There search evinces that it is important to hear the voice of teachers to find out some evidences regarding the teaching o f History during the studied period. It is apparent that each teacher has a peculiar way o f teaching and that it is within the classroom that the contents and the curriculum get their real existence, seldom in a quite different feature from that appearing in the official curriculum or in the letter of the educational reforms. Trying to understand how the teaching of History developed in the analysed period was a very complex task, since it involved an analysis o f the interrelations between the official records and the daily practice in the classroom. It was necessary to surpass the official patterns in order to understand - through interviews - the rebuilding of the curriculum by teachers in their daily practice.pt_BR
dc.format.extent135 f. ; 30 cm.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.relationDisponível em formato digitalpt_BR
dc.subjectHistoria - Estudo e ensino - Paraná - 1970pt_BR
dc.subjectRedação acadêmicapt_BR
dc.subjectEducaçãopt_BR
dc.titleO ensino de história no Paraná, na década de setenta : legislações e práticaspt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record