Show simple item record

dc.contributor.advisorFelix, Jorge Vinícius Cestaript_BR
dc.contributor.authorBucco, Marciapt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciências da Saúde. Programa de Pós-Graduação em Enfermagempt_BR
dc.date.accessioned2022-08-05T18:53:14Z
dc.date.available2022-08-05T18:53:14Z
dc.date.issued2021pt_BR
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/1884/74666
dc.descriptionOrientador: Prof. Dr. Jorge Vinícius Cestari Felixpt_BR
dc.descriptionDissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências da Saúde, Programa de Pós-Graduação em Enfermagem. Defesa : Curitiba, 02/12/2021pt_BR
dc.descriptionInclui referências: p. 82-95pt_BR
dc.description.abstractResumo: O ato de ensinar por meio da Simulação Clínica utiliza técnicas educativas e/ou equipamentos tecnológicos e é uma estratégia pedagógica voltada à aprendizagem experiencial. O debriefing é uma das etapas mais importantes desse método de ensino, pois proporciona a revisão, a reflexão e o raciocínio, contribuindo, assim, para a redução dos fatores estressores. Na impossibilidade de contatos presenciais em decorrência da pandemia de Covid-19, a simulação e o debriefing virtual são alternativas de aprendizagem, pois para a sua realização utilizam-se plataformas de videoconferência baseadas na web. O presente estudo, que possui métodos mistos, objetivou avaliar o debriefing virtual realizado com 60 estudantes de enfermagem, em sua maioria jovens e do sexo feminino, matriculados do quinto ao nono período, de três universidades do sul do Brasil entre 2020 e 2021. De início, desenvolveu-se um website para proporcionar a divulgação da pesquisa e viabilizar a coleta de dados. Posteriormente, os estudantes acessaram o website, assistiram a um cenário gravado de simulação clínica sobre rebaixamento do nível de consciência por hipoglicemia e, com o auxílio de plataformas da web, realizou-se o debriefing virtual. Finalmente, os estudantes responderam a dois instrumentos disponíveis no website, quais sejam: a "Escala de Avaliação do Debriefing associado à Simulação" (EADaS) e a "Escala de Experiência com o Debriefing" (EED). Os dados coletados foram inseridos em planilhas do Microsoft Excel® e, em seguida, submetidos à análise estatística descritiva. Por sua vez, para a análise qualitativa utilizou-se o software Iramuteq®. Na EADaS, a concordância apresentada nos resultados de todos os fatores da escala foi de 97,67% nos itens avaliados como concordo ou concordo completamente. Na EED, os melhores escores de concordância foram verificados nos valores psicossocial e cognitivo, com maior discordância no valor afetivo. Tais resultados possibilitam entender que os estudantes compreendem a experiência como positiva. Por esse motivo, a simulação e o debriefing virtual mostram-se como alternativas eficientes para a manutenção da qualidade do ensino remoto, ao qual a comunidade acadêmica foi inserida no contexto pandêmico.pt_BR
dc.description.abstractAbstract: The act of teaching through Clinical Simulation uses educational techniques and/or technological equipment and is a pedagogical strategy aimed at experiential learning. Debriefing is one of the most important stages of this teaching method, as it provides review, reflection, and reasoning, thus contributing to the reduction of stressors. Given the impossibility of face-to-face contacts due to the Covid-19 pandemic, simulation and virtual debriefing are learning alternatives, as web-based videoconferencing platforms are used to carry them out. The present study, which uses mixed methods, aimed to evaluate the virtual debriefing carried out with 60 nursing students, mostly young and female, between 2020 and 2021, enrolled from the fifth to the ninth period in three universities from Southern Brazil. Initially, a website was developed to publicize the research and facilitate data collection. Afterwards, the students accessed the website, watched a recorded clinical simulation scenario on the lowering of the level of consciousness due to hypoglycemia and, by means of web platforms, the virtual debriefing was carried out. Finally, the students answered two instruments available on the website, namely: the "Debriefing Assessment Scale associated with Simulation" (EADaS) and the "Experience with Debriefing Scale" (EED). The collected data were entered into Microsoft Excel® spreadsheets and then submitted to descriptive statistical analysis. In turn, for the qualitative analysis, the Iramuteq software was used. In the EADaS, the agreement presented in the results of all the factors of the scale was 97.67% in the items evaluated as agree or completely agree. In the EED, the best scores of agreements were verified in the psychosocial and cognitive values, with greater disagreement in the affective value. Therefore, such results make it possible to apprehend those students understand the experience under analysis as positive, which, consequently, contributes to their learning process. For this reason, virtual debriefing is an efficient alternative for maintaining the quality of distance education, to which the academic community was inserted in the pandemic context.pt_BR
dc.format.extent1 recurso online : PDF.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.subjectEducação em enfermagempt_BR
dc.subjectAprendizagempt_BR
dc.subjectEnfermagempt_BR
dc.titleAvaliação do debriefing virtual com estudantes de enfermagempt_BR
dc.typeDissertação Digitalpt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record