Show simple item record

dc.contributor.advisorRamos, Edivan Rodrigo de Paula, 1979-pt_BR
dc.contributor.authorPinheiro, Marco André Reis, 1991-pt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná (Campus Toledo). Curso de Graduação em Medicinapt_BR
dc.date.accessioned2022-03-14T12:23:02Z
dc.date.available2022-03-14T12:23:02Z
dc.date.issued2022pt_BR
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/1884/73957
dc.descriptionOrientador: Dr. Edivan Rodrigo de Paula Ramospt_BR
dc.descriptionMonografia (graduação) - Universidade Federal do Paraná (Campus Toledo), Curso de Graduação em Medicina.pt_BR
dc.descriptionInclui referênciaspt_BR
dc.description.abstractResumo: Objetivos: determinar a prevalência e fatores associados à depressão puerperal de puérperas atendidas pela rede pública de saúde em um município do sul do Brasil. Métodos: trata-se de um estudo observacional, analítico e transversal, que determinou e caracterizou a prevalência de sintomas de depressão puerperal, com amostra probabilística de 229 puérperas. Os dados dos fatores associados foram obtidos por meio de questionário de caracterização da amostra, desenvolvido pelos pesquisadores para coleta de dados. Para a triagem de depressão puerperal, foi-se utilizada a Escala de Depressão Pós-parto de Edimburgo, instrumento validado para rastreio de depressão puerperal (DPP). Realizou-se a análise bi e multivariada de dados por meio de regressão logística. Resultados: A prevalência de DPP no município de Toledo-PR foi de 30,1% (n=69). A análise multivariada mostrou associação com classe social D/E (RP=1,27; IC95% 1,03–1,56; p=0,02), ingestão de bebidas alcoólicas (RP=1,58; IC95% 1,25–2,00; p<0,001), ter vivenciado conflitos familiares (RP=1,50; IC95% 1,14–1,97; p<0,01), intenção de interromper a gestação (RP=1,22; IC95% 1,07–1,40; p<0,01). Conclusões: encontrou-se alta prevalência de sintomas depressivos em puérperas. Os dados sugerem que puérperas com histórico de eventos estressores e/ou de classes sociais D/E devem ter assistência especial quanto a triagem para possíveis quadros de DPP, pois estas possuem maiores riscos em desenvolverem tal patologiapt_BR
dc.format.extent1 recurso online : PDF.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.subjectDepressão pós-partopt_BR
dc.titleDeterminação e caracterização da prevalência de sintomas depressivos em puérperas atendidas pela rede pública de saúde do município de Toledo - PRpt_BR
dc.typeMonografia Graduação Digitalpt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record