Show simple item record

dc.contributor.advisorRamos, Simone Cristina, 1973-pt_BR
dc.contributor.authorCampos, Núbia Veríssimopt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciências Sociais Aplicadas. Programa de Pós-Graduação em Gestão de Organizações, Liderança e Decisãopt_BR
dc.date.accessioned2022-02-15T19:06:25Z
dc.date.available2022-02-15T19:06:25Z
dc.date.issued2021pt_BR
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/1884/73216
dc.descriptionOrientadora: Profª. Drª. Simone Cristina Ramospt_BR
dc.descriptionDissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências Sociais Aplicadas, Programa de Pós-Graduação em Gestão de Organizações, Liderança e Decisão. Defesa : Curitiba, 15/09/2021pt_BR
dc.descriptionInclui referências: p. 111-127pt_BR
dc.description.abstractResumo: Nos últimos anos, as organizações têm passado por diversas transformações que impactam tanto os sistemas produtivos como os aspectos comportamentais dos indivíduos no ambiente organizacional, fazendo com que os modelos de governança sejam repensados. A despeito das particularidades do serviço público, a cobrança pela qualidade dos bens e serviços públicos, aliada aos novos modelos de governança, faz com que os aspectos humanos e o vínculo entre servidor e organização levem os pesquisadores ao estudo do comprometimento organizacional e do suporte organizacional oferecido pela administração pública. Embora o comprometimento organizacional e o suporte organizacional percebido sejam reconhecidos como temas relevantes no contexto das organizações, ainda resta muito a explorar sobre a temática, visando compreendê-la melhor. Diante dessa perspectiva, nesta dissertação, busca-se analisar como o suporte organizacional percebido afeta o comprometimento organizacional no contexto das organizações públicas da área de saúde. Foi realizado, assim, um estudo por meio do método de pesquisa com survey, com a aplicação de instrumento adaptado às necessidades da pesquisa, com foco nas características gerais dos constructos. Os resultados obtidos indicam que a relação entre as variáveis apresentou significância estatística, sugerindo que há relação entre o suporte organizacional percebido e o comprometimento organizacional, porém a relação e o impacto entre os dois constructos são considerados fracos. Pelo nível do comprometimento afetivo identificado, foi possível verificar que o maior percentual dos pesquisados mantém ligação emocional com a instituição. Por sua vez, a percepção do suporte organizacional foi avaliada em nível mediano, o que destaca a importância de se ampliar ações de promoção do suporte organizacional na instituição estudada. Dentre as principais contribuições, esta pesquisa avança na construção do conhecimento científico ao apresentar dados empíricos de suporte à teoria. Outra importante contribuição deste trabalho se deve ao preenchimento da lacuna de pesquisas voltadas ao estudo do suporte organizacional percebido e do comprometimento organizacional em organizações públicas da área de saúde, em especial no Brasil. O presente estudo contribuiu, ainda, para validação nacional dos instrumentos de mensuração Survey of Perceived Organizational Support, versão reduzida (oito questões) para medicão da percepção do suporte organizacional e Klein et al., Unidimensional, Target-free measure para medição do comprometimento organizacional, conforme análises fatoriais apresentadas. Acredita-se que o presente estudo possa resultar em reflexões aos stakeholders envolvidos, visando a promoção de ações voltadas ao fortalecimento da percepção do suporte organizacional e do comprometimento organizacional no complexo hospitalar pesquisado.pt_BR
dc.description.abstractAbstract: In recent years, organizations have gone through several transformations that impact both production systems and the behavioral aspects of individuals in the organizational environment, causing governance models to be rethought. Despite the particularities of the public service, the demand for the quality of public goods and services, combined with new governance models, makes the human aspects and the link between server and organization lead researchers to study organizational commitment and organizational support offered by the public administration. Although organizational commitment and perceived organizational support are recognized as relevant themes in the context of organizations, there is still a lot to explore about the theme, aiming to better understand it. From this perspective, this dissertation seeks to analyze how perceived organizational support affects organizational commitment in the context of public organizations in the health area. Thus, a study was carried out using the survey research method, with the application of an instrument adapted to the research needs, focusing on the general characteristics of the constructs. The results obtained indicate that the relationship between the variables was statistically significant, suggesting that there is a relationship between perceived organizational support and organizational commitment, but the relationship and impact between the two constructs are considered weak. By the level of affective commitment identified, it was possible to verify that the highest percentage of respondents maintain an emotional connection with the institution. In turn, the perception of organizational support was evaluated at a median level, which highlights the importance of expanding actions to promote organizational support in the studied institution. Among the main contributions, this research advances in the construction of scientific knowledge by presenting empirical data to support the theory. Another important contribution of this work is due to filling the gap in research aimed at the study of perceived organizational support and organizational commitment in public organizations in the health area, especially in Brazil. This study also contributed to the national validation of the measurement instruments Survey of Perceived Organizational Support, short version (eight questions) to measure the perception of organizational support and Klein et al., Unidimensional, Target-free measure to measure organizational commitment, according to the factor analysis presented. It is believed that this study can result in reflections to the stakeholders involved, aiming to promote actions aimed at strengthening the perception of organizational support and organizational commitment in the researched hospital complex.pt_BR
dc.format.extent1 arquivo (132 p.) : il.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.subjectComprometimento organizacionalpt_BR
dc.subjectAdministração públicapt_BR
dc.subjectSaúde públicapt_BR
dc.subjectAdministração de Empresaspt_BR
dc.titleImpacto do suporte organizacional percebido sobre o comprometimento organizacional no contexto da saúde públicapt_BR
dc.typeDissertação Digitalpt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record