Show simple item record

dc.contributor.authorNazário, Saimon da Silva, 1995-pt_BR
dc.contributor.otherCruz, Elaine Drehmer de Almeida, 1962-pt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciências da Saúde. Programa de Pós-Graduação em Enfermagempt_BR
dc.date.accessioned2021-08-04T17:30:04Z
dc.date.available2021-08-04T17:30:04Z
dc.date.issued2021pt_BR
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/1884/71608
dc.descriptionOrientadora: Profª Drª Elaine Drehmer de Almeida Cruzpt_BR
dc.descriptionDissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências da Saúde, Programa de Pós-Graduação em Enfermagem. Defesa : Curitiba, 25/02/2021pt_BR
dc.descriptionInclui referências: p. 53-61pt_BR
dc.descriptionÁrea de concentração: Prática Profissional de Enfermagempt_BR
dc.description.abstractResumo: Este estudo teve como objetivos comparar e caracterizar os eventos adversos, notificados espontaneamente e detectados ativamente, entre pacientes internados no período de 01 de julho a 31 de dezembro de 2019 em unidade de terapia intensiva do município de Curitiba, Paraná, Brasil. Trata-se de pesquisa avaliativa transversal de base documental, que utilizou a metodologia do Canadian Adverse Events Study para o rastreamento ativo e análise de casos; e relatório institucional relativo aos casos notificados. O teste não paramétrico de Mcnemar foi aplicado para detectar se houve diferença significativa entre as proporções. Os eventos adversos se caracterizaram pelo predomínio de lesão por pressão, sepse e remoção não programada de sonda de alimentação, esses detectados, majoritariamente (p<0.001), por meio de rastreamento, com prevalência de, aproximadamente, 13 vezes maior quando comparada à notificação espontânea (39,8% versus 3,0%). A caracterização comparativa dos casos identificados por notificação espontânea e rastreamento ativo indica explícita subnotificação. Quanto à evitabilidade e gravidade, observa-se casos com maior gravidade e menor evitabilidade na notificação espontânea, inferindo trivialização no relato de eventos julgados como de baixa gravidade. Os resultados indicam alto potencial de prevenção dos eventos, maior frequência entre homens com idade acima de 61 anos e com tempo médio de internação de 25 dias. Conclui-se que a detecção ativa, por meio do rastreamento, é superior como método para estimar a prevalência, o potencial de prevenção e a gravidade; detectar fatores associados aos eventos e identificar falhas no sistema de notificação espontânea. Sugere-se atividades educativas e de incentivo à notificação espontânea, agregada ao sistema de rastreamento ativo, o qual pode melhor subsidiar medidas gerenciais de controle e prevenção de eventos adversos, contribuindo para o plano institucional de segurança do paciente. Esta pesquisa contribui para evidenciar a subnotificação de eventos adversos e destacar o rastreamento como método de escolha para alimentar o sistema de informações. Os resultados impactam ao evidenciar que o atual sistema de notificação espontânea de eventos, utilizado nas instituições de saúde do Brasil, é limitado e não reflete a realidade e, portanto, esta pesquisa agrega conhecimento para a revisão das políticas públicas e institucionais de gestão de segurança. Palavras-chave: Segurança do Paciente. Eventos adversos. Monitoramento Epidemiológico. Sistemas de Informação em Saúde. Gestão de Segurança.pt_BR
dc.description.abstractAbstract: This study aimed to compare and characterize adverse events, spontaneously reported and actively detected, among patients hospitalized from July 1 to December 31, 2019 in an intensive care unit in the city of Curitiba, Paraná, Brazil. This is a cross-sectional evaluative research based on documents, which used the methodology of the Canadian Adverse Events Study for active tracking and care analysis; and institutional report on notified cases. Mcnemar's nonparametric test was applied to detect whether there was a significant difference between the proportions. Adverse events were characterized by a predominance of pressure injury, sepsis and unscheduled removal of a feedin tube, these detected, mostly (p<0,001), through screening, with a prevalence of approximately (39,8% versus 3,0%). The comparative characterization of the cases identified by spontaneous notification and active tracking indicates explicit underreporting. As for avoidability and severity, there are cases with greater severity and less avoidability in spontaneous reporting, infererring trivialization in reporting events judged to be of low severity. The results indicate a high potential for the prevention of events, a higher frequency among men over the age of 61 years and with an average hospital stay of 25 days. It is concluded that active detection, through screening, is superior as a method to estimate prevalence, prevention potential and severity; detect factors associated with the events and identify flaws in the spontaneous notification system. Educational activities and incentives for spontaneous notification ate suggested, added to the active tracking system, which can better subsidize added to the active tracking system, which can better subsidize management measures to control and prevent adverse events, contributing to the institutional patient safety plan. This research contributes to highlight the underreporting of adverse events and highlight tracking as a method of choice to feed the information system. The results impact when evidencing that the current system of spontaneous notification of events, used in the health institutions of Brazil, is limited and does not reflect the reality and, therefore this research adds knowledge for the review of public and institutional policies of security management. Keywords: Patient Safety. Adverse events. Epidemiological Monitoring. Health Information Systems. Security Managementpt_BR
dc.format.extent1 arquivo (76 p.) : il. (algumas color.).pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.subjectSegurança do pacientept_BR
dc.subjectMonitoramento epidemiológicopt_BR
dc.subjectSistemas de informaçao em saúdept_BR
dc.subjectEnfermagempt_BR
dc.titleComparação dos eventos adversos notificados espontaneamente e por rastreamentopt_BR
dc.typeDissertação Digitalpt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record