Show simple item record

dc.contributor.authorFerreira, Fabio Aparecido, 1985-pt_BR
dc.contributor.otherSchmidt, Maria Auxiliadora M. S. (Maria Auxiliadora Moreira dos Santos), 1948-pt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Educação. Programa de Pós-Graduação em Educaçãopt_BR
dc.date.accessioned2021-07-29T19:14:04Z
dc.date.available2021-07-29T19:14:04Z
dc.date.issued2020pt_BR
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/1884/71518
dc.descriptionOrientadora: Prof.a Dr.a Maria Auxiliadora Moreira dos Santos Schmidtpt_BR
dc.descriptionDissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Educação, Programa de Pós-Graduação em Educação. Defesa : Curitiba, 10/12/2020pt_BR
dc.descriptionInclui referências: p. 149-154pt_BR
dc.description.abstractResumo: Esta investigação analisou a relação entre imagens fotográficas e aprendizagem histórica, subsidiado pelo referencial teórico da Educação Histórica (SCHMIDT, 2009, 2020) e da teoria da consciência histórica (RÜSEN, 2015). Para isto, a pesquisa analisou as possibilidades de mobilização das competências do pensamento histórico a partir deste tipo de imagem por meio de estudo empírico em manuais didáticos. Assim, foram debatidas as relações entre historiografia e fotografia, bem como a incorporação das imagens fotográficas pelo ensino de história, perspectivadas pela competência evidência histórica (ASHBY, 2006). A partir do pressuposto de que os manuais didáticos podem ser considerados como uma das principais formas de inserção das imagens fotográficas em contextos escolares e que sua análise pode ser delimitada a partir da tensão entre cultura escolar (FORQUIN, 1993) e cultura histórica (RÜSEN, 2015), realizamos um primeiro estudo - este de caráter quantitativo-qualitativo - que analisou a presença das imagens fotográficas nas três coleções de manuais didáticos com maior número de exemplares distribuídos pelo PNLD 2018. Os resultados desta primeira investigação subsidiaram o estudo principal, que consistiu em uma investigação de caráter qualitativo que analisou a coleção Olhares da História: Brasil e mundo (VICENTINO e VICENTINO, 2016). A partir de elementos da análise documental (GIL, 2008) e análise de conteúdo (BARDIN, 2011), investigamos a estratégia adotada pela coleção para realizar aberturas de capítulos, a qual adota imagens fotográficas como elemento para aproximar o estudante dos conteúdos dispostos ao longo dos capítulos, com a finalidade de compreender as possibilidades de mobilização das competências do pensamento histórico pelas imagens fotográficas presentes neste artefato. Os resultados do estudo principal apresentaram possibilidades empíricas de mobilização das competências do pensamento histórico a partir das imagens fotográfica, o que permitiu que nas considerações fossem apontados elementos para se pensar em categorias de imagens fotográficas relacionadas a aprendizagem histórica. Palavras-chave: Fotografia, Aprendizagem histórica, Manuais didáticos, Cultura histórica, Cultura escolar.pt_BR
dc.description.abstractAbstract: This investigation analyzed the relationship between photographic images and historical learning, supported by the theoretical framework of Historical Education (SCHMIDT, 2009, 2020) and the theory of historical consciousness (RÜSEN, 2015).Thus, the relations between historiography and photography were debated, as well as the incorporation of photographic images by the teaching of history, envisaged from the competence of historical evidence (ASHBY, 2006).For this, the research analyzed the possibilities of mobilization of competences of historical thinking from this type of image through empirical study in textbooks. Based on the presupposition that textbooks can be considered as one of the main ways of inserting photographic images in school contexts and that their analysis can be delimited from the tension between school culture (FORQUIN, 1993) and historical culture (RÜSEN, 2015), we carried out a first study - this one of quantitative-qualitative character - that analyzed the presence of photographic images in the three collections of textbooks with the largest number of copies distributed by PNLD 2018.The results of this first investigation supported the main study, which consisted of in a qualitative investigation that analyzed the collection Olhares da História: Brasil e Mundo (VICENTINO and VICENTINO, 2016). Based on elements of documentary analysis (GIL, 2008) and content analysis (BARDIN, 2011), we investigate the strategy adopted by the collection to open chapters, which adopts photographic images as an element to bring the student closer to the contents displayed throughout of the chapters, in order to understand the possibilities of mobilizing the competences of historical thought through the photographic images present in this artifact. The results of the main study showed empirical possibilities for mobilizing the competences of historical thinking from photographic images, which allowed the considerations to point out elements for thinking about categories of photographic images related to historical learning. Keywords: Photography, Historical learning, Textbooks, Historical culture, School culture.pt_BR
dc.format.extent1 arquivo (154 p.) : il. (algumas color.).pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.subjectHistoria - Estudo e ensinopt_BR
dc.subjectFotografia na historiografiapt_BR
dc.subjectFotografiapt_BR
dc.subjectCultura escolarpt_BR
dc.subjectEducaçãopt_BR
dc.titleFotografia e aprendizagem histórica : a presença das imagens fotográficas nos manuais didáticos de históriapt_BR
dc.typeDissertação Digitalpt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record