Show simple item record

dc.contributor.advisorFreire, Márcia Helena de Souza, 1958-pt_BR
dc.contributor.authorRocha, Franciele, 1984-pt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciências da Saúde. Programa de Pós-Graduação em Enfermagempt_BR
dc.date.accessioned2022-08-04T12:21:37Z
dc.date.available2022-08-04T12:21:37Z
dc.date.issued2019pt_BR
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/1884/71309
dc.descriptionOrientadora: Profa. Dra. Márcia Helena de Souza Freirept_BR
dc.descriptionDissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências da Saúde, Programa de Pós-Graduação em Enfermagem. Defesa : Curitiba, 30/09/2019pt_BR
dc.descriptionInclui referênciaspt_BR
dc.descriptionÁrea de concentração: Prática Profissional de Enfermagempt_BR
dc.description.abstractResumo: A avaliação clínica realizada pelo enfermeiro em unidade de terapia intensiva tem como objetivos constituir um banco de informações sobre as reais ou potenciais necessidades do paciente e estabelecer os diagnósticos de enfermagem, possibilitando elaborar planos de cuidados centralizados, oportunos e adequados. Essa etapa do processo de enfermagem é de extrema relevância, haja vista a diversidade de situações patológicas e terapêuticas com as quais se deparam os enfermeiros de unidades de terapia intensiva pediátrica e neonatal. Este estudo objetivou desenvolver tecnologia assistencial de avaliação clínica do neonato em Unidade de Terapia Intensiva, para uso do enfermeiro. Trata-se de uma pesquisa metodológica que teve como cenário um hospital infantil público do estado do Paraná e, adotou-se como base teórica a Teoria das Necessidades Humanas Básicas de Wanda de Aguiar Horta, adaptada. Estudo aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa, do Setor de Ciências da Saúde, da Universidade Federal do Paraná, sob o Parecer nº 2.947.877. Projeto financiado pelo Acordo CAPES/COFEN, Edital no27/2016. A Tecnologia Assistencial, consistiu na criação de App, Aplicativo Móvel para Avaliação Clínica do Neonato em UTI, para uso de Enfermeiros, com prototipagem baseada na ABNT ISO/TR 16982:2014 (ABNT, 2014), disposto em ciclos de design interativos. O desenvolvimento do processo de criação utilizou duas fases. A primeira, Fase das Informações que compreendeu a revisão bibliográfica, informações e análise dos dados. A segunda, Fase da Produção Técnica, contemplou duas de três etapas de produção tecnológica, segundo ABNT 2014: 1. Definição de requisitos e elaboração do mapa conceitual; 2. Geração das alternativas de implementação. Considera-se como limitações tratar-se de conhecimento específico, com necessidade de expertise para as etapas de construção, aplicabilidade e processo de progressão do aplicativo, para tanto a contratação de empresas júnior. A utilização desta tecnologia, permitirá o desenvolvimento do Processo de Enfermagem de forma ágil, segura e precisa nas intervenções oportunas e, personalizadas de Avaliação Clínica do Neonato, prevenindo morbi-mortalidade, impacto social relevante no âmbito da saúde. Poderá ser aplicada em outros cenários de cuidado semelhantes.pt_BR
dc.description.abstractAbstract: The clinical assessment performed by nurses in the intensive care unit aims to provide a database of information about the patient's real or potential needs and establish nursing diagnoses, enabling the development of centralized, timely and appropriate care plans. This stage of the nursing process is extremely relevant, given the diversity of pathological and therapeutic situations faced by nurses in pediatric and neonatal intensive care units. This study aimed to develop assistive technology for clinical evaluation of the neonate in Intensive Care Unit, for use by nurses. This is a methodological research that had as its setting a public children's hospital in the state of Paraná and was based on Wanda de Aguiar Horta's Theory of Basic Human Needs, adapted. Study approved by the Research Ethics Committee of the Health Sciences Sector of the Federal University of Paraná, under Opinion No. 2,947,877. Project funded by the CAPES / COFEN Agreement, Notice no. 27/2016. Assistive Technology, consisted of the creation of App, Mobile Application for Clinical Evaluation of the Newborn in ICU, for use by Nurses, with prototyping based on ABNT ISO / TR 16982: 2014 (ABNT, 2014), arranged in interactive design cycles. The development of the creation process used two phases. The first, Information Phase, which comprised the literature review, information and data analysis. The second, Technical Production Phase, contemplated two of three technological production stages, according to ABNT 2014: 1. Definition of requirements and elaboration of the concept map; 2. Generation of implementation alternatives. Limitations are considered specific knowledge, requiring expertise for the stages of construction, applicability and process of application progression, for both hiring junior companies. The use of this technology will allow the development of the Nursing Process in an agile, safe and accurate manner in timely and personalized interventions of the Clinical Evaluation of the Neonate, preventing morbidity and mortality, relevant social impact in health. It may be applied in other similar caution scenarios.pt_BR
dc.format.extent1 recurso online : PDF.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.subjectProcesso de enfermagempt_BR
dc.subjectTecnologias em saúdept_BR
dc.subjectEnfermagem neonatalpt_BR
dc.subjectTerapia intensiva neonatalpt_BR
dc.subjectEnfermagempt_BR
dc.titleAplicativo móvel para uso do enfermeiro na avaliação clínica do neonato em Unidade de Terapia Intensivapt_BR
dc.typeDissertação Digitalpt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record