Show simple item record

dc.contributor.authorMedeiros, Diamila, 1988-pt_BR
dc.contributor.otherStroparo, Sandra M., 1970-pt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciências Humanas. Programa de Pós-Graduação em Letraspt_BR
dc.date.accessioned2020-11-05T20:47:02Z
dc.date.available2020-11-05T20:47:02Z
dc.date.issued2020pt_BR
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/1884/67876
dc.descriptionOrientadora: Profa Dra Sandra Mara Stroparopt_BR
dc.descriptionTese (doutorado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências Humanas, Programa de Pós-Graduação em Letras. Defesa : Curitiba, 27/02/2020pt_BR
dc.descriptionInclui referências: p. 244-268pt_BR
dc.description.abstractResumo: A partir da análise de um conjunto de livros de poesia brasileira publicados depois dos anos 2000, foi possível notar que havia um número interessante de obras que, de alguma forma, faziam uso de procedimentos de intertextualidade, por meio de mecanismos específicos que nomeio de referenciação, citação, reescrita e colagem. Assim, o objetivo principal da presente tese é fazer uma apresentação dessas obras, com o intuito de formular algumas ideias acerca da produção de poesia no Brasil, hoje. O percurso se dá a partir de uma certa linhagem da poesia ocidental, forjada principalmente nas Vanguardas europeias e no Modernismo brasileiro e que fez uso da intertextualidade. O trabalho parte, inicialmente, de discussões teóricas acerca das definições de intertextualidade, desde o seu surgimento até os desdobramentos contemporâneos da expressão. Em seguida, direciono minhas reflexões para o trabalho desenvolvido por James Joyce, T.S. Eliot e Walter Benjamin quanto ao reaproveitamento de textos anteriores. Posteriormente, faço um percurso parecido, tomando como base o trabalho de cinco escritores brasileiros: Oswald de Andrade, sobretudo pela via da antropofagia; José Paulo Paes, Sebastião Uchoa Leite, Roberto Piva, e encerro com Haroldo de Campos e o neobarroco. A intenção é demonstrar que a intertextualidade - em seus múltiplos desdobramentos -, embora seja um elemento comum à produção literária desde a Antiguidade Clássica, passou a ser empregada com cada vez mais frequência e importância, ao longo do século XX até chegar ao início do século XXI, momento no qual tem sido explorada de maneira a se constituir como um traço discernível em meio à ampla produção poética deste início de século, no Brasil. Dedico-me, assim, à análise dos procedimentos empregados pelos poetas contemporâneos e formulo, ao final, uma antologia de poesia, onde são reunidas obras que apresentam as características exploradas no decorrer do trabalho. Palavras-chave: poesia brasileira contemporânea, intertextualidade, referenciação, citação, reescrita, colagem.pt_BR
dc.description.abstractAbstract: From the analisys of a set of books of brazilian poetry published after the 2000s, it was possible to notice that there was an intersting number of works that, in some way, used intertextual procedures, by means of specific mechanisms here named as referenciation, quotation, rewriting and colage. Therefore, the main goal of the this dissertation is to present those works, aiming at a formulation of some ideia about Brazil's poetry production today. The path follows a certain lineage if Western poetry, forged mainly during the Europeans Avant-Guards and the Brazilian Modernism during which intertextuality was used. This work approaches, initially, theoretical discussions on the definition of intertextuality, from its emergence up to its contemporary unfoldings. Next, I direct my reflection to the work developed by James Joyce, T.S. Eliot and Walter Benjamin about the reusing of previous texts. Later on, I move along a similar path, this time based on five Brazilian writers: Oswald de Andrade, specially via anthropophagy; José Paulo Paes, Sebastião Uchoa Leite, Roberto Piva, and closing with Haroldo de Campos and the Neobarroque. I intend to demonstrate that intertextuality - in its many unfoldings -, even though its a common element to the literary production since Classical Antiquity, has become more and more frequent and important throughout the 20th century up until the beginning of the 21st century, which is the moment it started being used as a way to become a descernible feature among the wide poetic production since the beginning of this century in Brazil. I dedicate myself, thus, to the analysis of the procedures employed by contemporary poets and then I arrange a poetry anthology where the gathered works present features explored along the extention of this work. Keywords: intertextuality, Brazilian contemporary poetry, referenciation, quotation, rewriting and pasting.pt_BR
dc.format.extent313 p. : il.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.subjectPoesia brasileira - História e críticapt_BR
dc.subjectIntertextualidadept_BR
dc.subjectLetraspt_BR
dc.titleReferenciação, citação, reescrita, colagem : o ganho da poesiapt_BR
dc.typeTese Digitalpt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record